Groove Música

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Xbox Music)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Microsoft Groove redireciona para este artigo. Não confundir com Microsoft Office Groove.
Groove Música
Nomes anteriores Xbox Live Marketplace, Xbox Music
Proprietário(s) Microsoft Corporation
Requer pagamento? Sim
Gênero Compra on-line, Streaming
Cadastro Requerido
País de origem Múltiplos
Idioma(s) Múltiplos
Lançamento 16 de outubro de 2012
Desenvolvedor Microsoft Corporation
Endereço eletrónico music.microsoft.com

Groove Music (anteriormente conhecido como Xbox Music e Zune Music) foi um serviço digital de distribuição e streaming de músicas via internet, desenvolvida pela Microsoft, oferecendo mais de 30 milhões de músicas,[1] onde o usuário podia escutar uma prévia da música desejada, fazer compra de músicas ou escutar músicas ilimitadamente através de uma assinatura mensal ou anual. O usuário podia escutar músicas gratuitamente com anúncios. O serviço estava disponível para Xbox 360, Xbox One,[2] Windows 8, Windows RT, Windows Phone 8,[3] iOS, Windows 10, Windows 10 Mobile e Android.[4]

Groove Music foi o sucessor da linha de produtos e serviços, Zune, no qual a Microsoft decidiu abandonar a marca "Zune" e adotar a marca "Xbox" que em 2015, com o lançamento do Windows 10, passou a se denominar "Groove Music". O foco do serviço era competir diretamente com seus maiores concorrentes, que são, iTunes Store, Google Play Música, Amazon MP3, Spotify, entre outros.

A Microsoft anunciou em 2 de outubro de 2017 que encerraria seu serviço de streaming Groove Music Pass até 31 de dezembro de 2017.[5]

História[editar | editar código-fonte]

A Microsoft já havia se aventurado no mercado de serviços de músicas com sua linha de produtos, Zune, e loja virtual, Zune Music Marketplace que possuía 11 milhões de músicas, mas a linha de produtos e os serviços não tiveram sucesso, sendo que a marca foi abandonada no começo de 2010, continuando existindo em vários dispositivos e também no plano de assinatura "Zune Music Pass", no qual oferecia acesso ilimitado as musicas do serviço por uma assinatura mensal ou anual.[6]

Entretanto, a Microsoft foi destacando a força da marca Xbox por causa de seu apelo com os consumidores. Também foi expandido os serviços multimídias através do serviço Xbox Live, agora incluindo locadora virtual e loja de games virtual. Foi decidido então introduzir um novo serviço de música utilizando de base os já existentes.

A Microsoft anunciou seu novo serviço de música em sua press conference na E3 2012, no dia 4 de Junho.

O Xbox Music foi lançado juntamente com o serviço, Xbox Video, no dia 16 de Outubro de 2012.

Recursos[editar | editar código-fonte]

O serviço possuía vários meios de acesso ao seu catalogo de músicas: streaming gratuito, streaming via assinatura e e loja virtual para compra de músicas.[6] O serviço contava com mais de 30 milhões de músicas.[6]

Streaming gratuito[editar | editar código-fonte]

O Groove oferecia streaming gratuito de músicas com anúncios na internet, Windows 8 e dispositivos com Windows RT em 15 países. Não existia restrições durante os primeiros 6 meses, mas após esse período, o serviço limitava o número de horas por mês para streaming gratuito de músicas.

Disponibilidade de plataforma[editar | editar código-fonte]

Aplicativos do Groove estavam disponíveis para Windows 8, Windows 8.1, Windows 10,[7] Windows Phone, Xbox 360, Xbox One, Android e iOS. Uma versão baseada na web também era disponibilizada.[8][9]

A Microsoft divulgou em outubro de 2017 que deixaria de dar suporte ao aplicativo e seus demais recursos. O encerramento do serviço foi fixado para 31 de dezembro de 2017.

A partir de 2 de janeiro de 2018, todos os elementos online do aplicativo foram finalizados. As músicas não poderão ser mais transmitidas e nem compradas pela loja da Microsoft. Da mesma forma, a reprodução de videoclipes também será encerrada e as ferramentas Radio, Explore e Recomendado, com as quais o serviço contava também serão removidas.

Algumas funcionalidades de reprodução de conteúdo off-line ainda continuam disponíveis.

Disponibilidade geográfica[editar | editar código-fonte]

Países onde o Groove esteve disponível:[10]

Referências

  1. «Microsoft unveils Xbox Music». MSNBC. Consultado em 20 de dezembro de 2012 
  2. «Xbox One: Xbox Music». winsupersite.com. Consultado em 27 de janeiro de 2014 
  3. «Xbox Music service announced, coming to Xbox, Windows Phone, and Windows 8». theverge.com. Consultado em 20 de dezembro de 2012 
  4. «Xbox Music launches on iOS and Android, free streaming on the web». theverge.com. Consultado em 9 de setembro de 2013 
  5. «Groove Music Pass e Spotify: Perguntas frequentes». Microsoft Brasil. Consultado em 23 de outubro de 2017 
  6. a b c Brodkin, Jon (4 de junho de 2012). «30 million-track Xbox Music service coming from Microsoft». Ars Technica. Condé Nast Digital. Consultado em 19 de dezembro de 2012 
  7. «Xbox Music is now Groove, as Microsoft recycles and rebrands». Ars Technica. Consultado em 22 de julho de 2015 
  8. «Xbox Music Is Now Available on the Web». Mashable. Consultado em 22 de julho de 2015 
  9. «Xbox Music goes head on with Spotify: web streaming now free, iOS and Android apps out today». Endgadget. Consultado em 22 de julho de 2015 
  10. «Xbox on Windows feature list». Xbox. Consultado em 22 de julho de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]