PlayStation Now

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
PlayStation Now
Ps-now logotipo.jpg
Desenvolvedor Sony Computer Entertainment
Gaikai
Plataforma Smart TV, Smartphone, Tablet, PlayStation Vita, PlayStation 3, PlayStation 4
Lançamento =================================================
                            TVs Sony Bravia
    30 de Junho de 2014 (Beta Aberto da América do Norte)
=====================================
                               PlayStation 4 
        20 de Maio de 2014 (Betá Fechado nos EUA)
     31 de Julho de 2014 (Beta Aberto da América do Norte)
  13 de Janeiro de 2015 (Lançamento na América do Norte)
        7 de Março de 2015 (Beta Preview no Reino Unido)
           15 de Abril de 2015 (Betá Fechado na Europa)
=====================================
                               PlayStation 3
       28 de Janeiro de 2014 (Betá Fechado nos EUA)
18 de Setembro de 2014 (Beta Aberto da América do Norte)
12 de Maio de 2015 (Lançamento na América do Norte)
=====================================
                 PlayStation Vita e PlayStation TV
14 de Outubro de 2014 (Beta Aberto da América do Norte)
Gênero(s) Entretenimento
Página oficial us.playstation.com/playstationnow.

PlayStation Now[1] [2] é um serviço de jogo em nuvem baseado em Gaikai que hospeda videojogos e conteúdo relacionado, e em stream os coloca em smartphones, tablets, televisões, PlayStation 3, PlayStation Vita e PlayStation 4.[3] Uma beta fechada começou nos Estados Unidos no final de Janeiro de 2014, enquanto que se espera que o serviço seja lançado ao publico durante o 2ºQ-3ºQ de 2014.[4] [2] [5] [6] A 19 de Maio, a Sony anunciou que irá estender a beta fechada ao PlayStation 4.[7]

O PlayStation Now foi anunciado em Janeiro de 2014 durante o Consumer Electronics Show,[8] [5] onde a Sony apresentou demonstrações de The Last of Us, God of War: Ascension, Puppeteer e Beyond: Two Souls, jogados através do PlayStation Now em televisões Bravia e Vitas.[2] [9]

PlayStation Now permite aos seus utilizadores pagar para terem acesso aos títulos originais de PlayStation 3 via subscrição ou por jogo individual com planos de oferecer títulos originais de PlayStation , PlayStation 2 e PlayStation 4 no futuro.

A Sony refere que é recomendável que os jogadores tenham uma ligação em banda larga com velocidade mínima de 5Mbps, para conseguirem ter aquilo que é considerado como um "bom desempenho."[2] [10] Para aparelhos não-PlayStation o serviço necessitará do comando DualShock 3 sincronizado com Bluetooth.[11] PlayStation Now tem suporte para troféus, capacidade de guardar ficheiros em nuvem e multijogador online.[2]

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Sarkar, Samit (7-1-2014). Sony announces PlayStation Now, Gaikai-based streaming service Polygon. Visitado em 7-1- 2014.
  2. a b c d e Scott Lowe (7-1-2014). CES: PlayStation Now Hands-on Impressions IGN. Visitado em 9-1-2014.
  3. Hollister, Sean (7-1-2014). Sony announces PlayStation Now, its cloud gaming initative The Verge. Visitado em 7-1-2014.
  4. Reardon, Marguerite. Sony goes all-in on cloud with game, TV streaming CBS Interactive CNET. Visitado em 2013-01-7.
  5. a b Moriarty, Colin. Sony Reveals its Streaming Service: PlayStation Now.
  6. Erik Kain (7-1-2014). Playstation Now Video Game Streaming Service Brings Old Games To Your TV PS4/ Forbes. Visitado em 9-1-2014.
  7. Peter Jamshidi (19-5-2014). PlayStation Now: PS4 Private Beta Starts Tomorrow PlayStation. Visitado em 19-5-2014.
  8. Peckham, Matt. Sony Unveils ‘PlayStation Now’ Streaming Game Service at CES 2014 Time. Visitado em 2014-01-7.
  9. Neil Long (2014-01-08). Spotify, Netflix and Now, PlayStation: streaming finally trickles down to videogames Edge Online. Visitado em 2014-01-09.
  10. Jorge Loureiro (8 Janeiro 2014). PlayStation Now precisa de ligação à Internet de 5 Mb/s Eurogamer. Visitado em 9 Janeiro 2014.
  11. Luís Alves (9 Janeiro 2014). DualShock 3 o controlador do PlayStation Now Eurogamer. Visitado em 9 Janeiro 2014.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]