Edmar Bernardes dos Santos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edmar
Informações pessoais
Nome completo Edmar Bernardes dos Santos
Data de nasc. 20 de janeiro de 1960 (54 anos)
Local de nasc. Araxá (MG), Brasil Brasil
Altura 1,75 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1977-1979
1980
1980-1981
1981-1982
1982-1983
1983-1984
1985
1986
1987-1988
1988-1991
1991
1992
1993
1994
1995-1997
1998
Brasil Brasília
Brasil Cruzeiro
Brasil Taubaté
Brasil Cruzeiro
Brasil Grêmio
Brasil Flamengo
Brasil Guarani
Brasil Palmeiras
Brasil Corinthians
Itália Pescara Calcio
Brasil Atlético Mineiro
Brasil Santos
Brasil Rio Branco
Brasil Guarani
Japão Vegalta Sendai
Brasil Campinas
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
95(51)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
- (-)
Seleção nacional
1988 Brasil Brasil 6 (3)
Jogos Olímpicos
Prata Seul 1988 Futebol

Edmar Bernardes dos Santos (Araxá, 20 de janeiro de 1960) é um ex-futebolista brasileiro.

Caçula de nove irmãos, Edmar começou sua carreira no Distrito Federal onde seus pais se radicaram desde a fundação na do nova capital, em 1960. Ainda como amador, iniciou sua carreira como artilheiro do time principal do Brasília Futebol Clube em 1977, onde permaneceu até 1979.

Em 1980, após rápida passagem pelo Cruzeiro, transferiu-se para o modesto Esporte Clube Taubaté, o Burro da Central, onde foi artilheiro do Campeonato Paulista com 17 gols. Em 1981, retorna ao Cruzeiro para ser artilheiro do Campeonato mineiro daquele ano, com 16 gols. Em 82, teve rápida passagem pelo Grêmio, antes de ser negociado com o Flamengo, onde ficou até 1984.

Em 1985 Edmar retorna ao futebol paulista para defender o Guarani, no qual sagrou-se artilheiro do Brasileirão com 20 gols. Comprou o próprio passe e o alugou no ano seguinte ao Palmeiras. Disputou intensamente uma vaga no ataque da equipe com Mirandinha.

Em 1987 transferiu-se para o Corinthians, onde se destacou, sendo artilheiro do Campeonato paulista. No ano seguinte, mais uma vez o time corinthiano chegou à final do Campeonato Paulista, desta vez sendo campeão. Naquele ano, também apareceu defendendo a seleção olímpica nos Jogos Olímpicos de Seul 1988, quando obteve a medalha de prata. Jogou três anos na Itália para retornar ao Brasil em 1991.

Em 1998 Edmar fundou o Campinas F.C. junto com o também ex-jogador Careca, onde encerrou a carreira.

Casado e pais de duas filhas, Edmar reside em Campinas onde é presidente Campinas FC.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Brasília

Corinthians

Atlético-MG

Seleção Brasileira

Ícone de esboço Este artigo sobre futebol brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.