Miguel Osório de Almeida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Miguel Osório de Almeida Academia Brasileira de Letras
Nascimento 1 de setembro de 1890
Rio de Janeiro
Morte 2 de dezembro de 1952 (62 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação Médico neurologista

Miguel Osório de Almeida (Rio de Janeiro, 1 de setembro de 1890 — Rio de Janeiro, 2 de dezembro de 1952) foi um médico neurologista e cientista brasileiro, irmão de Álvaro Osório de Almeida, formou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro.

Ocupou a cátedra de fisiologia da Escola de Agricultura e Veterinária e a chefia do Instituto Oswaldo Cruz. Foi reitor da Universidade do Rio de Janeiro, membro da Academia Brasileira de Letras e autor de notáveis estudos sobre a fisiologia do sistema nervoso, pelo que recebeu o Prêmio Einstein concedido pela Academia Brasileira de Ciências e o Prêmio Sicard, concedido pela Academia de Medicina de Paris.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • A Vulgarização do Saber
  • Almas sem Abrigo
  • Tratado de Físiologia
  • Ensaio, Críticas e Perfis

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Juliano Moreira
Presidente da Academia Brasileira de Ciências
1929 — 1931
Sucedido por
Euzébio Paulo de Oliveira
Precedido por
Medeiros e Albuquerque
(fundador)
Lorbeerkranz.png ABL - segundo acadêmico da cadeira 22
1935 — 1952
Sucedido por
Luís Viana Filho
Precedido por
Adelmar Tavares
Presidente da Academia Brasileira de Letras
1949
Sucedido por
Gustavo Barroso


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.