Ana Maria Machado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ana Maria Machado Academia Brasileira de Letras
Ana Maria Machado na abertura da exposição "Raul Pompéia e Aluísio de Azevedo, Educação e Moradia na Literatura Nacional", montada na estação do teleférico de Bonsucesso pela ABL. Fernando Frazão / Agência Brasil, 22/10/2013
Nacionalidade  Brasileira
Data de nascimento 24 de dezembro de 1941 (72 anos)
Local de nascimento Rio de Janeiro
Ocupação Jornalista, pintora e escritora

Ana Maria Machado (Rio de Janeiro, 24 de dezembro de 1941) é uma jornalista, professora, pintora e escritora brasileira.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Formada em Letras pela Universidade do Brasil, Ana Maria Machado lecionou na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ). Como jornalista, trabalhou por mais de dez anos na Rádio Jornal do Brasil. Foi uma das fundadoras, em 1980, da primeira livraria infantil no Brasil, a Malasartes (no Rio de Janeiro), que existe até hoje. Nessa década ela publicou mais de quarenta livros, e em 1981 recebeu o Prêmio Casa de Las Américas com o livro De Olho nas penas.

O reconhecimento mundial das obras de Ana Maria Machado aconteceu em 2000, quando recebeu o Prêmio Hans Christian Andersen, o mais importante prêmio de literatura infantil.[2] No mesmo ano foi agraciada com a Ordem do Mérito Cultural. Foi ganhadora do Prêmio Jabuti de Literatura em 1978.

Em 19 de julho de 2011 em entrevista no Programa do Jô declarou que já vendeu, em todas traduções, algo em torno de 19 milhões de exemplares de suas publicações. [3]

Atua intensivamente na promoção da leitura e fomento do livro.

Livros publicados[editar | editar código-fonte]

Entre outros livros, são de sua autoria:

Literatura infantojuvenil[editar | editar código-fonte]

Literatura adulta[editar | editar código-fonte]

Academia Brasileira de Letras[editar | editar código-fonte]

É a sexta ocupante da cadeira 1 da Academia Brasileira de Letras (ABL), cujo patrono é o poeta Adelino Fontoura. Foi eleita em 24 de abril de 2003, na sucessão de Evandro Lins e Silva, e recebida em 29 de agosto de 2003 pelo acadêmico Tarcísio Padilha.

Em 8 de dezembro de 2011 foi eleita para a presidência da Academia Brasileira de Letras para o biênio 2012/2013.[4]

Referências

  1. Câmara do Livro. Ana Maria Machado. Página visitada em 24 de novembro de 2010.
  2. EducaRede, Fundação Telefônica. Ana Maria Machado, Biografia. Página visitada em 24 de novembro de 2010.
  3. Programa do Jô. Ana Maria Machado. Página visitada em 22 de julho de 2011.
  4. Ana Maria Machado, Escritora brasileira. E-Biografias (24 de janeiro de 2012). Página visitada em 19 de junho de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedida por:
Evandro Lins e Silva
Lorbeerkranz.png ABL - sexta acadêmica da cadeira 1
2003 — atualidade
Sucedida por:




Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.