Heráclito Graça

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Heráclito Graça Academia Brasileira de Letras
Nascimento 18 de outubro de 1837
Icó
Morte 14 de abril de 1914 (76 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação Advogado, político e escritor

Heráclito de Alencastro Pereira da Graça (Icó, 18 de outubro de 1837Rio de Janeiro, 14 de abril de 1914) foi um advogado, político e escritor brasileiro.

Filho de José Pereira da Graça, o Barão de Aracati, e de Maria Adelaide da Graça, formou-se em direito pela Faculdade de Direito do Recife, em 1856, logo seguindo com o pai para o Maranhão. Foi deputado provincial e deputado geral (1869 - 1872) pelo Maranhão, e presidente da Paraíba, de 25 de junho a 11 de novembro de 1872, novamente deputado geral (1872 - 1875) e presidente do Ceará, de 23 de outubro de 1874 a 1 de março de 1875, sempre pelo Partido Conservador.

Posteriormente, exerceu a advocacia no Rio de Janeiro e a consultoria jurídica do Ministério das Relações Exteriores. Era profundo conhecedor da filologia e da linguística. Sua principal obra literária foi Fatos da Linguagem, publicado em 1904. Foi membro da Academia Brasileira de Letras, da Academia Cearense de Letras e do Instituto do Ceará.

Lorbeerkranz.png Academia Brasileira de Letras[editar | editar código-fonte]

Heráclito Graça foi o segundo ocupante da cadeira 30 da Academia Brasileira de Letras. Foi eleito em 30 de julho de 1906, na sucessão de Pedro Rabelo, e tomou posse por carta em 11 de julho de 1907.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • MELO, Hélio. Heráclito Graça, Grandeza e Simplicidade. Fortaleza, 1977.


Precedido por
José Evaristo da Cruz Gouveia
Presidente da Província da Paraíba
1872
Sucedido por
Francisco Teixeira de Sá
Precedido por
Joaquim da Cunha Freire
Presidente da Província do Ceará
1874 — 1875
Sucedido por
Esmerino Gomes Parente
Precedido por
Pedro Rabelo
(fundador)
Lorbeerkranz.png ABL - segundo acadêmico da cadeira 30
1906 — 1914
Sucedido por
Antônio Austregésilo