Teresa (telenovela de 2010)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Teresa
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 45 min. cada capítulo
Criador(es) Mimí Bechelani
País de origem  México

Inadequado para menores de 12 anos i DEJUS (Brasil)

Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Mónica Miguel
Produtor(es) José Alberto Castro
Elenco Angelique Boyer
Aarón Díaz
Sebastián Rulli
Ana Brenda
ver mais
Tema de abertura «Esa hembra es mala» (por Gloria Trevi)
Exibição
Emissora de
televisão original
México Canal de las Estrellas
Transmissão original México 2 de Agosto de 2010
México 27 de fevereiro de 2011
Nº de episódios México 151
Cronologia
Último
Último
Zacatillo: Un Lugar en tu Corazón
Ni contigo ni sin ti
Próximo
Próximo

Teresa é uma telenovela mexicana transmitida em 2010, produzida por José Alberto Castro e protagonizada pelos atores Angelique Boyer, Aarón Díaz e Sebastián Rulli. Substituiu no horário das 18 horas no El Canal de las Estrellas a telenovela Zacatillo.[1]

Por interpretar a personagem titulo, Angelique Boyer ganhou o prêmio de Melhor Atriz no Prêmio TVyNovelas 2011.

A trama foi dublada em português pelo Studio Gábia e desde 12 de dezembro de 2011 foi exibida de segunda a sexta-feira, às 21h, no canal a cabo Zap Novelas, apenas em Moçambique e Angola, entre 2011 e julho de 2012, sendo substituída por La que no podía amar. O canal não é operante no Brasil. Em novembro de 2012 passa a estar disponível no Brasil, dublada, pela locadora virtual Netflix.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Teresa nasceu pobre e não soube aceitar. Seus pais a apoiaram para que estudasse e se superasse, seguros de que com uma carreira, sua filhe melhoraria seu nível cultural e econômico.

Também a apoiou Mariano, seu primeiro amor e o único homem que Teresa amaria mais a sua maneira.

O amor de Teresa é egoísta, ela considera Mariano seu e de ninguém mais, crendo que jamais poderá apaixonar-se por outra, o deixou após três anos de namoro, pois se deslumbrou com o dinheiro de Paulo, o melhor partido da escola de ricos onde estudou como bolsista.

Calculista como é, e tendo sempre um às debaixo da manga, escondeu seu namoro com Mariano, sua família e a todos os da vizinhança onde vive. Igualmente cuidou de ocultar a Paulo sua condição socioeconômica.

Quando Paulo descobre que ela é pobre, se esquece do compromisso matrimonial do que haviam falado e tenta converte-la em sua amante, mais ela o rechaça e ele por despeito se torna namorado de Aída.

Entre Aída e Paulo a humilham exibindo em público sua pobreza e suas mentiras, pelo qual ela decide vingar-se e jura que jamais voltará a ser pisoteada, obterá o que deseja, sem importasse de que maneira nem a que custo.

Teresa consegue a ajuda de seu professor, o prestigiado advogado Arturo de la Barrera, que a paga a universidade e a ajuda a relacionar-se. O conquista sutilmente e finge não dar conta dos sentimentos que desperta nele.

Ao mesmo tempo, recomeça sua relação com Mariano, porque morre de ciúme ao descobrir que sua milionária amiga Aurora se apaixonou deste.

Teresa não está disposta a esperar que o amor de sua vida faça carreira e dinheiro e decide que Arturo a convém mais.

Fingindo que seus pais não a querem e inclusive a batem, Teresa alcança Luisa, a irmã de Arturo, a leve a viver na cada dos de la Barrera.

Vivendo ali, deixa louco de amor ao professor, que fica perdido ao confessar seus sentimentos mais se contem, pois, como prometeu ao pai de Teresa, esperará até que ela deixe se ser sua aluna.

Teresa deprecia aos seus pais e quer desligar-se deles por completo, já que só a fazem passar ao ridículo.

Refugio, sua mãe, já esperava pois nunca se enganou a respeito ao modo de ser de Teresa, mais Armando, cai em uma profunda depressão pois adorava a sua filha e se sacrificou por ela até ir preso.

Justo quando Teresa obtém seu título e conta com relações suficientes como para exercer, ir superando e casar-se com Mariano, termina com ele para aceitar Arturo, que impulsará sua carreira e a levará a Europa por uma temporada, para que entre ambos, atendam uns assuntos internacionais que concederam prestígio.

Quando está pronta para aceitar a proposta de Arturo, conhece a Fernando, o noivo de Luisa, um rapaz bonito, multimilionário, descendente de família nobre e com a possibilidade de introduzir a Teresa em um mundo ainda mais sofisticado. A ela brilham os olhos ao pensar em pertencer ao jet set e poder rodear-se com a nobreza europeia.

Ela decide desprezar a Arturo e conquistar ao namorado de sua melhor amiga que tem mais dinheiro e poder.

Teresa abandona a casa dos de la Barrera e faz Fernando acreditar que Arturo tentou violenta-la e por fim o conquista. Se faz de sua namorada mais segue amando a Mariano e está disposta a não deixar que Aurora o encante.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator Personagem
Angelique Boyer Teresa Chávez
Aarón Díaz Mariano Sánchez
Sebastián Rulli Arturo de la Barrera
Cynthia Klitbo Juana Godoy
Silvia Mariscal Refugio Aguirre de Chávez
Manuel Landeta Ruben Cáceres
Patricio Borghetti Martín Robles
Ana Brenda Aurora Alcázar
Mar Contreras Lucia Álvarez Granados
Jéssica Segura Rosa Chávez Aguirre
Margarita Magaña Aída Cáceres
Fernanda Castillo Luisa de la Barrera Azuela
Felicia Mercado Genoveva de Cáceres
Juan Carlos Colombo Armando Chávez
Alejandro Ávila Cutberto
Oscar Bonfiglio Héctor Alcázar
Fabiola Campomanes Esperança Medina
Dobrina Cristeva Mayra de Cáceres
Toño Mauri Hernán Ledesma
Luis Fernando Peña Johnny Medina
Issabela Camil Paloma Dueñas
Alejandro Nones Paulo Cáceres
Joana Brito Nachita de Medina
Willebaldo Lopez Pedro Medina
Juan Sahagún Ramón Sánchez
Juan Diego Covarrubias Julio
Daniel Arenas Fernando Moreno

Outras versões[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

  • Em 1967 foi realizada telenovela El 4º Mandamiento produção de Valentín Pimstein, protagonizada por Pituka de Foronda e Guillermo Zetina.
  • Em 1989 Lucy Orozco produziu para televisão mexicana novamente com nome Teresa que foi protagonizada por Salma Hayek e Rafael Rojas.

Cinema[editar | editar código-fonte]

  • Em 1961 a historia de Mimí Bechelani foi adaptada pelo roteirista Edmundo Baez, levando as telas Maricruz Olivier como Teresa novamente, o filme foi dirigido por Alfredo B. Crevenna e conservou a parte do elenco original da telenovela como Alicia Montoya, Beatriz Aguirre, Luis Beristain e José Luis Jiménez.

Referências

  1. Esmas.com. Televisa produz Teresa. Página visitada em setembro de 2010.


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.