Veado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Veado (do latim venatu, "caça morta"[1] [2] ) é em zoologia é a designação geral das espécies de mamíferos da família Cervidae.[1]

No Brasil, o termo "veado" pode significar as espécies:

Gíria[editar | editar código-fonte]

No idioma português brasileiro, a palavra "veado" é uma gíria geralmente depreciativa usada para referir-se a homens homossexuais.[3] [4] O termo originou-se supostamente no tempo do Império em praças do Rio de Janeiro (cidade) onde se reuniam grupos de rapazes para entre outros objetivos se prostituírem a clientes ricos e que eram coibidos pela polícia.[5]

Referências

  1. a b Carminha Levy E Alvaro Machado (1999). A Sabedoria dos animais: viagens xamânicas e mitologicas e Carminja Levy, Alvaro Machado. Ground. p. 159. ISBN 978-85-7187-145-8.
  2. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 757
  3. Dicionário UNESP do português contemporâneo. UNESP. 1 January 2005. pp. 1418–. ISBN 978-85-7139-576-3.
  4. Maria Helena de Moura Neves (2003). Guia de uso do português: confrontando regras e usos. SciELO - Editora UNESP. p. 779. ISBN 978-85-393-0310-6.
  5. Altair J. Aranha (2002). Dicionário brasileiro de insultos. Atelie Editorial. pp. 351 – 352. ISBN 978-85-7480-078-3.