Antonio Conte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antonio Conte
Antonio Conte
Antonio Conte em 2013
Informações pessoais
Nome completo Antonio Conte
Data de nasc. 31 de julho de 1969 (47 anos)
Local de nasc. Lecce, Itália
Nacionalidade italiano
Altura 1,78 m
Informações profissionais
Equipa atual Chelsea
Função Treinador
Clubes de juventude
Lecce
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1985–1991
1991–2004
Lecce
Juventus
0089 0000(1)
0419 000(44)
Seleção nacional
1994–2000 Itália 0020 0000(2)
Times/Equipas que treinou
2006–2007
2007–2009
2009–2010
2010–2011
2011–2014
2014–2016
2016–
Arezzo
Bari
Atalanta
Siena
Juventus
Itália
Chelsea
0026
0067
0014
0044
0151
0025
0045
Última atualização: 15 de maio de 2017

Antonio Conte (Lecce, 31 de julho de 1969) é um treinador e ex-futebolista italiano. Atualmente é treinador do Chelsea.

Carreira em clubes[editar | editar código-fonte]

Conte jogou em apenas dois times em sua carreira: o Lecce e a Juventus, onde se destacou, e atuou até o fim de sua carreira como futebolista.

Carreira na Seleção[editar | editar código-fonte]

Conte estreou na Azzurra em 1994, num amistoso contra a Finlândia. No mesmo ano, disputou sua única Copa do Mundo, tendo disputado duas partidas (contra Espanha, onde foi substituído por Nicola Berti, e Bulgária, entrando no lugar de Dino Baggio). Disputou também o Campeonato Europeu de Futebol de 2000, seu último torneio com a camisa azul, atuando em três partidas. Entretanto, não evitou a derrota da Squadra Azzurra (treinada pelo lendário Dino Zoff - capitão do tri de 1982) na final, de virada, para a França. Sua derradeira atuação pela Itália ocorreu contra a Romênia.

Treinador[editar | editar código-fonte]

Em 2006, Conte estreou como treinador no Arezzo, clube da Lega Pro Seconda Divisione (Terceira divisão do Calcio), ficando no cargo até 2007, quando foi chamado para comandar o Bari, liderando o clube para o retorno à primeira divisão. Seu nome chegou a ser cogitado para comandar seu clube de coração, a Juventus, mas seu ex-companheiro na Velha senhora, Ciro Ferrara, ganhou a "queda-de-braço". [1]

Conte foi contratado pela Juventus em maio de 2011, ganhando três scudettos nos anos em que esteve no comando do clube, permaneceu até julho de 2014.[2]

Em 14 de agosto de 2014 assumiu o comando da Seleção Italiana de Futebol, cujo contrato durou até 31 de julho de 2016.[3]

Chelsea[editar | editar código-fonte]

Em 4 de abril de 2016, o Chelsea confirmou a contratação de Conte para as próximas três temporadas, logo após a participação da Itália na Euro 2016.[4]

Suspensão[editar | editar código-fonte]

Conte foi suspenso por dez meses dos gramados italianos em 22 de agosto de 2012 pela Corte de Justiça da Federação Italiana de Futebol. A punição foi devido a sua omissão em não revelar a manipulação do resultado da partida Albinoleffe x Siena, quando era treinador deste último.[5] A FIFA ampliou a aplicação da punição a nível mundial pelo mesmo período.[6]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Clube Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
Arezzo 26 9 9 8 38,88%
Bari 67 32 20 15 57,71%
Atalanta 14 3 4 7 30,95%
Siena 44 22 14 8 60,60%
Juventus 151 102 34 15 75,05%
Itália 25 14 7 4 65,33%
Chelsea 45 36 3 6 80,0%

Títulos[editar | editar código-fonte]

Como jogador[editar | editar código-fonte]

Juventus

Como treinador[editar | editar código-fonte]

Bari
Juventus
Chelsea

Prêmios Individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Antonio Conte