FIFA 18

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
FIFA 18
Capa oficial do jogo, com Cristiano Ronaldo.
Desenvolvedora(s) EA Canada
EA Romênia
Publicadora(s) EA Sports, Electronic Arts
Licença FIFA
Motor Frostbite Engine (Somente para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One)
Plataforma(s) Microsoft Windows
Nintendo Switch
PlayStation 3
PlayStation 4
Xbox 360
Xbox One
Série FIFA
Data(s) de lançamento
  • INT 1 de novembro de 2017
Gênero(s) Esporte/Simulação
Modos de jogo Um jogador, multijogador, Coop, Online
FIFA 17
FIFA 19

FIFA 18 é um jogo eletrônico de futebol desenvolvido e publicado pela EA Sports, que foi lançado mundialmente em 1 de Novembro de 2017. Este é o vigésimo quinto título principal da série FIFA e o segundo a usar o mecanismo de jogo da Frostbite para Xbox One, PS4 e PC.

No dia 30 de Abril de 2018, o jogo ganhou um Pacote de expansão para a Copa do Mundo 2018. Foi a primeira vez que a franquia FIFA Soccer não ganhou um jogo eletrônico exclusivo para a Copa.[1]

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Assim como seu antecessor, o jogo destaca um modo de campanha para um jogador intitulado A Jornada (semelhante ao modo MyCareer na série NBA 2K), onde os jogadores assumem a posição de Alex Hunter, um jovem futebolista tentando deixar sua marca na Premier League.[2] O jogador será capaz de selecionar qualquer um dos 20 clubes da Premier League para jogar no início da temporada. O modo de história também apresenta uma roda de diálogo onde as decisões tomadas durante o jogo interferem diretamente na reação dos outros personagens da história.

Desta vez, além de Alex Hunter, será permitido ao player poder jogar este modo com uma futebolista feminina. O jogador assume o controle de Kim Hunter, a jovem meio-irmã norte-americana do protagonista Alex Hunter, em sua estreia na US National Team, a seleção de futebol dos EUA. É a primeira vez que um personagem feminino pode ser controlado nesse tipo de modo.[3]

Ainda no quesito jogabilidade o título, assim como seus antecessores, continua a receber pesadas críticas da comunidade de jogadores por interferir de forma desleal no ambiente de jogo, por ter falhas gritantes de física, cinética e, principalmente no modo de jogo FUT, uma indisfarçável inclinação para desbalancear o jogo em favor de times mal montados e mais fracos[4]. Este comportamento padrão do jogo tem gerado todo o tipo de insatisfação na comunidade que alega ser esta prática uma forma de manter jogadores casuais motivados. A empresa nega veementemente que exista qualquer tipo de programação destinada a adicionar desequilíbrio.

Depois de alguns meses desde o seu lançamento, o título mantém-se cheio de falhas grosseiras e métodos nada honestos de se ganhar uma partida, lesionar jogadores adversários e fazer verdadeiras fortunas no mercado sem precisar jogar uma única partida, levantando a questão se a chegada de DLCs [5] [6]neste modo de jogo não é a verdadeira razão por trás de tantas inconsistências na jogabilidade e graficos péssimos que parecem bonecos de cimento.

Ligas[editar | editar código-fonte]

São as mesmas ligas do FIFA 17, com a única adição da 3. Liga, a terceira divisão da Alemanha.[7]

1Possui apenas 16 equipes; Corinthians, Flamengo, Vasco e Bahia estão ausentes por questões de licenciamento. Pela mesma razão, todos os jogadores possuem nomes fictícios.

Equipes[editar | editar código-fonte]

De novo tivemos a volta do AEK Atenas e do Sparta Praga, além de três novas seleções: Arábia Saudita, Islândia e a volta da Nova Zelândia, no masculino e no feminino de forma inédita no jogo, totalmente licenciadas.[8]

Equipes do resto do mundo[editar | editar código-fonte]

Seleções masculinas[editar | editar código-fonte]

África (CAF)

Ásia (AFC)

Europa (UEFA)

América do Norte, Central e Caribe (CONCACAF)

América do Sul (CONMEBOL)

Oceania (OFC)

Seleções femininas[editar | editar código-fonte]

Estádios[editar | editar código-fonte]

Nesta edição do jogo foi perdida a licença do Mestalla e do Signal Iduna Park, que foram para o PES 2018, porém, temos a adição de quatro novos estádios: Kirklees Stadium, StubHub Center, The AMEX Stadium e o Wanda Metropolitano.[9]

Os estádios em destaque são novos no jogo.

  • Japão Japão
    • Suita City Football Stadium (Gamba Osaka)

1Estádios exclusivos do modo FIFA World Cup.

Estádios fictícios[editar | editar código-fonte]

  • Al Jayeed Stadium
  • Aloha Park
  • Arena del Centenario
  • Arena d'Oro
  • Court Lane
  • Crown Lane
  • Eastpoint Arena
  • El Grandioso
  • El Libertador
  • Estadio de las Artes
  • Estadio El Medio
  • Estadio Presidente G.Lopes
  • Euro Park
  • FIWC Stadium
  • Forest Park Stadium
  • Ivy Lane
  • Molton Road
  • O Dromo
  • Sanderson Park
  • Stade Municipal
  • Stadio Classico
  • Stadion 23. Maj
  • Stadion Europa
  • Stadion Hanguk
  • Stadion Neder
  • Stadion Olympik
  • Town Park
  • Union Park Stadium
  • Waldstadion

Trilha Sonora[editar | editar código-fonte]

A trilha sonora completa do jogo foi anunciada no dia 13 de setembro de 2017.[10]

Pacotes de expansão[editar | editar código-fonte]

EA Sports' FIFA 18 World Cup[editar | editar código-fonte]

EA Sports' FIFA 18 World Cup
Desenvolvedora(s) EA Canada
Publicadora(s) EA Sports
Licença FIFA
Motor Frostbite Engine
Plataforma(s) Microsoft Windows
Nintendo Switch
PlayStation 4
Xbox One
Série FIFA
Data(s) de lançamento 30 de abril de 2018
Gênero(s) Jogo Eletrônico de Esporte (Futebol)
Modos de jogo Um jogador, multijogador, Coop, Online
2014 FIFA World Cup Brazil

No dia 30 de Abril de 2018, o jogo ganhou um Pacote de expansão exclusivo da Copa do Mundo da Russia-2018, intitulado EA Sports' FIFA 18 World Cup[11]. Foi a primeira vez que a franquia FIFA Soccer não ganhou um jogo eletrônico exclusivo para a Copa do Mundo.[12]

Além de trazer todos os estádios e seleções que participam do mundial (e mais 17 que não foram classificadas), o modo conta com um novo Ultimate Team, apenas com atletas das equipes da competição. Assim, o modo da Copa do Mundo conta com seus próprios Desafios de Montagem de Elencos.[12] Porém, conforme os desenvolvedores do game, como não se trata de um jogo novo e sim de um DLC, o jogo preserva os gráficos e a jogabilidade do Fifa 18, sem melhorias.[13] Contudo, essa não foi a sensação dos jogadores, para os quais essa DLC afetou o jogo-base, deixando-o mais lento, diminuindo a efetividade de dribles e passes e aumentando a efetividade dos chutes de longe. Segundo Andrei Lazarescu, um dos produtores do game, há duas razões para essa percepção. A primeira é que os atletas que estão nas seleções do mundial receberam uma atualização de seus atributos, o que pode ter deixado os atletas do mundial mais lentos e com menos potência no passe e drible. A segunda razão apontada por ele é a atmosfera criada pela atualização, diferente do jogo-base, com nova iluminação, projeto gráfico e estádios.[14]

O pacote traz ainda 5 técnicos, a saber: Joachim Löw (Alemanha), Carlos Queiroz (Irã), Stanislav Tchertchesov (Russia), Vahid Halilhodžić (Japão, embora o atual treinador da seleção seja Akira Nishino) e Tite (Brasil). O visual do técnico Tite nesta atualização, acabou virando meme da internet, por ter ficado um tanto quanto estranho e nada parecido com a realidade[15].

As 17 seleções extras que não se classificaram para a Copa do Mundo da Russia-2018, mas que estão incluídas neste pacote são[16]:

Referências

  1. techtudo.com.br/ FIFA 18: Copa do Mundo chega hoje; saiba tudo sobre o DLC
  2. «FIFA 17 - The Journey - EA SPORTS - Official Site». www.easports.com. Consultado em 14 de junho de 2016. 
  3. espn.uol.com.br/ "FIFA 18" traz pela primeira vez uma personagem feminina controlável em um modo História
  4. «CRÍTICA | FIFA 18 - Jornada Geek». Jornada Geek. 17 de outubro de 2017 
  5. «EA: FIFA 18 é o próximo alvo dos fãs, depois de controvérsia de Star War: Battlefront 2». IGN Portugal. 21 de novembro de 2017 
  6. «Sistema de microtransações em FIFA 18 Ultimate Team causa revolta de fãs». IGN Brasil. 24 de novembro de 2017 
  7. «FIFA 18 - All Leagues and Teams». Electronic Arts Inc. EA Sports Official Site. Consultado em 21 de setembro de 2017. 
  8. «FIFA 18 - All Leagues and Teams». Electronic Arts Inc. EA Sports Official Site. Consultado em 21 de setembro de 2017. 
  9. «FIFA 18 - New Stadiums». Electronic Arts Inc. EA Sports Official Site. Consultado em 21 de setembro de 2017. 
  10. «FIFA 18 - SOUNDTRACK». www.easports.com. Consultado em 29 de setembro de 2017. 
  11. goal.com/ FIFA 18 World Cup video game: When is it released, how to download for free & Ultimate Team details revealed
  12. a b techtudo.com.br/ FIFA 18: confira dicas para mandar bem no modo Copa do Mundo
  13. gauchazh.clicrbs.com.br/ Novo formato, jogadores históricos e ausência de Geromel: Fifa 18 ganha atualização especial da Copa
  14. espn.com.br/ Jogadores acreditam que atualização do mundial afetou a jogabilidade de FIFA 18
  15. sportv.globo.com/ Fifa 18: visual de Tite no game chama a atenção e vira meme na internet
  16. espn.com.br/ Além dos 32 países classificados, confira quais seleções farão parte da Copa do Mundo de FIFA 18

Ligações externas[editar | editar código-fonte]