Leon Neil Cooper

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Leon Neil Cooper
Conhecido(a) por Par de Cooper, teoria BCS
Nascimento 28 de fevereiro de 1930 (87 anos)
Nova Iorque
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Alma mater Universidade Columbia
Prêmios Prêmio Comstock de Física (1968), Medalha do prêmio Nobel Nobel de Física (1972)
Orientador(es) Robert Serber
Orientado(s) Elie Bienenstock, Paul Munro, Nathan Intrator, Omer Artun, Michael Perrone, Alan Saul
Instituições Universidade Brown
Campo(s) Física

Leon Neil Cooper (Nova Iorque, 28 de fevereiro de 1930) é um físico estadunidense.

Foi Nobel de Física em 1972, pelo desenvolvimento conjunto da teoria da supercondutividade, também conhecida como teoria BCS. Foi um dos que assinaram uma petição para o presidente Barack Obama em 2015 para que o Governo Federal dos Estados Unidos fizesse um pacto de desarmamento nuclear e de não-agressão.[1][2]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Dennis Gabor
Nobel de Física
1972
com John Bardeen e John Robert Schrieffer
Sucedido por
Leo Esaki, Ivar Giaever e Brian David Josephson


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.