Mi pequeña traviesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mi Pequeña Traviesa
Logotipo da trama
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 45 min. aproximadamente
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Pedro Damián
Produtor(es) Nicandro Díaz González
Elenco Michelle Vieth
Enrique Rocha
Rafael Inclán
Arleth Terán
Anahí
ver mais
Tema de abertura «Te Quiero Tanto, Tanto» por OV7
Exibição
Transmissão original México: 8 de dezembro de 1997 - 24 de abril de 1998
N.º de episódios 100
Cronologia
Amada enemiga
Preciosa

Mi pequeña traviesa (no Brasil: Minha Pequena Travessa) é uma telenovela mexicana produzida por Pedro Damián para a Televisa e exibida pelo Canal de las Estrellas entre 8 de dezembro de 1997 e 24 de abril de 1998.

Inicialmente era exibida às 18:00, mas a partir de 5 de janeiro de 1998 foi transferida para às 19:00, substituindo a telenovela El secreto de Alejandra.

Apresentou Michelle Vieth e Héctor Soberón como protagonistas e Khotan Fernandez e Arleth Terán como antagonistas principais.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Júlia é uma jovem com grandes aspirações para estudar e se tornar um profissional. Mas o pai dela teve um acidente trágico em que ele fica uma cadeira de rodas e ela teve que mudar seus planos. Sem a sua mãe, continua sob os cuidados de seu pai e seus dois irmãos mais novos. Com a ajuda de seu amigo Juan Felipe, ela encontra a coragem para ir trabalhar, mesmo com os perigos da grande cidade que a rodeia.

Alberto é um jovem advogado de uma classe social elevada, que conquista o coração de Júlia e devem se rebelar contra seu pai para lutar pelo direito de amar quem ele quer. Diferenças de classe social, as gangues nas ruas e outros perigos causar estragos em casais. E ainda lança uma sombra, a tragédia não é o enredo da história mais forte.

É a energia da juventude, o que torna esta história está viva. O entusiasmo ea determinação dos jovens, que exigem de sua geração anterior, o direito de viver suas próprias vidas, e escolher para si o caminho que leva para completar os seus sonhos.

Ambos terão que superar as dificuldades, os perigos ... estar juntos.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Audiência[editar | editar código-fonte]

Obteve média geral de 22,6 pontos.[1]

Versões[editar | editar código-fonte]

Mi pequeña traviesa é um remake de uma telenovela de origem argentina intitulada Me llama Gorrión produzida em 1972. ainda na Argentina também houve mais duas versões chamada Hola Pelusa produzida em 1980 e outra produzida em 1993.

A telenovela também teve uma versão em Peru produzida em 1974 chamada de 'Me llama Gorrión.

Houve também uma versão brasileira no SBT realizada em 2002 e intitulada Pequena Travessa, dirigida por Jacques Lagoa e Henrique Martins, produzida por David Grimberg e protagonizada por Bianca Rinaldi e Rodrigo Veronese.

A segunda versão no México, a telenovela Niña de mi corazón, de 2010, foi produzida novamente por Pedro Damián e protagonizada por Erick Elias, Paulina Goto e Lisette Morelos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Histórico Novelas 19:00». Librozilla. Consultado em 17 de novembro de 2015 
Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.