Norma Nolan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Norma Nolan
Data de nascimento 22 de abril de 1938 (79 anos)
Local de nascimento Venado Tuerto, província de Santa Fé, Argentina Argentina
Nacionalidade Argentina argentina
Altura 1,66 m
Títulos Miss Universo 1962

Norma Beatriz Nolan (Venado Tuerto, 22 de abril de 1938) é uma rainha da beleza argentina coroada Miss Universo 1962.

Norma conquistou o título num ano de mudanças políticas em seu país após o golpe militar, com a redemocratização e intensa produção cultural. Sua vitória, a única da Argentina até hoje, se deu depois de conquistar os juízes com seu traje típico e seu desfile em traje de noite.[1]

De ascendência irlandesa e italiana, cabelos negros e pele muito branca, formada em secretariado, Norma começava a trabalhar como modelo na televisão argentina quando foi convencida pelos amigos a participar do Miss Argentina, que acabou vencendo. Seu desejo em Miami, ao se ver no meio de tantas mulheres bonitas dos quatro cantos do mundo, era apenas o de ficar entre as semifinalistas.[2]

Vencendo o concurso e as loiras européias favoritas em Miami Beach,[1] ela recebeu US$15 mil em prêmios e passou o período de um ano em turnês pelos EUA e pelo mundo. Durante o Miss Universo 1963, pouco antes de passar a coroa, ela visitou no hospital sua antecessora, Marlene Schmidt, da Alemanha, internada para uma operação de urgência de apendicite.[3]

Vida posterior[editar | editar código-fonte]

Pouco se sabe de Norma depois seu ano de reinado e coroação de sua sucessora, a brasileira Ieda Maria Vargas, quando voltou-se para uma pacata e familiar vida privada em seu país. Por alguns anos, entretanto, voltou a exercer a profissão de modelo, casou-se em 1966, teve uma filha,[4] e viveu na Venezuela e novamente em Miami, onde foi eleita anos antes, abrindo lá sua própria livraria, Nolan's Book Shop,[2] antes de voltar definitivamente à Argentina.

Referências

  1. a b «Norma Nolan - Miss Universe 1962». globalbeauties.com. Consultado em 10 de julho de 2011 
  2. a b «CAMINO A LA CORONA». ChileanCharm.com. Consultado em 10 de julho de 2011 
  3. «MISS UNIVERSO 1963». ChileanCharm.com. Consultado em 10 de julho de 2011 
  4. «Miss Universo». Glamour Argentino. Consultado em 10 de julho de 2011 
Precedido por
Marlene Schmidt
Miss Universo
1962
Sucedido por
Ieda Maria Vargas