Lupita Jones

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lupita Jones
Nome completo María Guadalupe Jones Garay
Nascimento 6 de setembro de 1968 (51 anos)
Mexicali, México
Nacionalidade México mexicana
Títulos Miss Universo 1991
Cônjuge Simón Charaf Medina
(1993 — 2000)
Altura 1.74
Carreira como modelo
Cor do cabelo Marrom
Cor dos olhos Marrom
Agência Nuestra Belleza Mexico

Maria Guadalupe Jones Garay (Mexicali, 6 de setembro de 1968), conhecida como Lupita Jones, é uma rainha da beleza e empresária mexicana, eleita Miss Universo em 1991. Foi a primeira mulher do país a conquistar este título. Atualmente é a diretora e coordenadora-geral do Nuestra Belleza Mexico, o concurso nacional de beleza do México.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascida na Baja California, única mulher entre quatro irmãos, filha de Rolando Jones e María Dolores Garay, Lupita disse que seu pai lhe contou uma história de que quando a viu pela primeira vez disse: "Nasceu a primeira Miss Universo do México".[1]

Aos 9 anos de idade, Lupita começou a praticar equitação em sua cidade natal. Sua vida ocorreu normalmente, desenvolvendo o gosto pela equitação, dança, natação e moda.

Antes de se tornar Miss, Lupita estudou administração de empresas e fez pós-graduação em administração industrial no Centro de Enseñanza Técnica y Superior, em sua cidade natal de Mexicali.

Miss Universo 1991[editar | editar código-fonte]

Representando o estado de Baja California, Jones ganhou o título de Señorita México (Miss México), em setembro de 1990.

Poucos meses depois, em 17 de maio de 1991, em Las Vegas, Nevada, ela e outras 72 concorrentes disputaram o título de Miss Universo em 1991.[2] Lupita se tornou a favorita entre os juízes evenceu o concurso derrotando as 72 candidatas de todo mundo para tornar-se a primeira mexicana a conquistar a coroa universal da beleza, vencendo todas as etapas preliminares, de trajes de banho, vestido de noite e entrevistas.

Vida posterior[editar | editar código-fonte]

Lupita Jones teve um reinado de grande sucesso e tornou-se muito popular nos países latino-americanos, o melhor mercado do Miss Universo. Ela trabalhou duramente para levar o concurso para o México em 1993, e em 1994 fundou e tornou-se a diretora nacional do Nuestra Belleza Mexico, o concurso nacional de beleza que indica mulheres mexicanas para o Miss Universo, Miss Mundo e Miss Internacional, em pareceria com o grupo Televisa. Sob sua direção, o México passou a ter um sucesso nos mais importantes concursos internacionais de beleza que nunca tivera antes, culminando com a conquista, dezenove anos depois de Lupita, de uma segunda coroa do Miss Universo com Ximena Navarrete, em 2010, na mesma cidade, Las Vegas, onde Jones foi a pioneira mexicana.[3]

No ano 2000, Lupita engajou-se no trabalho de apoio à famílias de meninas pobres e doentes do México, através do Sistema Nacional para el Desarrollo Integral de la Familia (SNDIF), tornando-se embaixadora da Boa Vontade do Fundo de População das Nações Unidas.[4]

Em outubro de 2006, ela inovou em seu concurso e no mundo dos concurso de beleza internacionais, declarando que o NBM passaria a partir dali a proibir a participação de candidatas anoréxicas em seu concurso de beleza, de maneira a combater disturbios como a bulimia e a anorexia. Um dos fatos que levaram à essa sua decisão, foi a morte, semanas antes, da modelo brasileira Ana Carolina Reston, causada por anorexia. A modelo de 1,74 pesava 40 kg quando morreu.[5]

Referências

  1. «Miss Universe 1991 - Lupita Jones». elanecdotario.com. Consultado em 5 de abril de 2013. Arquivado do original em 16 de julho de 2012 
  2. «wow lupita jones Señorita Mexico!!». Univision Belleza y Moda. Consultado em 8 de junho de 2012 
  3. «Miss Universe 1991 - Lupita Jones». globalbeauties.com. Consultado em 8 de junho de 2012. Arquivado do original em 17 de novembro de 2011 
  4. «Goodwill Ambassador Guadalupe Jones Visits Mexico Field Office». UNFPA News. Consultado em 8 de junho de 2012 
  5. «México recusa modelos anoréxicas». Ministério da Saúde. Consultado em 8 de junho de 2012 [ligação inativa]


Precedido por
Mona Grudt
Miss Universo
1991
Sucedido por
Michelle McLean