Singles de Madonna

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Discografia de Madonna
Madonna cantando "Burning Up", o segundo single de seu álbum de estréia, na Rebel Heart Tour (2015–2016).
Singles 83
Singles promocionais 17

A cantora norte-americana Madonna lançou 83 singles e 17 singles promocionais. Em 1982, ela assinou um contrato com a Sire Records e com a Warner Bros. Records, e lançou seus dois primeiros singles antes de lançar seu álbum de estréia.[1] Sua primeira entrada na Billboard Hot 100 foi com "Holiday" (1983), que chegou ao número 16.[2] No ano seguinte, Madonna lançou "Like a Virgin", que alcançou o primeiro lugar na Austrália, no Canadá e nos EUA; no segundo, passou seis semanas no topo do gráfico.[3] O álbum Like a Virgin teve três outros cinco singles: "Material Girl", "Angel" e "Dress You Up",[4] com "Angel" também alcançando o primeiro lugar na Austrália. Em 1985, Madonna lançou seu segundo single número um nos EUA, "Crazy for You", e seu primeiro single no Reino Unido, "Into the Groove", ambos de trilhas sonoras de filmes.[5][6] "Into the Groove" também liderou as paradas na Itália, Espanha e Austrália. No ano seguinte, seu terceiro álbum de estúdio True Blue deu a ela três singles número um: "Live to Tell", "Papa Don't Preach" e "Open Your Heart". Dois outros singles do álbum, "True Blue" e "La Isla Bonita", que alcançaram o top cinco.[7] Em 1987, ela conseguiu outro single número um com "Who's That Girl".[8][9] A faixa-título do quarto álbum de estúdio de Madonna, Like a Prayer (1989), foi seu sétimo single no topo da lista da Hot 100, fazendo dela a artista feminina com mais singles número um nos anos 80 (junto com Whitney Houston).[10]

Em 1990, Madonna lançou "Vogue" do álbum I'm Breathless, que liderou as paradas em todos os principais mercados musicais.[11] "Vogue" foi seguido por "Justify My Love" e "This Used to Be My Playground", tornando-se subsequente no topo das paradas.[12][13] Seu quinto álbum de estúdio, Erotica, foi lançado em 1992. Apenas sua faixa-título e "Deeper and Deeper" alcançou o top dez dos EUA.[14] Em 1994, Madonna voltou para o top dez da Hot 100 com o single "I'll Remember", que chegou ao número dois. Seu álbum subsequente, Bedtime Stories (1994), teve dois top-cinco nos EUA, "Secret" e "Take a Bow", este último ficou no topo da Hot 100 por sete semanas, tornando-se sua mais longa temporada no número um.[15] "Frozen", do álbum seu sétimo álbum de estúdio Ray of Light (1998), tornou-se seu oitavo single a estrear no número um do Reino Unido. Foi também o seu primeiro número um desde 1990, e marcou um grande retorno comercial para ela.[16]

Em 2000, Madonna conseguiu seu 12º single número um dos EUA, "Music", do álbum de mesmo nome.[17] A faixa-título, do seu nono álbum de estúdio, American Life (2003) liderou as paradas no Canadá, Itália e Suíça, enquanto suas músicas "Nothing Fails" e "Love Profusion" ficaram em primeiro lugar na Espanha. Em 2005, Madonna lançou "Hung Up" de seu décimo álbum de estúdio Confessions on a Dance Floor. Tornou-se sua música de maior sucesso comercial até hoje, alcançando o número um em 41 países e conquistou um lugar no Guinness Book of World Records de 2007, liderando as paradas em mais países do que qualquer outra música.[18] Com "Hung Up" tendo sido certificado com platina, Madonna superou os The Beatles por ter a maioria dos singles certificados em ouro nos Estados Unidos.[19] O segundo single do álbum, "Sorry", tornou-se o 12º single número um de Madonna nas paradas britânicas.[20] "4 Minutes", o single principal de seu 11º álbum de estúdio, Hard Candy, fez Madonna ter seu 37º Top 100 na Billboard Hot 100, superando Elvis Presley como o artista com os dez maiores singles.[21] Ela ampliou o recorde com o número dez alcançando por "Give Me All Your Luvin'", de seu álbum de estúdio de 2012, MDNA,[22] que também liderou as paradas no Canadá. Com "Ghosttown", do seu décimo terceiro álbum de estúdio, Rebel Heart, de 2015, ficando em primeiro lugar na Billboard Dance Club Songs, se tornou a artista com as músicas número um em um gráfico ativo da Billboard.[23]

Madonna terminou os anos 2000 como a artista de singles físicos mais vendido da década nos Estados Unidos.[24] Ela foi anunciada como a melhor artista solo nos "Melhores artistas de todos os tempos da Billboard Hot 100", além de ter mais singles número um no Reino Unido entre as artistas femininas.[25][26] Madonna tem um recorde de singles número um em todos os formatos das paradas da Billboard, o máximo para qualquer artista.[27] Em fevereiro de 2008, ela vendeu mais de 115 milhões de singles em todo o mundo.[28][29]

Singles[editar | editar código-fonte]

Anos 80[editar | editar código-fonte]

Ano Título Melhores posições nas tabelas Certificações Álbum
EUA
[30]
EUA Club
[30][31]
AUS
[32][33]
AUT
[34]
CAN
[30][35]
FRA
[36]
ALE
[37]
ITA
[38][39]
SUI
[40]
RU
[41]
1982 "Everybody" 103 3 Madonna
1983 "Burning Up" 116 3 13
"Holiday" 16 1 4 32 37 9 22 18 2
"Lucky Star" 4 1 36 8 14
1984 "Borderline" 10 4 12 25 36 23 2
"Like a Virgin" 1 1 1 8 1 8 4 16 9 3 Like a Virgin
1985 "Material Girl" 2 1 4 8 4 47 13 18 15 3
"Crazy for You" 1 1 23 1 47 26 12 16 2 Vision Quest
"Angel" 5 1 1 5 31 17 5 Like a Virgin
"Into the Groove" 102 1 1 6 2 3 1 2 1
"Dress You Up" 5 3 5 10 18 20 16 20 5
"Gambler" 105 10 33 25 3 23 4 Vision Quest
1986 "Live to Tell" 1 7 1 6 12 1 4 2 True Blue
"Papa Don't Preach" 1 4 1 4 1 3 2 1 2 1
"True Blue" 3 6 5 9 1 6 6 4 6 1
"Open Your Heart" 1 1 16 18 8 24 17 6 11 4
1987 "La Isla Bonita" 4 10 6 1 1 1 1 18 1 1
"Who's That Girl" 1 44 7 4 1 2 2 1 2 1 Who's That Girl
"Causing a Commotion" 2 1 7 14 2 14 4 9 4
"The Look of Love" 106 23 34 20 9
1988 "Spotlight" 109 1 You Can Dance
1989 "Like a Prayer" 1 1 1 2 1 2 2 1 1 1 Like a Prayer
"Express Yourself" 2 1 5 5 1 3 1 1 5
"Cherish" 2 4 16 1 21 16 3 10 3
"Oh Father" 20 59 14 26 6 16
"Dear Jessie" 101 51 21 20 19 16 5
"—" não alcançou ou não foi lançado no país dessa parada.

Anos 90[editar | editar código-fonte]

Ano Título Melhores posições nas tabelas Certificações Álbum
EUA
[30]
EUA Club
[30]
AUS
[33][54]
AUT
[34]
CAN
[30][35]
FRA
[36]
ALE
[37]
ITA
[38][39]
SUI
[40]
RU
[41]
1990 "Keep It Together" 8 1 1 8 16 Like a Prayer
"Vogue" 1 1 1 7 1 9 4 1 2 1 I'm Breathless
"Hanky Panky" 10 6 20 18 21 4 15 2
"Justify My Love" 1 1 4 9 1 17 10 2 3 2 The Immaculate Collection
1991 "Rescue Me" 9 6 15 7 21 21 12 11 3
1992 "This Used to Be My Playground" 1 9 11 1 7 6 1 6 3 Barcelona Gold
"Erotica" 3 1 4 15 13 23 13 1 8 3 Erotica
"Deeper and Deeper" 7 1 11 30 2 17 26 1 23 6
1993 "Bad Girl" 36 32 20 44 47 3 25 10
"Fever" 102 1 51 31 12 6
"Rain" 14 5 24 2 26 9 11 7
"Bye Bye Baby" 116 15 7 28
1994 "I'll Remember" 2 7 1 40 49 1 17 7 With Honors
"Secret" 3 1 5 11 1 2 29 3 1 5 Bedtime Stories
"Take a Bow" 1 15 22 1 25 18 2 8 16
1995 "Bedtime Story" 42 1 5 46 8 4
"Human Nature" 46 2 17 9 50 10 17 8
"You'll See" 6 9 5 2 24 15 5 8 5 Something to Remember
1996 "One More Chance" 121 35 2 11
"Love Don't Live Here Anymore" 78 16 27 24 48
"You Must Love Me" 18 11 11 41 78 4 43 10 Evita
1997 "Don't Cry for Me Argentina" 8 1 9 3 14 1 3 2 4 3
"Another Suitcase in Another Hall" 123 4 7
1998 "Frozen" 2 1 5 2 2 2 2 1 2 1 Ray of Light
"Ray of Light" 5 1 6 31 3 18 28 2 32 2
"Drowned World/Substitute for Love" 101 16 34 18 42 39 5 31 10
"The Power of Good-Bye" 11 33 4 6 21 4 8 8 6
1999 "Nothing Really Matters" 93 1 15 29 6 48 38 7 26 7
"Beautiful Stranger" 19 1 5 14 1 17 13 1 6 2 Austin Powers: The Spy Who Shagged Me
"—" não alcançou ou não foi lançado no país dessa parada.

Anos 00[editar | editar código-fonte]

Ano Título Melhores posições nas tabelas Certificações Álbum
EUA
[30]
EUA Club
[30]
AUS
[54]
AUT
[34]
CAN
[30][35]
FRA
[36]
ALE
[37]
ITA
[38][39]
SUI
[40]
RU
[41]
2000 "American Pie" 29 1 1 3 1 8 1 1 1 1 The Next Best Thing
"Music" 1 1 1 5 1 8 2 1 1 1 Music
"Don't Tell Me" 4 1 7 12 1 16 22 1 10 4
2001 "What It Feels Like for a Girl" 23 1 6 26 2 40 16 3 11 7
2002 "Die Another Day" 8 1 11 2 1 15 4 1 1 3 Die Another Day
2003 "American Life" 37 1 7 7 1 10 10 1 1 2 American Life
"Hollywood" 102 1 16 34 5 22 21 2 2 2
"Me Against the Music" (Britney Spears com Madonna) 35 1 1 12 3 11 5 1 4 2 In the Zone
"Nothing Fails" 118 1 51 7 34 36 7 41 American Life
"Love Profusion" 106 1 25 3 25 5 31 11
2005 "Hung Up" 7 1 1 1 1 1 1 1 1 1
  • Estados Unidos RIAA: Platina[81]
  • Alemanha BVMI: 3× Ouro[52]
  • Austrália ARIA: Platina[82]
  • Canadá Music Canada: 3× Platina[57]
  • Suíça IFPI Schweiz: ouro[83]
Confessions on a Dance Floor
2006 "Sorry" 58 1 4 8 2 5 5 1 4 1
  • Canadá Music Canada: Platina[57]
"Get Together"[t] 105 1 13 35 4 26 28 2 24 7
"Jump" 106 1 29 20 7 23 1 21 9
2008 "4 Minutes" (com Justin Timberlake) 3 1 1 2 1 2 1 1 1 1 Hard Candy
"Give It 2 Me" 57 1 23 10 8 5 8 3 4 7 *Brasil ABPD: Platina[85]
"Miles Away" 39 2 21 23 54 11 26 32 39
2009 "Celebration" 71 1 40 8 5 2 5 1 4 3 Celebration
"Revolver" (com Lil Wayne) 118 4 47 25 16 130
"—" não alcançou ou não foi lançado no país dessa parada.

Anos 10[editar | editar código-fonte]

Ano Título Melhores posições nas tabelas Certificações Álbum
EUA
[30]
EUA Club
[30]
AUS
[54]
AUT
[34]
CAN
[30][35]
FRA
[36]
ALE
[37]
ITA
[38][39]
SUI
[40]
RU
[41]
2012 "Give Me All Your Luvin'"
(part. de Nicki Minaj & M.I.A.)
10 1 25 11 1 3 8 2 6 37 MDNA
"Girl Gone Wild" 106 1 93 62 42 13 4 29 73
"Masterpiece" 124 68
"Turn Up The Radio" 101 1 25 175
2014 "Living for Love" 108 1 92 50 40 49 26 Rebel Heart
2015 "Ghosttown" 125 1 34 34 20 39 117
"Bitch I'm Madonna"
(part. de Nicki Minaj)
84 1 63 90
"Hold Tight" 92
2019 "Medellín"[89]
(com Maluma)
*Itália FIMI: Ouro Madame X
"Crave"
(com Swae Lee)
"Future"
(com Quavo)
"—" não alcançou ou não foi lançado no país dessa parada.

Singles promocionais[editar | editar código-fonte]

Ano Título Melhores posições nas tabelas Álbum
US
Dance

[30]
1986 "Where's the Party"[nota 1] True Blue
1987 "You Can Dance (LP Cuts)" 1 You Can Dance
1992 "Erotic"[nota 2] Não adicionado à nenhum álbum
1995 "I Want You"
(com Massive Attack)[nota 3]
Something to Remember
1997 "Buenos Aires" (Remix) 3 Evita
1998 "Sky Fits Heaven" 41 Ray of Light
"Little Star"[nota 4]
2000 "Amazing"[nota 5] Music
2001 "Impressive Instant" 1
"GHV2 Megamix" 5 GHV2
2003 "Into the Hollywood Groove"
(com Missy Elliott)[nota 6]
Remixed & Revisited
"Nobody Knows Me" 4 American Life
2005 "Imagine" (Live)[nota 7] Não adicionado à nenhum álbum
"Mother and Father" 9 American Life
2012 "Broken"[nota 8] Não adicionado à nenhum álbum
"Love Spent"[nota 9] MDNA
"Superstar"[nota 10]
2019 "I Rise" Madame X
"—" denota lançamentos que não entraram nas paradas ou não foram lançados nesse território.

Outras aparições[editar | editar código-fonte]

Ano Single Notas
1984 "Ain't No Big Deal"
  • Apareceu na compilação da Warner Bros. Revenge of the Killer B's Vol. 2.[101]
"Sidewalk Talk"
  • Gravada e lançada pelo produtor musical John Benitez, como single para seu álbum Wotupski!?!. Madonna escreveu a canção e é lembrada no refrão. Também apareceu na compilação 80's Dance Hits.[102]
1986 "Each Time You Break My Heart"
  • Cantada por Nick Kamen no seu primeiro álbum. Madonna escreveu e produziu a canção com Stephen Bray, e cantou como backing vocal.[103]
1987 "Santa Baby"
  • Apareceu no álbum A Very Special Christmas.[104]
1989 "I Surrender Dear"
1992 "Get Over"
  • Cantada por Nick Scotti, onde Madonna cantou de forma proeminente, quase fazendo um dueto. A canção foi escrita e produzida por Madonna e Shep Pettibone e foi lançada como o segundo single do auto-intitulado álbum de Nick Scotti.[106]
1994 "Goodbye to Innocence"
  • Aparece na compilação Just Say Roe: Volume VII of Just Say Yes.[107]
1995 "Freedom"
  • Aparece na compilação Carnival!: Rainforest Foundation Concert.[108]
1995 "Guilty By Association"
  • Dueto de Madonna com o cunhado Joe Henry no álbum Sweet Relief II: Gravity of the Situation.[109]
1997 "Love Won't Wait"
  • Escrita por Madonna e Shep Pettibone,gravada por Gary Barlow e lançada como o segundo single de seu primeiro álbum Open Road.[110]
1998 "Bittersweet"
1999 "Be Careful (Cuidado Con Mi Corazon)"
2000 "Time Stood Still"
2003 "Into the Hollywood Groove"
2007 "Sing"

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Caulfield, Keith (18 de março de 2009). «Madonna Plans New Tracks For Hits Collection». Billboard. Consultado em 21 de agosto de 2009 
  2. Rooksby 2004, pp. 11–13
  3. Morton 2002, p. 765
  4. Rooksby 2004, p. 16
  5. Bronson 2003, p. 606
  6. Metz & Benson 1999, p. 299
  7. Rooksby 2004, p. 21
  8. Bronson 2003, p. 764
  9. DeKnock, Jan (22 de agosto de 1987). «Madonna Soars to Top of the Charts for the Sixth Time». Chicago Tribune. Consultado em 15 de maio de 2009 
  10. Cross 2007, p. 58
  11. Taraborrelli 2002, p. 183
  12. Rich, Joshua (20 de novembro de 1998). «Madonna Banned». Entertainment Weekly. Consultado em 4 de dezembro de 2009 
  13. Grein, Paul (8 de agosto de 1992). «Hot 100 Is Madonna's Playground». Billboard. p. 86. Consultado em 4 de dezembro de 2009 
  14. Metz & Benson 1999, p. 18
  15. Bronson, Fred (25 de fevereiro de 1995). «Madonna 'Takes A Bow' At No. 1». Billboard. p. 154. Consultado em 4 de dezembro de 2009 
  16. Metz & Benson 1999, p. 167
  17. Bronson, Fred (7 de setembro de 2000). «Madonna Hits No. 1 For 12th Time». Billboard. Consultado em 4 de dezembro de 2009. Cópia arquivada em 7 de novembro de 2012 
  18. Glenday 2007, p. 187
  19. Bell, Craig (9 de outubro de 2002). «Madonna Ties Fab Four On Singles Honor Roll». Billboard. Consultado em 4 de dezembro de 2009 
  20. Sexton, Paul (26 de fevereiro de 2006). «Madonna, Jack Johnson Take Lead On U.K. Charts». Billboard. Consultado em 4 de dezembro de 2009 
  21. Hasty, Katie (2 de abril de 2008). «Mariah, Madonna Make Billboard Chart History». Billboard. Consultado em 4 de abril de 2008 
  22. Trust, Gary (15 de fevereiro de 2012). «Madonna Scores Record-Extending 38th Hot 100 Top 10». Billboard. Consultado em 22 de fevereiro de 2013 
  23. McIntyre, Hugh (17 de maio de 2015). «Madonna Has Now Charted More Number One Singles Than Any Other Artist». Forbes. Consultado em 21 de maio de 2015 
  24. «Billboard Charts – Decade-end Artists – Singles Sales Artists». Billboard. Consultado em 13 de novembro de 2010. Cópia arquivada em 3 de março de 2011 
  25. «Billboard Hot 100 Chart 50th Anniversary». Billboard. Consultado em 1 de outubro de 2009. Cópia arquivada em 13 de setembro de 2008 
  26. «The One And Only... The Musical Superstars». BBC. Consultado em 9 de junho de 2008 
  27. Trust, Gary (6 de novembro de 2012). «Madonna Celebrates 30th Anniversary On Billboard Charts». Billboard. Consultado em 22 de fevereiro de 2013 
  28. Hastings, Chris (28 de agosto de 2005). «Madonna uses secret nightclub 'focus groups' to pick songs for new album». The Daily Telegraph. Consultado em 25 de fevereiro de 2013 
  29. Deutsche Presse-Agentur (DPA) (27 de fevereiro de 2008). «El nuevo disco de Madonna se llamará 'Hardy Candy' y saldrá a la venta a finales de abril». El Mundo (em espanhol e alemão). Unidad Editorial. Consultado em 26 de fevereiro de 2013 
  30. a b c d e f g h i j k l m «allmusic ((( Madonna > Charts & Awards > Billboard Singles )))». Allmusic (em inglês). Rovi Corporation. 1983–2009. Consultado em 26 de maio de 2009 
  31. Trust, Gary (15 de setembro de 2009). «'Celebration': Madonna's 40 Most Impressive Instants». Billboard (em inglês). Nielsen Business Media, Inc. Consultado em 8 de outubro de 2009 
  32. Kent, David (1993). Australian Chart Book 1970-1992. St Ives, NSW, Australia: Australian Chart Book. p. 188. ISBN 0-646-11917-6 
  33. a b Ryan, Gavin (2009). ARIA Singles Chart Book 1988-2008. [S.l.]: Moonlight Publishing. pp. 91–92 
  34. a b c d «Madonna singles discography». Ö3 Austria Top 40. austriancharts.at. Consultado em 6 de janeiro de 2010 
  35. a b c d «Madonna Singles Discography». RPM (em inglês). RPM Library Archives. Consultado em 8 de outubro de 2009 
  36. a b c d «Madonna Singles Discography». Syndicat National de l'Édition Phonographique. Lescharts.com at Hung Medien. 1984–2009. Consultado em 2 de junho de 2009 
  37. a b c d «Madonna Singles Discography». Media Control Charts. Musicline.de. 1984–2009. Consultado em 26 de maio de 2009 
  38. a b c d «Madonna Singles Discography». Federation of the Italian Music Industry. Hitparadeitalia.it. 1984–1998. Consultado em 2 de junho de 2009 
  39. a b c d «Madonna Singles Discography». Federation of the Italian Music Industry. Italiancharts.com at Hung Medien. 1999–2009. Consultado em 2 de dezembro de 2009 
  40. a b c d «Madonna Singles Discography». Swiss Music Charts. Hitparade.ch at Hung Medien. 1984–2009. Consultado em 2 de junho de 2009 
  41. a b c d «Madonna Singles Discography» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 25 de maio de 2009 
  42. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad «BPI - Certified Awards Search - Artist: Madonna». British Phonographic Industry. Consultado em 27 de agosto de 2009 
  43. «Madonna - Borderline». Recording Industry Association of America (em inglês). 22 de outubro de 1998. Consultado em 3 de junho de 2009 
  44. «Madonna - Like a Virgin». Recording Industry Association of America (em inglês). 1 de novembro de 1985. Consultado em 3 de junho de 2009 
  45. «Madonna - Crazy For You». Recording Industry Association of America (em inglês). 16 de julho de 1985. Consultado em 3 de junho de 2009 
  46. a b «Madonna - Angel/Into the Groove». Recording Industry Association of America (em inglês). 30 de julho de 1985. Consultado em 3 de junho de 2009 
  47. a b c d e f g h i j k l m n o p q «InfoDisc : Les Certifications (Singles) du SNEP (Bilan par Artiste) – Search for "Madonna"» (em francês). Consultado em 14 de janeiro de 2011 
  48. «Madonna - Papa Don't Preach». Recording Industry Association of America (em inglês). 22 de outubro de 1998. Consultado em 24 de fevereiro de 2009. Arquivado do original em 24 de setembro de 2015 
  49. «Madonna - True Blue». Recording Industry Association of America (em inglês). 22 de outubro de 1998. Consultado em 3 de junho de 2009 
  50. a b c «ARIA Charts - Accreditations - 2001 Singles». Australian Recording Industry Association (em inglês). Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  51. «Madonna - Like a Prayer». Recording Industry Association of America (em inglês). 16 de junho de 1989. Consultado em 3 de junho de 2009 
  52. a b c d e f g «Musikindustrie: Gold/Platin Datenbank» (em alemão). Bundesverband Musikindustrie. Consultado em 14 de novembro de 2010 
  53. «Madonna - Express Yourself». Recording Industry Association of America (em inglês). 11 de agosto de 1989. Consultado em 3 de junho de 2009 
  54. a b c «ARIA singles charts». Australian Recording Industry Association. Australian-charts.com at Hung Medien. Consultado em 5 de janeiro de 2010 
  55. «Madonna - Keep It Together». Recording Industry Association of America (em inglês). 11 de abril de 1990. Consultado em 3 de junho de 2009 
  56. «Madonna - Vogue». Recording Industry Association of America (em inglês). 28 de junho de 1990. Consultado em 3 de junho de 2009 
  57. a b c d e «CRIA Database search - Madonna» (em inglês). Music Canada. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  58. «Madonna - Hanky Panky». Recording Industry Association of America (em inglês). 19 de setembro de 1990. Consultado em 3 de junho de 2009 
  59. «Madonna - Justify My Love». Recording Industry Association of America (em inglês). 22 de fevereiro de 1991. Consultado em 3 de junho de 2009 
  60. «Madonna - Rescue Me». Recording Industry Association of America (em inglês). 24 de maio de 1991. Consultado em 3 de junho de 2009 
  61. «Madonna - This Used To Be My Playground». Recording Industry Association of America (em inglês). 10 de setembro de 1992. Consultado em 3 de junho de 2009 
  62. «Madonna - Erotica». Recording Industry Association of America (em inglês). 10 de dezembro de 1992. Consultado em 3 de junho de 2009 
  63. «Madonna - I'll Remember». Recording Industry Association of America (em inglês). 10 de outubro de 1998. Consultado em 24 de junho de 2009 
  64. «Madonna - Secret». Recording Industry Association of America. 5 de janeiro de 1995. Consultado em 3 de junho de 2009 
  65. «Madonna - Take a Bow». Recording Industry Association of America (em inglês). 27 de fevereiro de 1995. Consultado em 3 de junho de 2009 
  66. «Madonna - You'll See». Recording Industry Association of America (em inglês). 23 de março de 1996. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  67. «Madonna - You Must Love Me». Recording Industry Association of America (em inglês). 12 de setembro de 1997. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  68. «ARIA Charts - Accreditations - 1997 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  69. «Madonna - Frozen». Recording Industry Association of America (em inglês). 10 de setembro de 1998. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  70. a b c d «ARIA Charts - Accreditations - 1998 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  71. a b c «IFPI Austria – Gold & Platin». International Federation of the Phonographic Industry. Consultado em 14 de novembro de 2010 
  72. «Awards 1998: Neu hinzufügen» (em alemão). Swiss Music Charts. Consultado em 17 de novembro de 2009 
  73. «Madonna - Ray of Light». Recording Industry Association of America (em inglês). 9 de outubro de 1999. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  74. «ARIA Charts - Accreditations - 1999 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  75. «ARIA Charts - Accreditations - 2000 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  76. «Awards 2000: Neu hinzufügen» (em inglês). Swiss Music Charts. Consultado em 17 de novembro de 2010 
  77. «Madonna - Music». Recording Industry Association of America (em inglês). 23 de dezembro de 2000. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  78. «Madonna - Don't Tell Me». Recording Industry Association of America (em inglês). 4 de abril de 2001. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  79. «ARIA Charts - Accreditations - 2002 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  80. a b «ARIA Charts - Accreditations - 2003 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  81. «Madonna - Hung Up». Recording Industry Association of America (em inglês). 9 de maio de 2006. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  82. «ARIA Charts - Accreditations - 2005 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  83. «Awards 2005: Neu hinzufügen» (em inglês). Swiss Music Charts. Consultado em 17 de novembro de 2010 
  84. «Madonna - 4 Minutes ft. Justin Timerlake». Recording Industry Association of America (em inglês). 9 de agosto de 2009. Consultado em 25 de agosto de 2009 
  85. a b http://www.abpd.org.br/certificados_interna.asp?sArtista=Madonna  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  86. «ARIA Charts - Accreditations - 2008 Singles» (em inglês). Australian Recording Industry Association. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  87. a b c d «Certificazoni Downloade FIMI» (PDF) (em italiano). Federation of the Italian Music Industry. Consultado em 16 de novembro de 2010. Arquivado do original (PDF) em 15 de abril de 2012 
  88. «Madonna - Give Me All Your Luvin'». Recording Industry Association of America (em inglês). 29 de junho de 2012. Consultado em 24 de junho de 2009 
  89. Andrew Trendell (15 de abril de 2019). «Madonna announces release date of first 'Madame X' comeback single 'Medellin'». NME (em inglês). TI Media. Consultado em 15 de abril de 2019 
  90. "Where's the Party" / "Love Don't Live Here Anymore" (Liner notes / 7" single). Philippines: Warner Bros. 1986. 728453 
  91. Voller 1999, p. 117
  92. «Motown Set Honors Marvin Gaye». Billboard. 14 de outubro de 1995. p. 76. Consultado em 4 de dezembro de 2009 
  93. "Little Star" (Liner notes / CD single). United Kingdom: Maverick. 1998. W459CDDJ 
  94. "Amazing" (Liner notes / CD single). Germany, Spain: Maverick. 2000. PR02645, SP082W 
  95. Strasburg, Jenny (25 de julho de 2003). «Bands to fit the brand». San Francisco Chronicle. Consultado em 25 de setembro de 2011 
  96. «Stars lend a hand for tsunami relief». MSNBC. Associated Press. 18 de janeiro de 2005. Consultado em 18 de janeiro de 2005 
  97. «2010 Gift – Here It Is!». Madonna.com. 28 de agosto de 2011. Consultado em 28 de agosto de 2011. Cópia arquivada em 7 de outubro de 2011 
  98. "Love Spent" (Liner notes / CD single). Netherlands: Universal Music. 2012. USUG11200450 
  99. «Single "Superstar", de Madonna, ganha versão remix e sai com capa feita por brasileira». Folha de S. Paulo. 1 de dezembro de 2012. Consultado em 2 de dezembro de 2012 
  100. «Leitores da Folha recebem "Superstar", o novo single de Madonna». Folha de S. Paulo. 3 de dezembro de 2012. Consultado em 4 de dezembro de 2012 
  101. «allmusic ((( Revenge of the Killer B's Vol. 2 > Overview». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 4 de novembro de 2009 
  102. Kellman, Andy (3 de abril de 2007). «allmusic ((( 80's Dance Hits > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 14 de dezembro de 2009 
  103. «allmusic ((( Nick Kamen > Overview )))». Allmusic (em inglês). Rovi Corporation. Consultado em 9 de fevereiro de 2010 
  104. «allmusic ((( A Very Special Christmas > Overview )))». Allmusic (em inglês). Rovi Corporation. Consultado em 4 de novembro de 2009 
  105. «Bloodhounds of Broadway (1989) - Cast and Credits». Yahoo!. Consultado em 7 de dezembro de 2009 
  106. «allmusic ((( Nick Scotti > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 7 de dezembro de 2009 
  107. «allmusic ((( Just Say Roe: Volume VII of Just Say Yes > Overview )))». Allmusic (em Rovi Corporation). Consultado em 4 de novembro de 2009 
  108. Ruhlmann, William (23 de maio de 2004). «allmusic ((( Carnival: Rainforest Foundation Concert > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 4 de dezembro de 2009 
  109. Sullivan, Denise (12 de setembro de 2005). «allmusic ((( Sweet Relief II > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 21 de novembro de 2009 
  110. Erlewine, Stephen Thomas. «allmusic ((( Open Road > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 21 de novembro de 2009 
  111. «allmusic ((( Gift of Love: Music Inspired by Rumi Love Poem > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 4 de novembro de 2009 
  112. «allmusic ((( Ricky Martin [1999] > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 4 de novembro de 2009 
  113. Ruhlmann, William (22 de fevereiro de 2000). «allmusic ((( The Next Best Thing > Overview )))». Allmusic. Rovi Corporation. Consultado em 8 de fevereiro de 2010 
  114. «Into The Hollywood Groove [featuring Missy Elliott] [The Passengerz Mix] by Madonna». Yahoo!. Consultado em 7 de dezembro de 2009 
  115. Chamberlain, Daryl (5 de outubro de 2007). «Aids fight inspires singer Lennox». BBC. BBC Online. Consultado em 7 de dezembro de 2009 

Notas

  1. Um single promocional de 7" de "Where is the Party", com o lado B de "Love Don't Live Here Anymore", foi lançado nas Filipinas em 1986.[90]
  2. CD promocional disponível com a publicação do livro Sex de 1992. Esta versão foi criada no final das sessões de Erotica e inclui letras adicionais não disponíveis na versão do álbum. Essas letras também foram usadas nos remixes de William Orbit no single "Erotica".[91]
  3. Originalmente para ser o single principal de Something to Remember, "I Want You" foi lançado como um single promocional com um vídeo musical oficial em 2 de outubro de 1995.[92]
  4. Um CD promocional single de "Little Star" foi lançado no Reino Unido em 1998.[93]
  5. Um CD promocional de "Amazing" foi lançado em alguns territórios europeus em 2000.[94]
  6. Um remix de "Into the Groove" e "Hollywood", com participação de Missy Elliott. Foi criado como parte de uma campanha comercial para a varejista de roupas GAP e cópias do CD promocional foram distribuídas aos clientes.[95]
  7. Madonna cantou o cover da música de John Lennon no Tsunami Aid: Concert of Hope em janeiro de 2005. Sua apresentação estava disponível como um download digital no site da Sony Connect no dia seguinte. Todos os rendimentos dos downloads foram para a caridade da Cruz Vermelha Americana.[96]
  8. A música foi gravada durante as sessões de Celebration. Os membros oficiais do fã-clube da Madonna Icon receberam um single de vinil especial de 12 polegadas da faixa com trabalhos artísticos exclusivos como parte de seus membros.[97]
  9. Um CD promocional de "Love Spent" foi lançado na Holanda em 2012.[98]
  10. Lançado em 3 de dezembro de 2012 no Brasil como um CD gratuito de edição especial com o jornal brasileiro Folha de S. Paulo. A obra de arte que acompanha o single foi criada pela grafiteira brasileira Simone Sapienza, ganhadora de um concurso patrocinado pelo projeto Keep Walking Project, de Johnnie Walker, no Brasil. Ela foi escolhida por Madonna depois de estar entre as dez finalistas.[99][100]