Kyikatejê-gavião

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Os Kyikatejê-gavião, são um povo indígena do grupo Gavião do Oeste cuja língua é o Timbira Oriental, da família , também são conhecidos como "Koykateyê" e "Gavião Kyikatejê". A denominação gavião vem das penas da ave usadas em suas flechas[1].

Em 2010 perfaziam aproximadamente 320 indivíduos. Vivem na Terra Indígena Mãe Maria, localizada no município de Bom Jesus do Tocantins, no sudeste do estado do Pará[2].

Uma das maiores tradições é a corrida de toras: as equipes de revezamento (formada somente por homens), carregam troncos de buriti nos ombros. O mais importante não é quem chega primeiro, o que vale mais é o divertimento. A comemoração é maior quando as equipes chegam juntas ou quase juntas[3].

O povo Kyikatejê também tem um time de futebol que disputa o campeonato paraense de futebol o Gavião Kyikatejê Futebol Clube. É o primeiro time de futebol indígena do Brasil, e a maioria dos atletas é da aldeia que dá nome ao clube[4]. O treinador Zeca Gavião é também o primeiro técnico indígena do país[5].

Referências

  1. «ARHU, Guerreiro Gavião». Laboratório de estudos do tempo paraense. Consultado em 13 de abril de 2011 
  2. «Tempo-Espaço e Memória». Carlos Branco Jornalista. Consultado em 13 de abril de 2011 
  3. «V Jogos dos povos indígenas». FUNAI. Consultado em 13 de abril de 2011 
  4. «Time profissional indígena faz sua estréia». Globo Vídeos. 20 de setembro de 2009. Consultado em 13 de abril de 2011 
  5. «Conversa com Zeca Gavião: "Não gosto de técnico escandaloso"». Veja.com. 23 de dezembro de 2009. Consultado em 13 de abril de 2011