Jabutis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Jabuti, veja Jabuti (desambiguação).
Jabutis[nota 1]
População total

215 (dados de 2012)[1]

Regiões com população significativa
 Rondônia
Línguas
Língua jabuti (tronco macro-jê)[1][2]
Religiões
Animismo, xamanismo

Os Jabutis são um grupo indígena que habita o sul do estado brasileiro de Rondônia, mais precisamente as Áreas Indígenas Rio Branco, Rio Guaporé e Terra Indígena Jabuti.[1][2] No passado a tribo foi muito ameaçada pela presença de garimpeiros em sua área original, fato em parte resolvido pela demarcação de suas terras.

A maioria dos falantes da língua jabuti também fala o português e há outros que ainda sabem se comunicar através de outras línguas indígenas.[1]

Subgrupos[editar | editar código-fonte]

Subgrupos ou clãs:[3]

Nome Tradução
Joromití palmeira
Kunonerê formiga vermelha”
Kurofê buriti
Kunambirô formiga preta”
Oricotaré de ori, “serras”: “entre serras”, isto é, “aldeias entre serras”.

Notas

  1. Em língua jabuti eles se autodenominam Djeoromitxí, também escrito jaboti.[1]

Referências

  1. a b c d e Adm. do sítio web. «Povos Indígenas no Brasil». Instituto Socioambiental. Consultado em 22 de julho de 2014 
  2. a b MOSELEY, Christopher (2008). Encyclopedia of the World's Endangered Languages. [S.l.]: Routledge. 688 páginas. ISBN 9781135796402 
  3. Maldi, Denise. 1991. O Complexo Cultural do Marico: Sociedades Indígenas dos Rios Branco, Colorado e Mequens, Afluentes do Médio Guaporé. Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi, Série Antropologia, vol. 7(2), p. 209-269.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre povos indígenas é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.