Cauaíbes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: se procura pela língua da família linguística tupi-guarani, veja língua cauaíbe.
Cavaíbas
População total
Regiões com população significativa
Amazonas e Rondônia, no Brasil
Línguas
língua cauaíbe
Religiões

Cauaíbes (também grafado Kawahib, Kagwahív, Kagwahiva, cavaíbas e cauaíbas)[1][2] é a denominação dada a um conjunto de grupos indígenas brasileiros falantes do cauaíbe, língua da família linguística tupi-guarani. Incluem os jumas, os parintintins, os tenharins, diahóis, caripunas e uru-eu-wau-wau.

História[editar | editar código-fonte]

O grupo étnico autodenominado kagwahiva ("a nossa gente") é originário da região da nascente do rio Tapajós, onde viveu entre os séculos XVIII e XIX. Ao longo do século XIX, o grupo fragmentou-se em decorrência de conflitos com outras comunidades indígenas ou da ação de colonizadores. A partir de 1920, teve contatos constantes com os brancos através do antigo Serviço de Proteção aos Índios e, posteriormente, da Fundação Nacional do Índio.[3]

A Terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo, habitada por indígenas no contatados, está localizada entre os municípios de Colniza, no Mato Grosso, e Novo Aripuanã, no Amazonas[4]

Referências

  1. A grafia de etnônimos brasílicos segue regras especiais estabelecidas por antropólogos e linguistas. Ver Dicionário Houaiss: "etnônimo brasílico"
  2. FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 19867. p. 373.
  3. Generalitat de Catalunya. Casa de les Llengües. Kagwahiva
  4. Kawahiva do Rio Pardo. Olhar Indígena

Ligações externas[editar | editar código-fonte]