Economia da Maurícia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Economia de Maurício
A cidade de Port Louis à noite.
Moeda Rúpia de Maurício
Ano fiscal Ano calendário
Blocos comerciais OMC, COMESA, UA e outros
Estatísticas
PIB 20,26 bilhões (2012) (130º lugar)
Variação do PIB 3,4% (2012)
PIB per capita 15 600 (2012)
PIB por setor agricultura 4,5%, indústria 23,5%, comércio e serviços 72% (2012)
Inflação (IPC) 4,7% (2012)
Coeficiente de Gini 0,390 (2006)
Força de trabalho total 617 800 (2012)
Desemprego 8% (2007)
Principais indústrias processamento de alimentos (especialmente açúcar), têxteis, roupas, mineração, produtos químicos, produtos de metal, equipamentos de transporte, máquinas não-elétricas, turismo
Exterior
Exportações US$2 631 milhões (2012)
Produtos exportados roupas, têxteis, açúcar, flores, melaço, peixe
Principais parceiros de exportação Reino Unido 21,3%, França 17,8%, Estados Unidos 10,5%, Itália 8,1%, África do Sul 7,7%, Espanha 7,1%, Madagáscar 6,2% (2011)
Importações US$ 5 111 milhões (2012)
Produtos importados manufaturados, bens de capital, alimentos, derivados de petróleo, produtos químicos
Principais parceiros de importação Índia 25,2%, República Popular da China 13,6%, França 9,1%, África do Sul 6,9% (2011)
Dívida externa bruta 5 788 milhões (2012)
Finanças públicas
Receitas 2 421 milhões (2012)
Despesas 2 919 milhões (2012)
Fonte principal: [[1] CIA World Fact Book]
Salvo indicação contrária, os valores estão em US$

Desde a sua independência, em 1968, a economia de Maurício, até então uma economia de baixa renda baseada na agricultura, tornou-se uma economia diversificada com crescimento dos setores industriais, financeiros e turísticos. Para a maioria do período, o crescimento anual esteve na ordem de 5 a 6%. Esta realização notável foi refletida numa distribuição de renda mais justa, no aumento da expectativa de vida, no declínio da mortalidade infantil e em numa melhora da infra-estrutura do país.

A plantação de cana-de-açúcar ocupa 90% da área de terra cultivada e corresponde a 25% do total de exportação. A estratégia do desenvolvimento do governo centra-se em expandir instituições financeiras locais e em construir um sistema de telecomunicações interna.

a exploração da Ilha, tanto no âmbito agrário como turístico, tem dependido diretamente das autoridades locais. É um país fundamentalmente dedicado à agricultura (especialmente ao cultivo da cana de açúcar), representando 60% do produto Interior Bruto. Perto de 50% da superfície da ilha está dedicado à agricultura. Outra fonte de beneficios é a exportação de chá aos países do sul da África, sem esquecer o cultivo do tabaco e das flores ornamentais. Porém, grande parte dos recursos são destinados à importação de outros produtos dos que carece a ilha, tais como o arroz ou a batata. A segunda indústria em importância é a indústria têxtil e graças à ter-se convertido na primeira zona franca do Oceano Índico, Maurício destaca-se pela importação, tratamento e exportação de produtos manufaturados. O turismo é outra das indústrias principais do país.

Referências

  1. CIA. The World Factbook. Visitado em 1/6/2013.


Flag-map of Mauritius.png Maurícia
História • Política • Subdivisões • Geografia • Economia • Demografia • Cultura • Turismo • Portal • Imagens
Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.