Niamey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Niamey
Distrito Capital
Panorama de Niamey
Panorama de Niamey
Localização de Niamey (em vermelho)
Localização de Niamey (em vermelho)
País Níger
Região Comunidade Urbana de Niamey
Governador da Comunidade Urbana de Niamey Srª. Kané Aichatou Boulama
Área  
  Total 670 km²
População  
  Cidade (2002 censo) 674.950
Rua de terra em Niamey. Assim como na maioria das cidades africanas, grande parte do sistema viário de Niamey não é pavimentado.
Niamey vista a partir de um dos Satélites SPOT.

Niamei[1] [2] [3] ou, em francês, Niamey, com uma população de 674 950 habitantes (censos de 2002), é a capital do Níger. É a maior cidade do país, encontrando-se junto ao Rio Níger. É um centro administrativo, cultural e econômico.

A cidade localiza-se numa região de produção de mexoeira, enquanto as indústrias de manufatura incluem o fabrico de tijolo, bens de cerâmica, cimento e têxteis.

Niamei foi fundada provavelmente no século XVIII, mas teve pouca importância até os franceses aí desenvolverem um posto colonial nos anos 1990 do século XIX. Esta rapidamente cresceu até se tornar num importante centro. Em 1926 tornou-se a capital do Níger e a população cresceu gradualmente, de cerca de 3 000 habitantes em 1930 para cerca de 30 000 em 1960, 250 000 em 1980 e – segundo algumas estimativas – 800 000 em 2000. A maior causa deste aumento tem sido a imigração durante as secas.

Referências

  1. Serviço das Publicações da União Europeia. Anexo A5: Lista dos Estados, territórios e moedas Código de Redacção Interinstitucional.. Página visitada em 18 de janeiro de 2012.
  2. Porto Editora. Niamei Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa da Infopédia – Enciclopédia e Dicionários Porto Editora.. Página visitada em 18 de janeiro de 2012.
  3. Lusa, Agência de Notícias de Portugal. Prontuário Lusa. Página visitada em 10 de outubro de 2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Níger, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.