Aroeiras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Aroeiras
"Rainha do Agreste"
Bandeira de Aroeiras
Brasão de Aroeiras
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 2 de Dezembro
Fundação 2 de dezembro de 1953 (64 anos)
Gentílico aroeirense
Prefeito(a) Mylton Domingues de Aguiar Marques[1] (PSDB)
(2017–2020)
Localização
Localização de Aroeiras
Localização de Aroeiras na Paraíba
Aroeiras está localizado em: Brasil
Aroeiras
Localização de Aroeiras no Brasil
07° 32' 42" S 35° 42' 28" O07° 32' 42" S 35° 42' 28" O
Unidade federativa  Paraíba
Mesorregião Agreste Paraibano IBGE/2008[2]
Microrregião Umbuzeiro IBGE/2008[2]
Região metropolitana Campina Grande
Municípios limítrofes Fagundes (Paraíba) e Itatuba (norte); Natuba (leste); Umbuzeiro (sul); Gado Bravo (oeste)
Distância até a capital 105 km
Características geográficas
Área 374,674 km² [3]
População 19,231 hab. (PB: 34º) – 
Densidade 0,05 hab./km²
Altitude 363 m
Clima tropical com chuvas de verão
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,559 baixo PNUD/2000[4]
PIB R$ 61 762,853 mil (PB: 49º) – IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 3 131,67 IBGE/2008[5]
Página oficial

Aroeiras é um município brasileiro localizado na Região Metropolitana de Campina Grande, estado da Paraíba. Sua população em 2011 foi estimada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em 19.048 habitantes, distribuídos em 374 km² de área.

História[editar | editar código-fonte]

O povoamento da região deu-se a partir da casa de farinha, de propriedade de João Gonçalves, onde era processada a mandioca produzida por agricultores locais. A seguir surgiu a feira livre, a Feira de Catolé dos Sousas, em 1881, motivando a fixação de moradores no local[6].

O distrito foi criado com a denominação de Aroeiras pela lei municipal nº 12, de 25 de outubro de 1905, subordinado ao município de Umbuzeiro. A emancipação política ocorreu em 2 de dezembro de 1953 pela lei estadual nº 980, por desmembramento do município de Umbuzeiro. A instalação do novo município ocorreu em 28 de dezembro de 1953. Em 1994, o distrito de Gado Bravo foi emancipado de Aroeiras.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município está incluído na área geográfica de abrangência do semiárido brasileiro, definida pelo Ministério da Integração Nacional em 2005.[7] Esta delimitação tem como critérios o índice pluviométrico, o índice de aridez e o risco de seca.

Foi construído o terceiro maior reservatório hídrico do estado, conhecido como "Barragem de Acauã". Este fato gerou uma forte reação por parte dos habitantes da região inundada, que alegaram deixar de ter o mínimo de condições necessárias para uma vida digna.[8]

O povoamento da região deu-se a partir da casa de farinha de propriedade de Antonio Gonçalves. Os agricultores traziam sua mandioca para transformá-la em farinha. A seguir surgiu a feira livre, a Feira de Catolé dos Sousas, em 1881. Isto motivou a fixação de moradores no local.

O distrito foi criado com a denominação de Aroeiras, pela lei municipal nº 12, de 25 de outubro de 1905, subordinado ao município de Umbuzeiro. A emancipação política ocorreu em 1 de dezembro de 1953 pela eli estadual nº 980, desmembrado de Umbuzeiro. Instalado em 28 de dezembro de 1953.

Hoje além da zona urbana, o município conta com um grande número de habitantes na zona rural(mais da metade da população total), destacando-se, a população do distrito de Pedro Velho.

Esportes[editar | editar código-fonte]

No Município existe o Campeonato Aroeirense de Futebol. O torneio é realizado anualmente e conta com participações das equipes da Zona Urbana e também da Zona Rural. O atual campeão é a equipe do America.. Os clubes mais importantes e de maiores torcidas são: Auto Esporte, segundo personagens mais antigos da cidade, essa equipe possui 6 títulos municipais, o último foi conquistado em 2007, quando venceu o América, seu rival. E a Torres, também segundo algumas pessoas possui 7 títulos. E o America, atual campeão.

Também existe o Torneio de Futebol sub-20, a última edição ocorreu em no início de 2014, e a equipe do Independente conquistou o título, ao bater a equipe da Seleção da Vila na final.

Referências

  1. Portal Eleições 2016. «Resultado das Eleições: Aroeiras-PB». Consultado em 03 de janeiro de 2017  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  3. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. IBGE. Documentação Territorial do Brasil
  7. «Ministério da Integração Nacional, 2005. Nova delimitação do semiárido brasileiro» .
  8. «MPF ingressa com ação em favor das 800 famílias deslocadas da Barragem de Acauã». WSCOM. 1 de setembro de 2008. Consultado em 28 de junho de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete aroeiras.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios da Paraíba é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.