Mongul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mongul
Placeholder male superhero c.png

Dados da publicação
Publicado por DC Comics
Primeira aparição (I) DC Comics Presents #27
(Novembro de 1980)

(II) Showcase '95 # 8
(Setembro de 1995)

Criado por (I) Len Wein e Jim Starlin

(II) Jeph Loeb

Características do personagem
Alter ego Mongul
Espécie Alien
Terra natal Mundo bélico
Afiliações (II) Esquadrão Suicida
Tropa Sinestro
Parentesco Mongal
Habilidades Força, velocidade, agilidade e durabilidade sobre-humanas; projeção de energia
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Mongul é um super-vilão fictício publicado pela DC Comics. Criado por Jim Starlin and Len Wein, ele tornou-se notório por ser um dos poucos vilões realmente tão fortes quanto Superman.

Sua primeira aparição se deu nas páginas do título DC Comics Presents, em histórias escritas pelo escritor/desenhista Jim Starlin, mas a mais notória participação do personagem se daria, muito provavelmente, na emblemática história For the Man Who Has Everything. Escrita por Alan Moore e desenhada por Dave Gibbons, a história foi publicada em Superman Annual #11.

Essa história, assim como outras histórias do personagem foi adaptadas em episódios da série animada Justice League.

Mongul Jr.[editar | editar código-fonte]

Um segundo Mongul, filho do original, tem tido grande destaque desde que foi introduzido por Jeph Loeb durante o evento Mundos em Guerra como um dos personagens-chave da saga. Este novo Mongul tentou conquistar o planeta Daxam mas foi impedido pelo sacrifício do lanterna verde Sodam Yat que, para dar poderes ao povo de seu planeta, transformou o sol vermelho em amarelo. Atualmente, Mongul Junior está preso no anel do ex-lanterna verde Sinestro, em estado de dor constante, por tê-lo desafiado.

Ícone de esboço Este artigo sobre banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.