Universidade da Região da Campanha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Universidade da Região da Campanha
URCAMP
Fundação 16 de Fevereiro, 1989
Tipo de instituição Comunitária
Localização Bagé, RS (Sede)

Campus:
Alegrete, RS
Caçapava do Sul, RS
Dom Pedrito, RS
Santana do Livramento, RS
São Borja, RS
São Gabriel, RS
Itaqui, RS

Página oficial http://www.urcamp.edu.br

A Universidade da Região da Campanha (URCAMP) é uma instituição multicampi e comunitária localizada na região Sudoeste do Rio Grande do Sul. Sua sede está localizada em Bagé[1][2][3][4][5]

História[editar | editar código-fonte]

Criada em 13 de janeiro de 1969 como Fundação Universidade de Bagé (FUnBa) por Attila Taborda, quando ocorreu a unificação dos cursos superiores das instituições: Faculdade Católica de Filosofia, Ciências e Letras, Faculdade de Ciências Econômicas, Faculdade de Belas Artes e da Faculdade de Direito.[6] Em 1972, foi criada a Faculdade de Educação Física e logo depois a Faculdade de Medicina Veterinária e Agronomia em 1976. Com o surgimento de mais cursos, a FUnBA tornou–se a Fundação Attila Taborda e em 16 de fevereiro de 1989, a instituição foi reconhecida como Universidade da Região da Campanha. Após a fundação da Urcamp foram criadas os campus de Dom Pedrito, Caçapava do Sul, São Gabriel, Santana do Livramento, São Borja, Alegrete e Itaqui.

Em agosto de 2018, recebeu nota máxima do Ministério da Educação (MEC) após uma visita de três dias de representantes do ministério. A visita fazia parte do processo de recredenciamento da instituição para que a mesma pudesse continuar a atuar em sua área.[7]

Campi[editar | editar código-fonte]

Os campus da Urcamp são os seguintes:

Ensino[editar | editar código-fonte]

A Urcamp oferece 20 cursos de graduação.[9]

Estrutura[editar | editar código-fonte]

A Urcamp faz parte da Fundação Atilla Taborda (FAT), que integra o Hospital Universitário[10] de Bagé, Casa da Menina, Museu da Gravura Brasileira[11] e Museu Dom Diogo de Souza.[12]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • FAGUNDES, Elizabeth. Inventário Cultural de Bagé. Porto Alegre. Ed: Praça da Matriz, 2012
  • MEDINA, Suzel. Urcamp Comunidade. Ed: Ediurcamp, 2002
  • TABORDA,Tarcísio. GARCIA, Élida Hernandes. Bagé de Ontem e de Hoje. Ed: Ediurcamp, 2015

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Vestibular de inverno da Urcamp reúne 700 candidatos em Bagé, RS». Portal G1. 15 de julho de 2012. Consultado em 18 de junho de 2016. 
  2. «Urcamp oferece mais de 200 bolsas integrais». Portal Universia. 9 de fevereiro de 2010. Consultado em 18 de junho de 2016. 
  3. «Proceso Seletivo Verão Urcamp 2015». Jornal Minuano. 4 de novembro de 2014. Consultado em 20 de junho de 2016. 
  4. «EducaEdu Brasil». EduEduBrasil. Consultado em 20 de junho de 2016. 
  5. «Faculdades > Rio Grande do Sul». 10 em Tudol. Consultado em 20 de junho de 2016. 
  6. «A Universidade e sua formação». Jornal Minuano. 24 de março de 2015. Consultado em 18 de junho de 2016. 
  7. «Urcamp recebe nota máxima na avaliação do MEC». Jornal Minuano 
  8. «Universidade da Região da Campanha realiza Feira das Profissões». Jornal Zero Hora. 24 de março de 2015. Consultado em 18 de junho de 2016. 
  9. «Direito da URCamp é recomendado pela OAB Nacional». Jornal A Plateia. 14 de novembro de 2014. Consultado em 18 de junho de 2016. 
  10. «Folha do Hospital Universitário é paga na integralidade». Jornal Folha do Sul Gaúcho. 16 de julho de 2015. Consultado em 18 de junho de 2016. 
  11. «Museu da Gravura Brasileira reinaugura com exposição de Sebastião Salgado». Jornal Folha do Sul. 6 de maio de 2014. Consultado em 18 de junho de 2016. 
  12. «Museus do Brasil» (PDF). Instituto Brasileiro de Museus. 6 de maio de 2011. Consultado em 18 de junho de 2016.