Ana Paula Araújo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ana Paula Araújo
Line-style-icons-newspaper.svg
Nome completo Ana Paula Araújo
Nascimento 15 de abril de 1972 (49 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Ocupação jornalista e apresentadora de televisão
Alma mater UFJF/UFF
Nacionalidade brasileira
Atividade década de 1990 - presente
Trabalhos notáveis Bom Dia Rio, RJTV, Bom Dia Brasil, Jornal Nacional, Jornal Hoje e Fantástico (Rede Globo)

Ana Paula Araújo (Rio de Janeiro, 15 de abril de 1972) é uma jornalista e apresentadora de televisão brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascida no Rio de Janeiro, Ana Paula mudou-se ainda pequena com a família para Juiz de Fora, em Minas Gerais, onde cresceu. Começou a estudar piano aos oito anos e aos quatorze passou a dar aulas de piano para ajudar nas despesas de casa e para pagar a escola da irmã caçula, Márcia.[1]

Estudou no Instituto Metodista Granbery e aos dezesseis anos entrou na Faculdade de Comunicação da Universidade Federal de Juiz de Fora. Depois, ela conseguiu um estágio como assistente de produção e locutora de comerciais em uma rádio local. Mais tarde, na mesma emissora, passou a fazer um programa musical – sem os pais saberem, pois era transmitido tarde da noite, nos fins de semana. Ainda nessa época, ela começou a fazer reportagens de rua, cobrir eleições e fazer transmissões ao vivo, de improviso. Aos dezoito anos, Ana Paula conseguiu um estágio na Rádio Globo, no Rio de Janeiro, e pediu transferência para a Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói, onde se formou em Jornalismo.[2]

Percurso[editar | editar código-fonte]

Iniciou a sua graduação no curso de Comunicação Social, aos 16 anos conseguiu um estágio na Rádio Globo e CBN, e então mudou para o Rio, sua cidade natal, onde formou-se. Teve 3 anos de experiência na RecordTV antes de apresentar o programa Rio em Manchete, [carece de fontes?] na extinta TV Manchete RJ, entre 1994 e 1996, onde também apresentou o Jornal da Manchete, de abrangência nacional, e um telejornal local. Quando mudou-se para a Rede Globo, em setembro de 1999, apresentou o primeiro telejornal como titular, o Bom Dia Rio. Pouco depois, em janeiro de 2000, estreou no RJ TV fazendo dupla com Márcio Gomes, os dois trabalharam juntos até 2006, quando Ana Paula ausentou-se para dar à luz sua primeira filha. Voltou ao trabalho, após a licença-maternidade como repórter. Nessa época começou a apresentar eventualmente o Bom Dia Brasil, nas folgas e férias da então apresentadora Renata Vasconcellos.

De 2009 a 2013, voltou a apresentar o RJTV, em um novo formato do telejornal regional, obtendo sucesso na função e sendo chamada para fazer grandes coberturas, como a da ocupação do Complexo do Alemão, cobertura que rendeu à Rede Globo o Emmy Internacional.[3] Foi casada com Christiano Londres com quem teve sua única filha Melissa Londres em 6 de janeiro 2006.

Ana Paula passou a cobrir, nos fins de semana, as folgas e até as férias dos apresentadores do Jornal Nacional e também passou a cobrir as férias de Renata Ceribelli no Fantástico. Manteve-se também como apresentadora do RJTV, apresentadora eventual no Bom Dia Brasil[4] e repórter especial no Jornal Nacional.

Em 2013, assumiu a bancada do Bom Dia Brasil, ao lado de Chico Pinheiro,[5][6] sendo sucessora de Renata Vasconcellos que foi para o Fantástico. No RJTV 1º Edição foi substituída por Mariana Gross.[7]

Destacou-se em novembro de 2010, com a sua cobertura da ocupação policial a Vila Cruzeiro e o Complexo do Alemão, quando ficou cerca de dez horas seguidas no ar transmitindo ao vivo os acontecimentos. Um ano depois, em setembro de 2011, esse trabalho deu à equipe da Globo o prêmio Emmy Internacional, o Oscar da televisão mundial.[3][8]

Em 2016, Ana Paula foi indicada ao prêmio Melhores do Ano do programa Domingão do Faustão junto com Sandra Annenberg do Jornal Hoje e William Bonner do Jornal Nacional. Sandra foi a mais votada e levou o prêmio naquele ano.

Em 2020, Ana Paula Araújo lançou seu livro "Abuso – A Cultura do Estupro no Brasil", fruto de uma pesquisa de quatro anos na qual a jornalista percorreu o país em busca de relatos, motivado pelo aumento das denúncias de casos de abuso. No livro ela compartilha o depoimento de mais de 100 vítimas, além de familiares, criminosos, psiquiatras e diversos especialistas no tema.[9][10]

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Abuso: A cultura do estupro no Brasil, 2020, Rio de Janeiro: Globo Livros.[11]

Referências

  1. «Ana Paula Araújo: "Valorizo muito poder pagar as contas em dia"». Revista Quem. 6 de agosto de 2017. Consultado em 22 de janeiro de 2021 
  2. «Perfil completo – Ana Paula Araújo – Memória». Consultado em 22 de janeiro de 2021 
  3. a b «Cópia arquivada». Consultado em 23 de janeiro de 2013. Arquivado do original em 3 de abril de 2013 
  4. «Cópia arquivada». Consultado em 18 de março de 2013. Arquivado do original em 2 de outubro de 2013 
  5. «Zeca Camargo vai comandar video show» 
  6. G1 (30 de setembro de 2013). «Renata Vasconcellos dá boas-vindas a Ana Paula Araújo no Bom Dia Brasil». 9h47. Consultado em 30 de setembro de 2013 
  7. G1 (30 de setembro de 2013). «Ana Paula Araújo dá boas-vindas à Mariana Gross no RJTV 1ª edição». 12h56. Consultado em 30 de setembro de 2013 
  8. «Ana Paula Araújo faz 20 anos de Globo: "Uma cabra já tentou me atacar ao vivo"». epoca.globo.com. Consultado em 22 de janeiro de 2021 
  9. «Jornalista Ana Paula Araújo lança livro sobre cultura do estupro no Brasil». Metrópoles. 5 de novembro de 2020. Consultado em 22 de janeiro de 2021 
  10. Minas, Tribuna de (22 de dezembro de 2020). «"Precisamos falar sobre abuso", afirma a jornalista Ana Paula Araújo». Tribuna de Minas. Consultado em 22 de janeiro de 2021 
  11. Araújo, Ana Paula,. Abuso : a cultura do estupro no Brasil 1a edição ed. Rio de Janeiro - RJ: [s.n.] OCLC 1224862192 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Sérgio Aguiar
Apresentação do Rio em Manchete
1996-1998
Sucedido por
Clóvis Monteiro
Precedido por
Márcio Gomes
Apresentação do Bom Dia Rio
1999 - 2000
Sucedido por
Helter Duarte
Precedido por
Renata Capucci
Apresentação do RJTV
2000 - 2006
Sucedido por
Renata Capucci
Precedido por
Renata Capucci
Apresentação do RJTV
2009 - 2013
Sucedido por
Mariana Gross
Precedido por
Renata Vasconcellos
Apresentação do Bom Dia Brasil
2013 - atualmente
Sucedido por