Saltar para o conteúdo

Ilha de Villegagnon: diferenças entre revisões

57 bytes adicionados ,  28 de junho de 2018
m
Bot: Substituição automática de afluentes - solicitado em Usuária:Aleth Bot/Substituição de afluentes
(→‎História: reforço paulista)
m (Bot: Substituição automática de afluentes - solicitado em Usuária:Aleth Bot/Substituição de afluentes)
[[Imagem:Serigipe 1560 Forte Coligny.jpg|right|thumb|Batalha dos portugueses contra os franceses na baía de Guanabara (1560) (autor desconhecido, 1567).]]
 
A '''Ilha de Villegagnon''' localiza-se no interior da [[baía de Guanabara]], na cidade e estado do [[Rio de Janeiro (estado)|Rio de Janeiro]], no [[Brasil]].
 
== História ==
A ilha voltou a ser fortificada pelos portugueses em [[1733]], quando o Governador [[Gomes Freire de Andrade]] fez demolir o monte das Palmeiras, principiando a construção da [[Fortaleza de São Francisco Xavier da Ilha de Villegagnon]].
 
Em março de [[1822]], uma expedição portuguesa chegou ao [[Rio de Janeiro (estado)|Rio de Janeiro]], com o intuito de forçar [[Pedro I do Brasil|D. Pedro I]] a cumprir os decretos das [[Cortes Gerais e Extraordinárias da Nação Portuguesa|Cortes de Lisboa]], e retornar a [[Portugal]]. Assim que o [[Pedro I do Brasil|Príncipe Regente]] ([[1821]]-[[1822]]) foi informado da chegada da expedição, intimou o chefe da esquadra a ordem de fundear os navios e de vir a terra conversar. Declarou-lhe que só permitira a entrada dos navios se tomasse o compromisso de ficar sob as ordens do governo provisório brasileiro, e que depois que os navios estivessem providos de mantimentos, que voltassem o quanto antes para [[Lisboa]]. As embarcações, para o cumprimento das ordens, fundearam, durante a estadia, nas vizinhanças da '''Ilha de Villegagnon''' e depois retornaram à capital portuguesa.<ref>{{citar livro|titulo=História do Brasil|ultimo=Pombo|primeiro=Rocha|editora=W.M. Jackson inc|ano=1905|local=São Paulo|paginas=71, 72; Volume IV|acessodata=}}</ref>
 
Após a [[Independência do Brasil]], a ilha foi transferida para a [[Marinha do Brasil|Marinha]] e, a partir de [[3 de dezembro]] de [[1843]] passou a sediar o [[Corpo de Imperiais Marinheiros]].
* [[Confissão da Guanabara]]
* [[Regiões administrativas do Rio de Janeiro]]
* [[Rio de Janeiro (estado)|Estado do Rio de Janeiro]]
* [[Rio de Janeiro (cidade)]]
 
1 063 811

edições