Eternals (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Eternals
Eternals (Eternos) (PRT)
Eternos (BRA)
Pôster oficial.
 Estados Unidos
2021 •  cor •  157 min 
Direção Chloé Zhao
Produção Kevin Feige
Roteiro Chloé Zhao[a]
Patrick Burleigh
Ryan Firpo
Matthew K. Firpo
História Ryan Firpo
Matthew K. Firpo
Baseado em Eternos
de Jack Kirby
Elenco Gemma Chan
Richard Madden
Kumail Nanjiani
Lia McHugh
Brian Tyree Henry
Lauren Ridloff
Barry Keoghan
Don Lee
Harish Patel
Kit Harington
Salma Hayek
Angelina Jolie
Gênero ação
aventura
super-herói
ficção científica
Música Ramin Djawadi
Cinematografia Ben Davis
Edição Dylan Tichenor
Craig Wood
Companhia(s) produtora(s) Marvel Studios
Distribuição Walt Disney Studios Motion Pictures
Lançamento Estados Unidos 18 de outubro de 2021 (Dolby Theatre)

Brasil Portugal 04 de novembro de 2021
Estados Unidos 05 de novembro de 2021

Idioma inglês
Orçamento $200 milhões[3]
Receita $401,4 milhões[4][5]

Eternals (bra: Eternos; prt: Eternals (Eternos))[6][7] é um filme estadunidense de super-herói baseado na equipe de mesmo nome da editora Marvel Comics. Produzido pelo Marvel Studios e distribuído pela Walt Disney Studios Motion Pictures, é o vigésimo sexto filme do Universo Cinematográfico Marvel (UCM). O filme é dirigido por Chloé Zhao, que escreveu o roteiro com Patrick Burleigh, Ryan Firpo e Matthew K. Firpo. É estrelado por um ensemble cast que inclui Gemma Chan, Richard Madden, Kumail Nanjiani, Lia McHugh, Brian Tyree Henry, Lauren Ridloff, Barry Keoghan, Don Lee, Harish Patel, Kit Harington, Salma Hayek e Angelina Jolie. No filme, os Eternos, uma raça alienígena imortal, emergem do anonimato depois de milhares de anos para proteger a Terra de suas contrapartes do mal, os Deviantes.

Em abril de 2018, o presidente da Marvel Studios, Kevin Feige, anunciou que um filme baseado nos Eternos havia começado a ser desenvolvido, com Ryan e Matthew K. Firpo contratados para escreverem o roteiro em maio. Zhao foi confirmada para dirigir o filme no final de setembro e teve liberdade para usar seu próprio estilo nas filmagens, como filmar em mais locações do que os filmes anteriores do Marvel Studios. Zhao reescreveu o roteiro, o qual Burleigh também foi revelado ter contribuído. A fotografia principal ocorreu de julho de 2019 a fevereiro de 2020, no Pinewood Studios, bem como em locações como Londres e Oxford, na Inglaterra, e nas Ilhas Canárias.

Eternals estreou em Los Angeles em 18 de outubro de 2021 e foi lançado nos Estados Unidos em 5 de novembro, como parte da Fase Quatro do UCM. O filme arrecadou mais de 368 milhões de dólares em todo o mundo. Recebeu avaliações mistas, com elogios focados em seus temas e visuais, e críticas voltadas para sua exposição, ritmo, tempo de execução e falta de desenvolvimento dos personagens.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Em 5000 A.C., dez Eternos superpoderosos—Ajak, Sersi, Ikaris, Kingo, Duende, Phastos, Makkari, Druig, Gilgamesh e Thena—são enviados pelo Celestial Arishem para a Terra na nave "Domo", para exterminar os invasores Deviantes. Ao longo dos milênios, eles protegem a humanidade dos perigos representados por essas criaturas, mas não podem interferir no desenvolvimento da população mundial. Depois que os supostos últimos Deviantes são mortos em 1500, há uma ruptura dentro do grupo, já que as opiniões divergem sobre sua responsabilidade para com a população. Eles passam os próximos quinhentos anos separados um do outro, esperando que Arishem os envie de volta ao seu planeta natal.

Atualmente,[N 1] Sersi e Duende moram juntas em Londres. Após Sersi ser deixada por seu parceiro Ikaris, depois de quinhentos anos, ela agora tem um relacionamento com Dane Whitman, que trabalha no Museu de História Natural. Quando o trio é atacado pelo Deviant Kro uma noite, Ikaris aparece e espanta o monstro. Percebendo que os Deviantes voltaram, eles se preparam para reunir os Eternos restantes. Eles viajam para Dakota do Sul e descobrem que sua líder, Ajak, foi morta por um Deviante.

Sersi descobre que Ajak deu a ela a habilidade de se comunicar com Arishem, que revela que a missão dos Eternos não era lutar contra os Deviants, mas preparar a Terra para "O Despertar". Arishem explica que por milhões de anos, os Celestiais têm plantado suas sementes em planetas povoados para que um novo Celestial possa nascer. Os Celestiais enviaram os Deviantes para destruir os predadores do planeta para garantir o desenvolvimento da vida, mas os Deviantes evoluíram e caçaram as populações do planeta, resultando na chegada dos Eternos para abatê-los. Arishem explica que a Terra atingiu a população necessária para o nascimento do Celestial Tiamut, que resultará na destruição do planeta.

Tendo aprendido a amar a humanidade, os Eternos se reagrupam e decidem evitar o Despertar. Eles se reencontram com Kingo, Thena e Gilgamesh na Austrália antes de irem para a residência de Druig na floresta amazônica, onde são atacados por Kro e os Deviantes. Kro mata e se alimenta de Gilgamesh, ganhando uma forma totalmente humanóide e habilidade de falar, antes de fugir. Depois de cremar Gilgamesh, eles visitam Phastos, que propõe a Druig fazer Tiamut dormir usando seus poderes de controle da mente amplificados pela Uni-Mente, uma conexão entre todos os Eternos. Ikaris revela que foi informado sobre o Despertar por Ajak séculos antes, ele a traiu, matando-a quando Ajak decidiu impedir o Despertar seis dias antes, ele foge junto com Duende determinado a permitir que Tiamut nasça. Kingo também deixa o grupo, pois não acha certo impedir o nascimento de um Celestial, mas ele também não quer lutar contra sua família.

Depois que Makkari localiza o local do despertar no pé de um vulcão ativo no Oceano Índico, os Eternos batalham contra Ikaris e Duende. Kro, que quer vingança contra os Eternos, também entra no meio do conflito. Thena luta e o mata. Druig nocauteia Duende e eles trabalham juntos para subjugar Ikaris. Phastos ativa a Uni-Mente, à qual Ikaris se junta por causa de seu amor por Sersi. Druig não consegue parar Tiamut, então Sersi, que manipula matéria, transforma Tiamut em mármore. Atormentado por sentimentos de culpa, Ikaris voa em direção ao sol. Sersi explica a Phastos que até mesmo Tiamut juntou-se durante a Uni-Mente, ela ainda tem um pouco de poder da Uni-Mente e com a permissão de Duende a transforma em humana.

A equipe se separa, com Thena, Druig e Makkari voando para o espaço em sua nave Domo para encontrar outros Eternos e contar toda a verdade sobre o plano de Arishem. Sersi, Phastos, Kingo e Duende ficam na Terra. Enquanto Dane confessa seu amor por Sersi e está prestes a revelar um segredo sobre sua complicada história familiar, ela, junto com Phastos e Kingo, são abduzidos para o espaço por Arishem, que está descontente por terem escolhido sacrificar um Celestial pelas pessoas do planeta, mas opta por poupá-los se suas memórias mostrarem que eles são dignos de viver. Ele jura voltar para julgamento.

Em uma cena no meio dos créditos, Thena, Makkari e Druig são visitados pelo Eterno Eros / Starfox, irmão de Thanos, e seu assistente Pip, que oferecem ajuda. Em uma cena pós-créditos, Whitman abre um baú antigo herdado de seus ancestrais que contém a lendária Espada de Ébano, enquanto uma voz fora da tela[N 2] pergunta se ele está pronto para isso.

Elenco[editar | editar código-fonte]

O elenco de Eternals na San Diego Comic-Con 2019 (da esquerda para a direita): Madden, Nanjiani, Ridloff, Henry, Hayek, McHugh, Lee e Jolie.
  • Gemma Chan como Sersi:
    Uma Eterna empática com uma forte conexão com os humanos e com a Terra, que pode manipular matéria inanimada. Sersi é apaixonada por Ikaris há séculos e tem uma forte ligação com Sprite. Ela é uma curadora de um museu na Terra, enquanto namorava Dane Whitman.[9][10] Feige descreveu Sersi como o protagonista do filme.[11] A diretora Chloé Zhao disse que ela e Chan estavam interessadas em criar "uma super-heroína feminina cheia de nuances que raramente é vista neste gênero". Zhao acrescentou que Chan "trouxe um belo senso de gentileza, compaixão e vulnerabilidade" a personagem que "convidaria os espectadores a repensar o que significa ser heróico".[9] Chan chamou Sersi de "pés no chão ... [e] com um pouco de espírito livre".[12] Chan anteriormente interpretou Minn-Erva no filme Captain Marvel (2019).[13]
  • Richard Madden como Ikaris:
    Um dos Eternos mais poderosos que pode voar e projetar raios de energia cósmica de seus olhos.[12] Falando sobre a relação entre Ikaris e Sersi, Madden disse que eles têm "um profundo nível de romance",[12] e "são dois lados opostos de como eles se conectam com o mundo", já que Sersi tem compaixão pelos humanos, enquanto Ikaris é mais desconectado devido à longa vida útil dos Eternos.[10] Madden trabalhou para encontrar uma maneira de retratar Ikaris de uma forma que ele não parecesse "entediado de tudo".[12] A visão de Zhao sobre Ikaris foi influenciada pela interpretação do Superman do diretor Zack Snyder em Man of Steel (2013), que "deixou uma forte impressão" nela por sua abordagem "autêntica e muito real".[14]
  • Kumail Nanjiani como Kingo:
    Um Eterno que pode lançar projéteis de energia cósmica de suas mãos. Apaixonado pela fama, Kingo se torna uma popular estrela do cinema de Bollywood para se misturar na Terra.[10][15] Nanjiani queria que sua atuação combinasse a atitude sagaz de John McClane, da série de filmes Die Hard, com o visual do ator de Bollywood, Hrithik Roshan,[16] e estudou os filmes de Errol Flynn e alguns dos filmes originais do Zorro. Nanjiani, que não é dançarino, achou difícil aprender as danças de Bollywood.[12]
  • Lia McHugh como Duende: Uma Eterna que pode projetar ilusões vivas. Sprite parece ser uma criança de 12 anos, com McHugh chamando-a de "alma velha".[10]
  • Brian Tyree Henry como Phastos:
    Um Eterno e um inteligente inventor de armas e tecnologia.[12] Ele é o primeiro super-herói a ser retratado como gay em um filme do UCM.[17]
  • Lauren Ridloff como Makkari:
    Uma Eterna que tem supervelocidade e é a primeira super-heroína surda no UCM. Depois de começar a correr mais, em antecipação ao papel, ela mudou para a musculação para ter "a simetria de quem parece um velocista".[12]
  • Barry Keoghan como Druig: Um Eterno indiferente que pode manipular as mentes dos outros.[12]
  • Don Lee como Gilgamesh:
    O Eterno mais forte, com uma profunda conexão com Thena.[12] Lee correu atrás o papel a fim de ser uma inspiração para a geração mais jovem como o primeiro super-herói coreano e foi capaz de utilizar seu treinamento de boxe para o papel.[10]
  • Harish Patel como Karun: O mordomo de Kingo.[18][19]
  • Kit Harington como Dane Whitman: Um humano que trabalha no Museu de História Natural em Londres e está namorando Sersi.[10][20]
  • Salma Hayek como Ajak:
    A líder sábia e espiritual dos Eternos, que tem a habilidade de curar e é a "ponte" entre os Eternos e os Celestiais. Mudar o personagem de um homem dos quadrinhos permitiu que Hayek se inclinasse para a feminilidade de Ajak e a tornasse a "figura materna" dos Eternos.[12] Hayek inicialmente hesitou em trabalhar com a Marvel, presumindo que ela teria um papel coadjuvante ou "uma espécie de avó".[10]
  • Angelina Jolie como Thena:
    Uma Eterna guerreira de elite que pode formar qualquer arma com energia cósmica e desenvolve um vínculo com Gilgamesh ao longo dos séculos.[10][12] Jolie treinou com várias espadas, lanças e cajados para o papel, além de fazer balé.[10]

Além disso, Bill Skarsgård dá a voz ao Deviante Kro,[21] enquanto David Kaye dá a voz a Arishem, o Juiz.[22] Haaz Sleiman e Esai Daniel Cross interpretam Ben e Jack, marido e filho de Phastos, respectivamente;[23] e Zain Al Rafeea interpreta um aldeão que encontra os Eternos ao chegarem à Terra.[24] Harry Styles aparece na cena no meio dos créditos como Eros / Starfox, o irmão de Thanos, enquanto Patton Oswalt dá a voz ao seu assistente, Pip, o Troll.[25] Mahershala Ali tem um papel de voz não-creditado como Eric Brooks / Blade na cena pós-créditos, antes de estrelar seu próprio filme.[8]

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

A diretora Chloé Zhao promovendo Eternals na San Diego Comic-Con 2019.

Em abril de 2018, o presidente da Marvel Studios, Kevin Feige, afirmou que o estúdio estava desenvolvendo ativamente um filme baseado na série dos quadrinhos da Marvel, Eternos, criado por Jack Kirby, para ser lançado em sua Fase Quatro. A Marvel se reuniu com vários roteiristas e acreditava-se que o filme seria focado na personagem Sersi.[26] A Marvel confirmou Ryan e Matthew Firpo para escrever o roteiro um mês depois,[27] com um esboço incluindo uma história de amor entre os personagens Sersi e Ikaris.[28] Em junho, Feige disse que a Marvel estava interessada em explorar o "tropo de ficção científica com alienígenas antigos" com os Eternos sendo a inspiração para mitos e lendas ao longo da história do Universo Cinematográfico Marvel.[29]

Durante o final de agosto, a busca do diretor para "Eternos" se estreitou em uma lista que incluía Chloé Zhao (que também estava concorrendo para dirigir o filme da Viúva Negra), Nicole Kassell, Travis Knight e a dupla Cristina Galego e Ciro Guerra.[28] Zhao abordou a Marvel Studios sobre fazer o filme, já que ela era uma fã do UCM. Ela queria trabalhar com o estúdio para trazer sua própria visão e construção de mundo para a franquia,[30] e os impressionou com uma apresentação que incluiu "resmas de efeitos visuais" para transmitir seu discurso, que Feige descreveu como fascinante.[31] Zhao trabalhou com o produtor executivo Nate Moore para desenvolver seu argumento.[32] A apresentação deixou a Marvel preocupada que ela pudesse assumir um projeto diferente de um outro grande estúdio, forçando-os a agir rapidamente para assegurá-la[28] e Zhao foi contratada como diretora em setembro.[28][33] Zhao esperava expandir o alcance do filme além de Avengers: Endgame (2019),[34] mas também queria que ele tivesse intimidade.[35] Zhao descreveu o filme como um caldeirão de influências, do trabalho original de Kirby, projetos anteriores do UCM, o fandom de Zhao do UCM e seu amor por ficção científica e filmes de fantasia e mangá.[32] Falando especificamente sobre seu amor pelo mangá, ela esperava que essas influências criassem um "casamento entre o Oriente e o Ocidente".[34] Zhao citou a série de TV Ancient Aliens, a série de jogos Final Fantasy, os conceitos do livro Sapiens: A Brief History of Humankind de Yuval Noah Harari e os filmes de Terrence Malick como suas inspirações para o filme.[36]

A Marvel considerou os Eternos como uma "transição perfeita" para sua próxima fase de filmes, juntamente com projetos como Captain Marvel (2019),[33] permitindo que o estúdio apresentasse um grupo diversificado de atores para retratar os vários "Eternos".[28] Os documentos iniciais de planejamento de Moore para o projeto, incluindo a troca de gêneros, sexualidades e etnias de alguns personagens dos quadrinhos, com Zhao defendendo ainda mais essa abordagem.[11] Em fevereiro de 2019, Feige reiterou que a Marvel estava interessada nos Eternos devido à história épica e centenária de Kirby,[37] com a versão do filme abrangendo 7.000 anos e explorando o lugar da humanidade no cosmos.[32] Zhao observou que os Eternos "viveram entre nós por tanto tempo, [eles têm] as mesmas lutas como identidade, propósito, fé, liberdade pessoal versus um bem maior — toda a dualidade e falhas que nos tornam humanos". Ao tentar desenvolver uma história que se estendeu por tantos anos, a Marvel percebeu que os personagens provavelmente seriam uma unidade familiar, com amizade que iria "se transformar em aminimigo, e depois em inimigos, e então voltar a ser amigos". Zhao também olhou para a Terra como o décimo primeiro personagem do filme, narrando sua jornada ao lado dos personagens Eternos.[10] A Marvel também queria criar mais filmes "ensemble" que não fossem filmes de crossover, como Guardians of the Galaxy (2014), ao mesmo tempo em que apresentava personagens relativamente desconhecidos ao público, como fizeram com os personagens-título do filme e com os Vingadores.[38]

Pré-produção[editar | editar código-fonte]

Eu queria que refletisse o mundo em que vivemos. Mas também queria montar um elenco que parecesse um grupo de desajustados. Eu não queria os atletas. Quero que você saia no final do filme sem pensar: 'Essa pessoa é dessa etnia, essa pessoa é dessa nacionalidade.' Não. Quero que você saia pensando: 'Isso é uma família.' Você não pensa sobre o que eles representam.

—Zhao sobre a diversidade do elenco[39]

Angelina Jolie se juntou ao elenco em março de 2019, supostamente como Sersi,[40][41] com Kumail Nanjiani e Don Lee em papéis não revelados no mês seguinte.[41][42] Naquela época, esperava-se que o filme apresentasse o primeiro super-herói gay da Marvel Studios.[43] Em maio, Richard Madden iniciou as negociações para o papel de Ikaris,[44] e no mês seguinte, Salma Hayek havia entrado em negociações precoces para um papel não revelado.[45] Em julho, a Variety informou que o elenco incluía Jolie, Madden e Millie Bobby Brown,[46] mas Brown negou que ela tivesse sido escalada.[47]

Na San Diego Comic-Con 2019, Feige anunciou oficialmente o filme com uma data de lançamento para 6 de novembro de 2020. Ele confirmou o elenco com Jolie, Nanjiani, Lee, Madden e Hayek, revelando seus papéis como Thena, Kingo, Gilgamesh, Ikaris e Ajak respectivamente. Também anunciaram Lauren Ridloff como Makkari, Brian Tyree Henry como Phastos e Lia McHugh como Sprite.[48] Zhao procurou por atores para cada papel que pudessem "encontrar um pouco de si mesmos em seus personagens".[10] Feige acrescentou que um desses atores estava interpretando um personagem LGBTQ+,[49] com o ator Haaz Sleiman mais tarde revelando que Phastos é retratado como gay no filme. Sleiman interpreta o marido do personagem, e os dois têm um filho. Sleiman sentiu que era importante retratar "como uma família queer pode ser amorosa e bonita" ao invés da descrição "sexual ou rebelde" em alguns meios de comunicação.[17][50] Feige disse que o relacionamento foi "sempre meio inerente à história" e ele sentiu que foi "extremamente bem feito" no filme,[31] enquanto Sleiman disse que era uma representação "atenciosa".[51]

Eternos é ambientado após os eventos de Vingadores: Ultimato e aborda porque os Eternos não interferiram em nenhum conflito anterior no UCM. Tanto Feige quanto Moore disseram que o filme teria "grandes efeitos em cascata" no futuro do UCM e, às vezes, era "um desafio" equilibrar a natureza fundamentada do UCM com a "grandeza mítica" da propriedade dos Eternos.[10]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

No anúncio oficial do filme, em julho de 2019, a fotografia principal havia começado no Pinewood Studios, em Buckinghamshire, Inglaterra.[52][53] Ben Davis atuou como diretor de fotografia, depois de fazê-lo em outros filmes do UCM.[11][54] Zhao disse que o Marvel Studios permitiu que ela tivesse liberdade criativa para filmar no local, "exatamente do jeito que ela queria". Ela foi capaz de usar um estilo semelhante aos seus filmes anteriores, incluindo tomadas em 360 ° e trabalhando com a mesma câmera e equipamentos usados ​​em seu filme Nomadland (2020),[31] que Zhao escolheu filmar juntamente com The Eternals.[32] Zhao sentiu que "teve sorte porque a Marvel quer correr riscos e fazer algo diferente".[31] Zhao citou The Revenant (2015) como uma influência primária ao compor as sequências de ação do filme.[55]

Gemma Chan e Barry Keoghan estavam em negociações para se juntar ao elenco em agosto de 2019.[13][56] Chan anteriormente interpretou Minn-Erva em Captain Marvel, mas relatos notaram que ela estava sendo potencialmente observada pela Marvel para interpretar uma personagem diferente no filme.[13] Desde que Minn-Erva morreu, Chan sentiu que era improvável que ela retornasse ao UCM, mas depois de trabalhar no filme, Feige disse a ela que o estúdio queria "fazer melhor uso" dela em um projeto futuro. Isso levou Chan a fazer um teste para Sersi, uma das últimas atrizes a ser considerada para o papel. Mais tarde, Chan descreveu Sersi como o papel mais difícil para escalar.[57] Chan e Keoghan foram confirmados como Sersi e Druig, respectivamente, na D23 Expo ainda em agosto, juntamente com Kit Harington como Dane Whitman.[58] Chan disse que ela e os estúdios da Marvel ficaram surpresos ao ver como logo após Captain Marvel seu novo papel surgiu, com ambos presumindo que seria um projeto mais distante no futuro.[57] Harish Patel foi escalado no final de agosto como Karun,[18] agente de Kingo,[18][19] e filmou sua parte de setembro de 2019 até janeiro de 2020.[18]

No início de novembro, as filmagens ocorreram nas Ilhas Canárias. Toda a equipe, incluindo Jolie e Madden, teve que ser evacuada de um local na ilha de Fuerteventura, devido a um dispositivo explosivo encontrado lá, considerado um armamento remanescente de uma base nazista.[59] Mais tarde naquele mês, Zain Al Rafeea se juntou ao elenco.[60][61] No início de janeiro de 2020, as filmagens ocorreram fora do Museu de História Natural da Universidade de Oxford, em Oxford, Inglaterra,[62] e também em Hampstead Heath, em Londres,[63] sob o título provisório "Sack Lunch".[64][65] Gemma Chan disse que o processo de filmagem foi muito diferente do que ela experimentou em Captain Marvel, explicando que Eternals foi filmado mais em locações e utilizaram luz natural, enquanto Captain Marvel foi feito um trabalho em estúdio com tela azul.[66] As filmagens foram encerradas em 04 de fevereiro de 2020.[67][68]

Pós-produção[editar | editar código-fonte]

Em março de 2020, a Scanline VFX, uma das empresas que trabalha nos efeitos visuais do filme, confirmou que estaria trabalhando remotamente devido à pandemia de coronavírus 2019-2020.[69] No início de abril, a Disney transferiu grande parte de seus filmes da Fase Quatro devido à pandemia de coronavírus, movendo a data de lançamento dos Eternos para 12 de fevereiro de 2021.[70] Em agosto, o título do filme foi encurtado para Eternals[71] e, no mês seguinte, a data de lançamento foi adiada para 5 de novembro de 2021.[72] As refilmagens ocorreram em meados de novembro de 2020.[73]

Em janeiro de 2021, Zhao revelou que também era roteirista do filme,[35] com a revelação de que Patrick Burleigh também trabalhou no roteiro.[74] Filmagens adicionais ocorreram em Los Angeles no início de fevereiro, também sob o título provisório "Sack Lunch".[75] Dylan Tichenor e Craig Wood atuam como co-editores do filme.[76][77] Tichenor disse que Zhao geralmente edita seus próprios filmes e tem "opiniões fortes", mas em Eternos ela confiava em Tichenor e Wood devido ao tamanho da produção e à contínua temporada de premiações para Nomadland. Tichenor acrescentou que Zhao respeitava a experiência de edição e o ponto de vista da dupla, e eles fizeram o primeiro corte do filme sem muita ajuda dela. Eles começaram a ajustar o filme com base no feedback de Zhao e ainda estavam trabalhando na edição em abril de 2021.[77] No final do mês, Zhao disse que a edição do filme estava em sua "reta final"[32] e Jashaun St. John foi revelado para aparecer no filme, depois de estrelar anteriormente no filme de Zhao, Songs My Brothers Taught Me (2015).[78]

Harish Patel foi revelado para aparecer no filme no início de maio.[79] No final do mês, com o lançamento do primeiro teaser trailer e pôster, os créditos de roteirista do filme foram revelados, com Zhao creditada como roteirista, tanto como colaboradora solo quanto como parte de uma equipe de roteiristas com Patrick Burleigh, enquanto Ryan e Matthew K. Firpo receberam crédito pela história.[1][80] Além disso, foi revelado que Gil Birmingham fazia parte do elenco do filme.[81] Em julho de 2021, o Writers Guild of America West apresentou os créditos finais do roteiro do filme, concedendo a Ryan e Matthew K. Firpo os créditos de roteiro junto com Zhao e a equipe de Zhao e Burleigh, além de seus créditos pela história.[2] Moore acreditava que o estúdio "mordeu o máximo que pudemos" com o filme, criando um que "parecia urgente e presente e tinha um ritmo [rápido], mas também demorou para refletir sobre os séculos".[10]

Na estreia mundial do filme, Matt Donnelly, da Variety, twittou que Harry Styles fez uma aparição em uma cena pós-créditos como Eros, irmão de Thanos nos quadrinhos, que não foi mostrado nas primeiras exibições do filme para a imprensa.[82] Zhao revelou mais tarde que ela "manteve os olhos [em Styles]" desde sua aparição no filme Dunkirk (2017), acreditando que ele "me faz pensar em Eros como um personagem".[83]

Trilha Sonora[editar | editar código-fonte]

Ramin Djawadi compôs a trilha do filme, depois de compor para Iron Man (2008).[84] Duas canções da trilha sonora do filme, "Across the Oceans of Time" e "Eternals Theme", foram lançadas como singles em 22 de outubro de 2021, enquanto o álbum completo foi lançado em 3 de novembro.[85] A faixa final é interpretada por Celina Sharma.[86]

Eternals (Original Motion Picture Soundtrack)[86]
N.º Título Duração
1. "Eternals Theme"   3:47
2. "It is Time"   2:17
3. "Mission"   4:30
4. "Somewhere in Time"   1:39
5. "The Domo"   1:57
6. "Joie De Vivre"   2:13
7. "Celestials"   6:46
8. "Life"   5:22
9. "Not Worth Saving"   2:49
10. "Remember"   5:32
11. "Across the Oceans of Time"   3:50
12. "This Is Your Fight Now"   2:46
13. "Audience with Arishem"   5:33
14. "Isn't It Beautiful"   2:38
15. "I Have Been Waiting for This"   3:23
16. "Emergence Sea"   2:22
17. "Eternal Loss"   3:24
18. "A Wish"   2:41
19. "Earth is Just One Planet"   1:39
20. "Nach Mera Hero"   3:09
Duração total:
68:17

Marketing[editar | editar código-fonte]

As primeiras cenas do filme foram lançadas em maio de 2021 como parte de um vídeo promocional do Marvel Studios comemorando seus filmes e seu retorno aos cinemas.[87][88] Embora a filmagem tenha sido limitada e "vaga", Hoai-Tran Bui do /Film ainda achou que era "muito emocionante".[89] Chaim Gartenberg, do The Verge, sentiu que um dos maiores momentos das cenas foi ver Angelina Jolie empunhando uma espada feita de luz. Ele também ficou animado com o fato de Eternals parecer um dos primeiros filmes da Marvel a "cumprir [sua] promessa de anos de criar filmes com elencos mais diversos".[87] Michael Arbeiter, do Nerdist, disse que embora as cenas tenham sido rápidas, "emanam um ar de admiração".[88]

O primeiro teaser do filme foi lançado em 24 de maio de 2021. Gartenberg notou como o teaser era leve nos elementos do enredo, ao invés de focar no "escopo da equipe de super-heróis e seus membros ao longo da história humana". Ele também acreditava que o filme era "uma grande mudança" do Marvel Studios para atrair o público com uma propriedade dos quadrinhos menos conhecida, mas acreditava que teria sucesso devido ao seu elenco diversificado de atores conhecidos e ao status de Zhao como "uma das mais emocionantes diretoras por aí".[90] Charlies Pulliam-Moore, do io9, sentiu que o trailer era uma "recapitulação de múltiplos milênios da história da Terra", e disse que não estava claro quanto o a história principal do UCM impactaria no filme fora de uma breve referência aos Vingadores no final do trailer.[91] Escrevendo para a Entertainment Weekly, Nick Romano sentiu que o teaser era uma combinação de "momentos emocionantes e indutores de arrepios" e algumas piadas.[92] Erik Adams, do The A.V. Club, sentiu que o local provocou alguns ângulos novos para o UCM de uma forma semelhante a Thor: Ragnarok (2017) e Guardians of the Galaxy (2014), e ele gostou das imagens da dança Bollywood de Kingo, Sprite se apresentando no karaokê e a cena final dos Eternos comendo juntos e brincando sobre os Vingadores.[93] Depois de ver o teaser, Adam B. Vary, da Variety, descreveu o filme como "inquestionavelmente um filme de Chloé Zhao", mas desejou que mais cenas de ação fossem apresentadas no teaser para ver como Zhao as abordaria no filme.[1] Adele Ankers, do IGN, analisou o pôster que foi lançado ao mesmo tempo que o trailer, destacando como os Eternos aparecem em silhueta contra um fundo iluminado pelo sol que ela descreveu como "mais uma amostra do estilo de filmagem característico de Chloé Zhao e o uso de luz natural para iluminar um quadro" que será visto no filme.[94] Após o lançamento, o teaser rapidamente se tornou o vídeo número um nos trendings do YouTube e acumulou 77 milhões de visualizações mundiais nas primeiras 24 horas.[95] O presidente de marketing da Disney, Asad Ayaz, disse que o teaser foi projetado para ser apenas uma introdução ao tom e aos personagens, e não revelar muito do filme, acrescentando que a equipe de marketing seria "muito criteriosa" quando mais material fosse revelado, ao mesmo tempo usando os lançamentos de Viúva Negra e Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings antes de Eternals para ajudar a expor o público aos personagens.[96]

O trailer final foi lançado em agosto de 2021, com Ethan Shanfeld e Manori Ravindran, da Variety, sentindo que era "mais sério no tom" do que o teaser com os Eternos "lutando com a perspectiva de emergir após séculos vivendo separados para ajudar os humanos".[97] Devan Coggan, da Entertainment Weekly, sentiu que o trailer era o "melhor vislumbre até agora" do filme e deu uma "noção da vasta escala e alcance do filme", ​​enquanto respondia a "uma pergunta importante" sobre a ausência dos Eternos durante o conflito contra Thanos em Avengers: Infinity War e Avengers: Endgame.[98] Aaron Couch, do The Hollywood Reporter, disse que o trailer "revela muito da trama [do filme], bem como os poderes de seus personagens, provocando as respostas às principais questões sobre a quem os Eternos respondem, sua relação com a Terra e por que eles não interviram" no conflito contra Thanos.[99]

Em outubro de 2021, a Lexus lançou um comercial promovendo o filme, e seu sedã esportivo Lexus IS 500, estrelado por Nanjiani como Kingo, com os diretores do UCM, Joe e Anthony Russo, orientando o desenvolvimento e a Framestore trabalhando nos efeitos visuais.[100] A Lexus criou dez carros conceituais baseados nos dez personagens de Eternals.[101] O IS 500 e o Lexus NX serão apresentados no filme.[100]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Eternals estreou mundialmente no Dolby Theatre em Los Angeles em 18 de outubro de 2021,[102] e foi exibido no Festival de Cinema de Roma em 24 de outubro.[103] O filme foi lançado em vários países europeus em 3 de novembro, e nos Estados Unidos e no Reino Unido em 5 de novembro.[103] Em setembro de 2021, a Disney anunciou que o filme teria um lançamento exclusivo nos cinemas por um período mínimo de 45 dias.[104] Estava programado para ser lançado em 6 de novembro de 2020,[105] antes de mudar para 12 de fevereiro de 2021,[106] e, em seguida, para novembro de 2021, por causa da pandemia de COVID-19.[72] Fará parte da Fase Quatro do UCM.[107][108]

Censura[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2021, um relatório da mídia estatal chinesa excluiu Eternals, assim como Shang-Chi and the Legends of the Ten Rings, de sua lista de filmes do UCM que seriam lançados, o que a Variety observou "adicionado aos rumores" de que os filmes não seriam lançados na China, especialmente porque Zhao havia se tornado "uma persona non grata inesperada" no país, após ela ser exposta por internautas chineses sobre seus comentários em uma entrevista de 2013 para a revista Filmmaker, na qual ela descreveu a China como "um lugar onde há mentiras por toda parte".[109][110][111] Em setembro de 2021, o Deadline Hollywood relatou que havia "uma questão em aberto" se o governo chinês ou Zhao tentariam "reabilitar" a situação, mas "parece provável" que o filme não seja lançado na China após a resposta do país a Nomadland, bem como Shang-Chi and the Legends of the Ten Rings provavelmente não sendo lançado no país, após a reação dos comentários feitos por Simu Liu em 2017.[112]

O filme não foi lançado na Arábia Saudita, Kuwait, Catar, Bahrein e Omã devido à representação de um casal gay. No entanto, os cinemas dos Emirados Árabes Unidos, Jordânia, Líbano e Egito exibem uma versão editada do filme que não tem todas as cenas de amor.[113] Angelina Jolie criticou a decisão dos países de proibir o filme, dizendo: “Estou triste [por esse público]. E estou orgulhosa da Marvel por se recusar a cortar essas cenas. Ainda não entendo como vivemos em um mundo hoje em que ainda há [pessoas] que não veriam a família de Phastos e a beleza dessa relação e desse amor. Como alguém está zangado com isso, ameaçado por isso, não aprova ou aprecia isso é ignorante".[114] O ator libanês Haaz Sleiman, que interpretou o marido de Phastos, Ben, no filme, também expressou a mesma reação em relação ao assunto: "Eles se mantiveram firmes e disseram: 'Não, não vamos comprometer a integridade do nosso filme'. Isso fez com que esses países árabes parecessem tão ignorantes e patéticos. Não tenho respeito por esses governos. Eles mostraram ao mundo que não são apenas uma desgraça para a humanidade, mas para Deus. Esperançosamente, isso inspirará o povo saudita, o povo do Kuwait e o povo do Qatar a reagir".[115] A Marvel mais tarde concordou em cortar qualquer tipo de cena de amor, incluindo o beijo do casal gay para o lançamento do filme na Indonésia, que recebeu elogios do Conselho de Censura do Filme Indonésio (LSF).[116]

Home media[editar | editar código-fonte]

Eternals está programado para ficar disponível no Disney+ em 12 de janeiro de 2022.[117] Será lançado em Ultra HD Blu-ray, Blu-ray e DVD em 15 de fevereiro. A mídia doméstica do filme inclui comentários em áudio, cenas excluídas, erros de gravação e vários recursos de bastidores.[118]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Em 7 de novembro de 2021, Eternals arrecadou 163,6 milhões de dólares nos Estados Unidos e Canadá, e 236,1 milhões de dólares em outros territórios, para um total mundial de 399,7 milhões de dólares.[4][5] O fim de semana de abertura do filme arrecadou 162 milhões de dólares globalmente, que foi o segundo maior fim de semana de estreia mundial na pandemia de COVID-19 para um filme de Hollywood, para o qual IMAX contribuiu com mais de 13,6 milhões de dólares.[119]

Pré-venda de ingressos e projeções[editar | editar código-fonte]

As vendas antecipadas de ingressos para Eternals foram estimadas em 2,6 milhões de dólares nas primeiras 24 horas, superando as de Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings (1,4 milhões de dólares) e Black Widow (2 milhões de dólares) durante o mesmo período, enquanto os cinemas AMC tiveram o maior primeiro dia de vendas do filme de 2021.[120] Em novembro, a Fandango informou que as pré-vendas de Eternals foram as segundas maiores em 2021, ficando atrás de Viúva Negra.[121] Em outubro de 2021, o Boxoffice Pro inicialmente projetou que o filme arrecadaria entre 82–102 milhões de dólares no fim de semana de estreia e cerca de 210–280 milhões de dólares em bilheteria nacional total.[122] No final do mês, o BoxofficePro modificou suas projeções para 67–92 milhões de dólares para o fim de semana de estreia do filme, e cerca de 165–215 milhões de dólares na bilheteria doméstica total, devido à recepção mista da crítica inicial.[123] De acordo com o Deadline Hollywood, espera-se que Eternals fature 75 milhões de dólares em seu fim de semana de estreia doméstica, e cerca de 150 milhões de dólares mundialmente.[124]

Performance[editar | editar código-fonte]

Nos Estados Unidos e Canadá, Eternals arrecadou 30,7 milhões de dólares em seu dia de estreia, que incluiu 9,5 milhões de dólares em pré-estreias de quinta-feira à noite, marcando o terceiro maior dia de abertura da pandemia, atrás de Black Widow e Venom: Let There Be Carnage. Seu fim de semana de estreia arrecadou 71 milhões de dólares, tornando-se o filme mais vendido do fim de semana.[125] O IMAX foi responsável por mais de 7,6 milhões de dólares no fim de semana. Isso marcou o quarto maior fim de semana de abertura da pandemia. A bilheteria do fim de semana de abertura doméstico foi menor do que várias projeções de pré-lançamento. O Deadline atribuiu isso à recepção geral mista do filme por parte da crítica e do público.[119] Em seu segundo fim de semana, Eternals permaneceu como o filme mais visto, arrecadando mais de 27,5 milhões de dólares.[126] Em seu terceiro fim de semana, o filme arrecadou 10,8 milhões de dólares, terminando em segundo, atrás de Ghostbusters: Afterlife.[127] Em seu quarto fim de semana, Eternals foi o quarto, com mais de 11,5 milhões de dólares ganhos no fim de semana de Ação de Graças de cinco dias.[128][129]

Fora da América do Norte, Eternals faturou mais de 90,7 milhões de dólares em seu fim de semana de abertura em 46 mercados. Foi o número um em quase todos esses mercados. A receita do fim de semana de abertura internacional excedeu várias projeções de pré-lançamento. O IMAX contribuiu com 6 milhões de dólares da receita de abertura de 58 países. O filme marcou a maior estreia da pandemia na Itália, Brasil e Hong Kong. Na Coréia, Eternals arrecadou 14,4 milhões de dólares, marcando a maior estreia de um filme de Hollywood durante a pandemia.[130] Na Rússia, o filme arrecadou uma estreia de 5,4 milhões de dólares em seis dias. Em seu segundo fim de semana, Eternals faturou 48 milhões de dólares em 49 mercados, uma queda de 49%. Permaneceu como o número um em muitos desses territórios.[131] No fim de semana seguinte, o filme arrecadou 22,7 milhões de dólares. Foi o filme mais visto do fim de semana internacionalmente, permanecendo como o melhor filme em muitos territórios, incluindo todos os mercados da América Latina, exceto México.[132] No quarto fim de semana do filme, Eternals acumulou 10,2 milhões de dólares, ultrapassando No Time to Die e se tornando o filme de maior bilheteria da pandemia na Itália. Em 21 de novembro de 2021, os maiores mercados do filme eram Coréia do Sul (26,4 milhões de dólares), Reino Unido (18,7 milhões de dólares), França (14,9 milhões de dólares), México (14,3 milhões de dólares) e Brasil (11,1 milhões de dólares).[133]

Crítica[editar | editar código-fonte]

O agregador de avaliações Rotten Tomatoes relatou uma taxa de aprovação de 53%, com uma pontuação média de 5,8 / 10, com base em 180 avaliações. O consenso crítico do site diz: "Um ambicioso épico de super-heróis que voa tão frequentemente quanto se esforça, Eternals leva o UCM em intrigantes—e ocasionalmente confundindo—novas direções".[134] No Metacritic, o filme tem uma pontuação média ponderada de 53 em 100, com base em 47 críticas, indicando "críticas mistas ou médias".[135] A pesquisa feita com o público da CinemaScore deu ao filme uma nota média de "B" em uma escala de A+ a F, a nota mais baixa para um filme MCU, e a PostTrak relatou que 78% dos membros da audiência deram uma nota positiva, com 60% dizendo que definitivamente o recomendariam.[136]

Charlotte O'Sullivan, do Evening Standard, deu ao filme 4/5 estrelas, descrevendo-o como "luxuoso" e "ambicioso", e escreveu: "A coisa toda é muito longa... Leva uma eternidade para terminar? De jeito nenhum. Com personagens e conceitos tão fortes, Zhao está certa em não se apressar".[137] Robert Abele, do TheWrap, elogiou o filme, comentando: "Depois de tantos filmes da Marvel que defendem as ramificações mais espinhosas de suas narrativas heróicas, há uma seriedade nas participações operísticas em "Eternals" que de alguma forma ajuda a fundir o que é fisicamente espetacular e filosófico sobre isto".[138] Oliver Jones, do Observer, afirmou que "um dos aspectos mais impressionantes dos Eternos é como as identidades da equipe culturalmente representativas atuam no tema e na história de maneiras poderosas e essenciais".[139] Owen Gleiberman, da Variety, ficou desapontado com a falta de estilo cinematográfico de Zhao que moldou seus filmes The Rider (2017) e Nomadland(2020) para "abraçar o convencionalismo expositivo direto da produção cinematográfica da Marvel", mas ele sentiu que o filme era "francamente divertido e gratificante", apesar de seu longo tempo de duração, e um filme de super-herói "muito comum". Ele considerou os Eternos um "protótipo vencedor de um mundo de super-heróis mais dinâmico e inclusivo".[140] Moira Macdonald, do The Seattle Times, deu ao filme 3/4 estrelas, escrevendo que "tem suas falhas; em poucas palavras, é muito longo ... tem alguns pontos bem lentos no meio do filme e precisa desesperadamente de um pouco mais de inteligência" , mas acrescentou: "o que tem é um humor palpável e artístico; este é um filme cheio de super-heróis que passam o tempo pensando e sentindo, e de efeitos especiais que não são apenas velozes, mas muitas vezes delicadamente elegantes". Ela descreveu Eternals como "um tipo diferente de filme de super-herói; não para o gosto de todos, mas feito para todos nós".[141]

Três críticos deram ao filme três de cinco estrelas: Linda Marric, do The Jewish Chronicle, deu ao filme 3/5 estrelas, descrevendo-o como "uma mistura de bem-intencionados, mas absurdamente verborrágico e desconcertantemente incoerente, que é apenas salvo por algumas performances decentes".[142] Nicholas Barber, da BBC, também deu ao filme 3/5 estrelas, escrevendo: "considerando que esta saga de ficção científica é dirigida por Zhao, e que sua história abrange a criação do Universo e o destino do planeta, teria sido razoável esperar que isso desperte admiração de queixo caído, em vez da apreciação relutante de um trabalho eficiente e profissional",[143] e Clarisse Loughrey, do The Independent, disse que "se esforça para a mesma expansividade da alma" que Nomadland, "mas descobre que há espaço suficiente apenas para uma explosão ocasional dela".[144] Brian Truitt, do USA Today, deu ao filme 2,5 / 4 estrelas; ele sentiu que "Eternals parece diferente de qualquer outro filme da Marvel e é talvez o mais acolhedor para os neófitos para sempre do UCM" devido à utilização da "tendência de Zhao para ambientes naturalistas", mas escreveu que a narrativa "luta para conciliar seus muitos subenredos e tentativas de fazer muito em suas pesadas duas horas e 37 minutos".[145] Mark Kennedy, da Associated Press, deu ao filme uma classificação semelhante, criticando seus diálogos e cenas de luta, mas elogiando seus efeitos visuais e a performance de Nanjiani que ele sentiu que, sem ele, teria apenas "muitos super-heróis parados em trajes legais, apertando muito os olhos".[146] Shirley Li, da The Atlantic, criticou o uso da exposição pelo filme, mas escreveu: "Ainda assim, o exame delicado de Zhao sobre seus personagens ofusca os momentos mais maçantes e complicados de Eternals".[147]

Três críticos deram ao filme duas de cinco estrelas: Robbie Collin, doThe Daily Telegraph, sentiu que estava "constantemente envolvido em uma espécie de teatro de autenticidade dentado, desviando-se de seu caminho para mostrar que está fazendo todas as coisas que o cinema de verdade faz, embora nenhuma delas traga qualquer benefício perceptível para o filme em questão".[148] Kevin Maher, do The Times, sentiu que tinha "uma estranha energia auto-sabotadora no coração deste grande blockbuster".[149] Steve Rose, do The Guardian, sentiu que "Não é exatamente chato—sempre há algo novo para se ver—mas nem é particularmente empolgante e não tem o humor alegre dos melhores filmes da Marvel", e acrescentou: "É como entrar em Avengers: Endgame frio sem ter visto nenhum dos filmes anteriores".[150] K. Austin Collins, da Rolling Stone, escreveu: "Eternals é bom em nos dizer onde olhar, em nos impressionar com seu senso de grandeza fabricado. O que falta a ele é qualquer senso crível do que realmente vale a pena ver".[151] Justin Chang, do Los Angeles Times, comparou o filme a The Tree of Life e The Old Guard, e escreveu: "Você sai com a compreensão deprimente de que acabou de ver um dos filmes mais interessantes que a Marvel fará, e com sorte o menos interessante que Chloé Zhao fará".[152] Brian Lowry, da CNN, escreveu: "Se este conto milenar de imortais escondidos à vista de todos na Terra pode repetir a história, servirá como um referendo sobre os músculos do estúdio, especialmente porque as falhas estruturais do filme compensam seus visuais impressionantes e performances fortes".[153] Kyle Smith, da National Review, foi mais crítico em sua avaliação de Eternals, descrevendo-o como "um dos mais estúpidos, cafonas, banais e menos humanos" filmes do UCM.[154]

A recepção mista pegou alguns comentaristas de surpresa, dado o histórico positivo do UCM e a aclamação do trabalho anterior de Zhao. Richard Newby, do The Hollywood Reporter, escreveu que "muitas das críticas ao trabalho de Kirby", que causaram divisões por seu tema e relação com o Universo Marvel mais amplo, "seguiram Zhao em sua adaptação".[155] Newby comparou a resposta divisiva à dos filmes do Universo Estendido DC de Zack Snyder, Man of Steel e Batman v Superman: Dawn of Justice (2016), escrevendo que esses filmes e Eternals compartilham "uma abordagem desconstrutiva para super-heróis e os força a questionar seu propósito no mundo, por meio de batidas narrativas meditativas e melancólicas, e um final trágico, mas esperançoso".[155] Newby sentiu que essa abordagem subverteu as expectativas dos críticos e do público, o que os fez avaliar o filme de forma mais severa.[155]

Reconhecimentos[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2021, Eternals foi nomeado para o Hollywood Critics Association Film Award por Melhores Efeitos Visuais.[156]

Futuro[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2021, Kaz e Ryan Firpo expressaram interesse em fazer uma série prequela de Eternals para o Disney+.[157]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Zhao é creditada como roteirista solo e como parte da equipe de roteiristas com Burleigh.[1][2]
  1. Eternals é ambientado após os eventos de Avengers: Endgame (2019).
  2. Identificada fora da tela como Eric Brooks / Blade.[8]

Referências

  1. a b c Vary, Adam B.; Vary, Adam B. (24 de maio de 2021). «The 'Eternals' Trailer Finally Reveals How Chloé Zhao's Vision Will Fit in the MCU». Variety (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  2. a b «The Eternals». Writers Guild of America West. Consultado em 19 de agosto de 2021 
  3. Coyle, Jake (16 de setembro de 2020). «With quiet humanity, Chloe Zhao's 'Nomadland' makes noise». Associated Press. Consultado em 27 de setembro de 2020. Cópia arquivada em 27 de setembro de 2020 
  4. a b «Eternals (2021)». Box Office Mojo. Consultado em 5 de novembro de 2021 
  5. a b «Eternals (2021) - Financial Information». The Numbers. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  6. AdoroCinema, Eternos, consultado em 14 de junho de 2021 
  7. Público. «Eternals - Eternos». Cinecartaz. Consultado em 9 de outubro de 2021 
  8. a b «Eternals After-Credits Scene's Third Secret (& Biggest) Marvel Character Confirmed By Director». ScreenRant (em inglês). 5 de novembro de 2021. Consultado em 5 de novembro de 2021 
  9. a b Nast, Condé (5 de agosto de 2021). «"The Industry Has Shifted. Changing The Culture Takes Longer": Gemma Chan Is Finally Taking The Lead». British Vogue (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  10. a b c d e f g h i j k l m «Hope Springs: Go behind the scenes of Marvel's 'Eternals'». EW.com (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  11. a b c Aurthur, Kate; Aurthur, Kate (28 de abril de 2021). «Kevin Feige on Chloé Zhao's 'Spectacular' Approach to 'Eternals' and Who the Film's 'Lead' Character Is (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 3 de maio de 2021 
  12. a b c d e f g h i j k «Meet the 'Eternals': A guide to Marvel's 10 newest heroes». EW.com (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  13. a b c Kroll, Justin; Kroll, Justin (5 de agosto de 2019). «Gemma Chan in Talks to Join Marvel's 'The Eternals' (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  14. «Les Eternels : Superman chez Marvel ? La réalisatrice Chloé Zhao s'explique et cite Zack Snyder». FilmsActu (em francês). Consultado em 8 de novembro de 2021 
  15. «Eternals: Nanjiani's Kingo Will Hide in Plain Sight - As a Bollywood Star». CBR (em inglês). 5 de março de 2020. Consultado em 6 de abril de 2021 
  16. Clair, Josh St (10 de março de 2020). «Kumail Nanjiani Says John McClane Inspired His Marvel 'Eternals' Character». Men's Health (em inglês). Consultado em 6 de abril de 2021 
  17. a b ago, Lawrence Ferber 9h. «Haaz Sleiman on "Little America" and Kissing Marvel's First Gay Superhero». LOGO News. Consultado em 13 de fevereiro de 2020 
  18. a b c d «Harish Patel on Starring in Marvel's Eternals: People will Say Ibu Hatela Did Something New». News18 (em inglês). 8 de maio de 2021. Consultado em 5 de outubro de 2021 
  19. a b «The Eternals: Harish Patel gets billing on new poster with Angelina Jolie, Kit Harington and others». Hindustan Times (em inglês). 19 de agosto de 2021. Consultado em 5 de outubro de 2021 
  20. Maytum, Matt; Shepherd, Jack (13 de setembro de 2021). «Kit Harington teases secretive Eternals role: "I think this is the tip of the iceberg for my character"». gamesradar (em inglês). Consultado em 7 de outubro de 2021 
  21. «Eternals 2 release date, cast and more about MCU sequel». Digital Spy (em inglês). 5 de novembro de 2021. Consultado em 5 de novembro de 2021 
  22. Rooney, David; Rooney, David (24 de outubro de 2021). «Chloe Zhao's 'Eternals': Film Review». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 5 de novembro de 2021 
  23. Vary, Adam B.; Vary, Adam B. (25 de outubro de 2021). «'Eternals' Director Chloé Zhao Explains How She Got Superman in the MCU». Variety (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  24. «Angelina Jolie's iconic Elie Saab gown nabs spotlight at 'Eternals' premiere». Arab News (em inglês). 19 de outubro de 2021. Consultado em 5 de novembro de 2021 
  25. Gullapalli, Vishal; Robinson, Tasha (4 de novembro de 2021). «Eternals' post-credit scene brings the Marvel universe back to Thanos». Polygon (em inglês). Consultado em 5 de novembro de 2021 
  26. «Marvel Boss Kevin Feige Confirms 'Eternals' Movie Being Developed». TheWrap (em inglês). 23 de abril de 2018. Consultado em 27 de agosto de 2019 
  27. «Marvel Sets Black List Writers for 'Eternals' Movie (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  28. a b c d e «Marvel Studios' 'The Eternals' Finds Its Director With Chloe Zhao». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  29. «Exclusive: The Eternals Movie Can Play With MCU History». ScreenRant (em inglês). 25 de junho de 2018. Consultado em 27 de agosto de 2019 
  30. «Chloe Zhao Was The One To Approach Marvel Studios About A Film: "I Just Wanted To Work With That Team"». theplaylist.net. Consultado em 29 de março de 2021 
  31. a b c d «Director Chloe Zhao Arrives With Early Oscar Contender 'Nomadland' and Next Year's 'Eternals': "It's a Bit Surreal" | Hollywood Reporter». www.hollywoodreporter.com. Consultado em 15 de setembro de 2020 
  32. a b c d e Aurthur, Kate; Aurthur, Kate (28 de abril de 2021). «Chloé Zhao on Making Oscars History and How She Stayed True to Herself Directing Marvel's 'Eternals'». Variety (em inglês). Consultado em 3 de maio de 2021 
  33. a b Kroll, Justin; Kroll, Justin (21 de setembro de 2018). «Marvel's 'The Eternals' Taps 'The Rider' Director Chloe Zhao». Variety (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  34. a b «Director Chloe Zhao Arrives With Early Oscar Contender 'Nomadland' and Next Year's 'Eternals': "It's a Bit Surreal"». The Hollywood Reporter (em inglês). 2 de setembro de 2020. Consultado em 29 de março de 2021 
  35. a b «Chloe Zhao Says She's Also the Writer on Marvel's 'Eternals'». Collider (em inglês). 4 de janeiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  36. Watercutter, Angela. «Chloé Zhao Upends the Marvel Formula With 'Eternals'». Wired (em inglês). ISSN 1059-1028. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  37. «Eternals Movie Could Span Thousands of Years, Says Feige». Collider (em inglês). 25 de fevereiro de 2019. Consultado em 3 de maio de 2021 
  38. Mancuso, Vinnie (25 de fevereiro de 2019). «Marvel's 'Eternals' Movie Might Be an Epic Spanning "Tens of Thousands of Years," Says Kevin Feige». Collider (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  39. https://www.hollywoodreporter.com/features/director-chloe-zhao-arrives-with-hot-oscar-contender-nomadland-and-next-years-eternals
  40. «Angelina Jolie in Talks to Make Marvel Debut With 'The Eternals' (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  41. a b «Kumail Nanjiani in Talks to Join Angelina Jolie in Marvel's 'The Eternals' (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  42. «Marvel Studios Taps Ma Dong-seok for 'The Eternals' (Exclusive)». TheWrap (em inglês). 17 de abril de 2019. Consultado em 27 de agosto de 2019 
  43. Sneider, Jeff (17 de abril de 2019). «Marvel's 'The Eternals' Adds 'Train to Busan' Star Ma Dong-seok». Collider (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  44. Kroll, Justin; Kroll, Justin (7 de maio de 2019). «Richard Madden in Talks to Star in Marvel's 'Eternals'». Variety (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  45. «Salma Hayek Eyed to Join Marvel Studios' 'The Eternals' (Exclusive)». TheWrap (em inglês). 26 de junho de 2019. Consultado em 27 de agosto de 2019 
  46. Donnelly, Matt; Donnelly, Matt (10 de julho de 2019). «What to Expect From Marvel's Comic-Con Presentation — and Why It's So Pivotal». Variety (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  47. «Stranger Things' Millie Bobby Brown addresses those Marvel claims». The Independent (em inglês). 14 de julho de 2019. Consultado em 27 de agosto de 2019 
  48. Ramos, Anthony D'Alessandro,Dino-Ray; D'Alessandro, Anthony; Ramos, Dino-Ray (21 de julho de 2019). «'The Eternals' Details Unveiled At Marvel's Comic-Con Panel, Angelina Jolie Surprises Hall H; Pic To Open November 2020». Deadline (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  49. Chitwood, Adam (21 de julho de 2019). «Kevin Feige Confirms LGBTQ Marvel Characters in 'Eternals' and 'Thor 4'». Collider (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  50. «Haaz Sleiman no Instagram: "First day of filming on Marvel's The Eternals. #🎭 #marvel #theeternals"». Instagram. Consultado em 3 de fevereiro de 2020 
  51. «Eternals Star Discusses the MCU's First Openly Gay Couple». CBR (em inglês). 25 de janeiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  52. Bucksbaum, Sydney (21 de julho de 2019). «See the exclusive first portrait of Angelina Jolie and the cast of The Eternals». Entertainment Weekly. Consultado em 21 de julho de 2019. Cópia arquivada em 21 de julho de 2019 
  53. «The Eternals: First Photos of Reported Sets Surface Online». Marvel (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  54. «Working with LUTs- Ben Davis BSC». Newsshooter (em inglês). 6 de outubro de 2019. Consultado em 29 de março de 2021 
  55. «Chloe Zhao Says 'The Revenant' Is Her 'Eternals' Inspiration [Interview]». theplaylist.net. Consultado em 29 de março de 2021 
  56. Sneider, Jeff (5 de agosto de 2019). «Exclusive: 'Dunkirk' Star Barry Keoghan in Talks to Join Marvel's 'The Eternals'». Collider (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  57. a b «Gemma Chan on 'Let Them All Talk' and How She Wound Up in 'Eternals' After 'Captain Marvel'». The Hollywood Reporter (em inglês). 11 de dezembro de 2020. Consultado em 29 de março de 2021 
  58. «Marvel Confirms Kit Harington for 'Eternals,' Sets 'Black Panther II' Date». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2019 
  59. «Atores de Os Eternos evacuam set de gravação após descoberta de bomba». IGN Brasil. 5 de novembro de 2019. Consultado em 12 de novembro de 2019 
  60. «From Syria to stardom: Zain Al-Rafeea sheds light on his Hollywood highlights». Arab News (em inglês). 18 de janeiro de 2020. Consultado em 29 de março de 2021 
  61. «Salma Hayek hints that Syrian refugee star Zain Al-Rafeea could be in Marvel film». Arab News (em inglês). 18 de novembro de 2019. Consultado em 29 de março de 2021 
  62. «Did you see Angelina Jolie at Marvel's museum film shoot?». Oxford Mail (em inglês). Consultado em 3 de fevereiro de 2020 
  63. «Gemma Chan suspended in mid-air while filming The Eternals in London». Evening Standard (em inglês). 10 de janeiro de 2020. Consultado em 3 de fevereiro de 2020 
  64. «Marvel's Eternals using fake title 'Sack Lunch' as filming takes over Camden». Metro (em inglês). 21 de janeiro de 2020. Consultado em 29 de março de 2021 
  65. «'Love and Thunder' Gets a Seinfeld Inspired Working Title That Hints at Thor's Big Diet». Movieweb (em inglês). 16 de outubro de 2020. Consultado em 29 de março de 2021 
  66. «Gemma Chan on 'Let Them All Talk' and How She Wound Up in 'Eternals' After 'Captain Marvel' | Hollywood Reporter». www.hollywoodreporter.com. Consultado em 13 de dezembro de 2020 
  67. Chase, Stephanie (4 de fevereiro de 2020). «Marvel's The Eternals star Gemma Chan confirms filming for the movie has wrapped». Digital Spy (em inglês). Consultado em 29 de março de 2021 
  68. Eloi, Arthur (3 de fevereiro de 2020). «Filmagens de Os Eternos, da Marvel, chegam ao fim». Omelete. Consultado em 3 de fevereiro de 2020 
  69. «Marvel's The Eternals VFX Studio Confirms They Are Still Working Remotely Amid Coronavirus Quarantine» (em inglês) 
  70. «'Black Widow' Moves to November as Other MCU Films Shift Back to 2021, 2022» (em inglês). 3 de abril de 2020 
  71. «'The King's Man' Pushed to February 2021». TheWrap (em inglês). 27 de agosto de 2020. Consultado em 13 de dezembro de 2020 
  72. a b «Disney Pushes 'Black Widow' Back to 2021». TheWrap (em inglês). 23 de setembro de 2020. Consultado em 13 de dezembro de 2020 
  73. «Eternals Star Lauren Ridloff Confirms Reshoots Have Taken Place». Movies (em inglês). Consultado em 13 de dezembro de 2020 
  74. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (27 de abril de 2021). «'The Borrowers' Reboot From Universal & Working Title In Works; Conrad Vernon In Talks To Direct Patrick Burleigh Script». Deadline (em inglês). Consultado em 24 de maio de 2021 
  75. Carolina (7 de fevereiro de 2021). «Monday, Feb. 8 Filming Locations». On Location Vacations (em inglês). Consultado em 29 de março de 2021 
  76. «Eternals Director Chloe Zhao Still Working on the Final Cut». comicbook.com. Consultado em 27 de abril de 2021 
  77. a b «Marvel's 'Eternals' Final Cut Isn't Finished Despite Yearlong Delay». Movieweb (em inglês). 8 de abril de 2021. Consultado em 27 de abril de 2021 
  78. Facebook; Twitter; options, Show more sharing; Facebook; Twitter; LinkedIn; Email; URLCopied!, Copy Link; Print (24 de abril de 2021). «The magic of Chloé Zhao: How the Oscars favorite gets brilliant performances from non-actors». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 3 de maio de 2021 
  79. «Harish Patel confirms being part of MCU's Eternals». The Indian Express (em inglês). 7 de maio de 2021. Consultado em 20 de maio de 2021 
  80. «Why Does Marvel's 'Eternals' Poster Credit Chloé Zhao With Two Writing Credits?». /Film (em inglês). 24 de maio de 2021. Consultado em 19 de agosto de 2021 
  81. «Eternals Trailer Offers New Look At Next Marvel Blockbuster». Digital Trends (em inglês). 24 de maio de 2021. Consultado em 19 de agosto de 2021 
  82. Paul, Larisha; Paul, Larisha (19 de outubro de 2021). «Harry Styles Will Apparently Arouse Everyone as Eros in MCU's 'Eternals'». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  83. «Marvel fans react to 'perfect' arrival of [spoiler] in new film». The Independent (em inglês). 5 de novembro de 2021. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  84. Sharf, Zack; Sharf, Zack (3 de maio de 2021). «'Eternals' First Footage: Oscar Winner Chloé Zhao Enters the MCU with Angelina Jolie and More». IndieWire (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  85. says, JackS. «First Tracks from Ramin Djawadi's 'Eternals' Score Released | Film Music Reporter» (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  86. a b «'Eternals' Soundtrack Album Details | Film Music Reporter» (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  87. a b Gartenberg, Chaim (3 de maio de 2021). «Marvel drops the first glimpse of Oscar-winner Chloé Zhao's Eternals». The Verge (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2021 
  88. a b «Marvel Reveals ETERNALS Look, BLACK PANTHER 2 and CAPTAIN MARVEL 2 Titles». Nerdist. Consultado em 4 de maio de 2021 
  89. «First 'Eternals' Footage Revealed in Marvel Studios Teaser of Upcoming MCU Films». /Film (em inglês). 3 de maio de 2021. Consultado em 4 de maio de 2021 
  90. Gartenberg, Chaim (24 de maio de 2021). «The first full trailer for Chloé Zhao's Eternals promises an epoch-spanning epic from Marvel». The Verge (em inglês). Consultado em 24 de maio de 2021 
  91. «Marvel's Eternals Trailer Introduces Earth's Secret Super Team». io9 (em inglês). Consultado em 24 de maio de 2021 
  92. «'Eternals' teaser trailer assembles Marvel's family of immortals». EW.com (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  93. «The Eternals teaser hints at a different type of Marvel movie». The A.V. Club (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  94. Marvel's Eternals: First Teaser Trailer Released - IGN (em inglês), consultado em 24 de maio de 2021 
  95. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (26 de maio de 2021). «'Eternals' Trailer Clocks 77 Million Views In First Day, Tops For A Marvel Movie During Pandemic». Deadline (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  96. Couch, Aaron; Couch, Aaron (18 de junho de 2021). «Disney Studios Marketing Head Asad Ayaz on Mischievous 'Loki' Campaign». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  97. Ravindran, Ethan Shanfeld,Manori; Shanfeld, Ethan; Ravindran, Manori (19 de agosto de 2021). «'Eternals' Trailer: Gemma Chan, Angelina Jolie, Kit Harrington Fight to Defend Humanity in Chloé Zhao's Marvel Film». Variety (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  98. «New 'Eternals' trailer teases an epic cosmic showdown». EW.com (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  99. Couch, Aaron; Couch, Aaron (19 de agosto de 2021). «New 'Eternals' Trailer Teases Epic Battle». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2021 
  100. a b Steinberg, Brian; Steinberg, Brian (4 de outubro de 2021). «Lexus Teams Up With Marvel's 'Eternals' in Advertising Alliance». Variety (em inglês). Consultado em 7 de outubro de 2021 
  101. «Lexus and Marvel created 10 cars inspired by the 'Eternals' super heroes». Newsweek (em inglês). 18 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  102. «Stargazing at World Premiere of Marvel Studios' Eternals». D23 (em inglês). 20 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  103. a b Vivarelli, Nick; Vivarelli, Nick (5 de outubro de 2021). «Chloé Zhao's 'Eternals,' From Marvel Studios, Gets Early Film Festival Premiere in Rome». Variety (em inglês). Consultado em 7 de outubro de 2021 
  104. Saperstein, Adam B. Vary,Pat; Vary, Adam B.; Saperstein, Pat (10 de setembro de 2021). «Disney Releasing 'Eternals,' 'Encanto' Exclusively in Theaters». Variety (em inglês). Consultado em 7 de outubro de 2021 
  105. «SDCC 2019: All of the Marvel Studios News Coming Out of Hall H at San Diego Comic-Con» (em inglês) 
  106. «'Black Widow' Moves to November as Other MCU Films Shift Back to 2021, 2022». TheWrap (em inglês). 3 de abril de 2020. Consultado em 13 de dezembro de 2020 
  107. «Marvel Unveils Post-'Endgame' Slate with 'Eternals', 'Shang-Chi' and Multiple Sequels» (em inglês) 
  108. «'Black Widow' Moves to November as Other MCU Films Shift Back to 2021, 2022» (em inglês). 3 de abril de 2020 
  109. Davis, Rebecca; Davis, Rebecca (12 de maio de 2021). «Marvel's 'Shang-Chi,' 'Eternals' May Face Uphill Battle to Enter China». Variety (em inglês). Consultado em 20 de maio de 2021 
  110. Davis, Rebecca; Davis, Rebecca (2 de março de 2021). «China Both Celebrates and Slams Chloe Zhao's 'Nomadland' Golden Globe Glory». Variety (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  111. «Chloé Zhao's historic win at this year's Oscars censored in China». South China Morning Post (em inglês). 26 de abril de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  112. Tartaglione, Nancy; Tartaglione, Nancy (10 de setembro de 2021). «'Shang-Chi' China Release Unlikely In Wake Of Unearthed Comments By Star Simu Liu; 'The Eternals' Hopes In Question». Deadline (em inglês). Consultado em 27 de setembro de 2021 
  113. Tartaglione, Anthony D'Alessandro,Nancy; D'Alessandro, Anthony; Tartaglione, Nancy (4 de novembro de 2021). «'Eternals' Won't Be Playing Saudi Arabia, Qatar, Kuwait, Bahrain & Oman». Deadline (em inglês). Consultado em 8 de novembro de 2021 
  114. Ma, Wenlei (5 de novembro de 2021). «'Ignorant': Angelina rips Eternals ban». news.com.au — Australia’s leading news site. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  115. Malkin, Marc; Malkin, Marc (6 de novembro de 2021). «'Eternals' Actor Haaz Sleiman on Being Arab and Openly Gay in the MCU, the Film's 'Ignorant' Ban in Middle Eastern Countries (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 8 de novembro de 2021 
  116. «Bukan LSF yang Potong Adegan Ciuman Gay di Film Eternals, Ini Faktanya». VOI - Waktunya Merevolusi Pemberitaan (em indonésio). Consultado em 22 de novembro de 2021 
  117. «'Eternals' Comes to Disney+ on January 12». Marvel Entertainment (em inglês). Consultado em 19 de dezembro de 2021 
  118. «Exclusive: 'Eternals' 4K + Blu-ray Walmart Artwork for Home Release Revealed». Collider (em inglês). 15 de dezembro de 2021. Consultado em 19 de dezembro de 2021 
  119. a b D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (7 de novembro de 2021). «Despite Global Box Office Glory & $71M Domestic Debut, Why 'Eternals' Is A Wake-Up Call For MCU; Sizing Up 'Red Notice' Box Office». Deadline (em inglês). Consultado em 8 de novembro de 2021 
  120. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (13 de outubro de 2021). «'Eternals' First-Day Advance Tickets Beating 'Shang-Chi' & 'Black Widow'; AMC Sees Biggest Day 1 Presales Of Year». Deadline (em inglês). Consultado em 20 de outubro de 2021 
  121. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (3 de novembro de 2021). «'Eternals' Eyeing $75M Opening Weekend; Ranks As Fandango's 2nd Best Preseller Of The Year». Deadline (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  122. «Long Range Box Office Forecast: Marvel Studios' Eternals». Boxoffice (em inglês). 15 de outubro de 2021. Consultado em 20 de outubro de 2021 
  123. «Long Range Box Office Forecast: Ghostbusters: Afterlife Outlook, Eternals Tracking Softens, and More Updates». Boxoffice (em inglês). 29 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  124. D'Alessandro, Nancy Tartaglione,Anthony; Tartaglione, Nancy; D'Alessandro, Anthony (3 de novembro de 2021). «'Eternals' Zaps Up Second Best Opening Day In Korea During Pandemic; MCU Movie Eyes $150M Worldwide Opening». Deadline (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  125. «Domestic 2021 Weekend 45». Box Office Mojo. Consultado em 20 de dezembro de 2021 
  126. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (14 de novembro de 2021). «'Eternals' Powers $27M+ Second Weekend; 'Clifford' Louder With $22M 5-Day: Is Theatrical Hybrid Model Really The Answer For Family Movies? – Update». Deadline (em inglês). Consultado em 22 de novembro de 2021 
  127. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (21 de novembro de 2021). «'Ghostbusters: Afterlife' Calls Up $44M Opening Weekend – Sunday AM Update». Deadline (em inglês). Consultado em 22 de novembro de 2021 
  128. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (28 de novembro de 2021). «'Encanto' & 'Ghostbusters: Afterlife' Split Families, 'House Of Gucci' Best Opening For Drama In Two Years – Thanksgiving Box Office, Sunday Update». Deadline (em inglês). Consultado em 30 de novembro de 2021 
  129. «Domestic 2021 Weekend 48». Box Office Mojo. Consultado em 20 de dezembro de 2021 
  130. Tartaglione, Nancy; Tartaglione, Nancy (7 de novembro de 2021). «'Eternals' Is Weekend King(o) With $91M Overseas & $162M Global Bows – International Box Office». Deadline (em inglês). Consultado em 8 de novembro de 2021 
  131. Tartaglione, Nancy; Tartaglione, Nancy (14 de novembro de 2021). «'No Time To Die' Crosses $700M Global, Becomes Biggest Hollywood Pic Of Pandemic Overseas; 'Eternals' Assembles $281M WW Through Second Session – International Box Office». Deadline (em inglês). Consultado em 22 de novembro de 2021 
  132. Tartaglione, Nancy; Tartaglione, Nancy (21 de novembro de 2021). «'Ghostbusters: Afterlife' Lives It Up With $60M Global Debut; 'Eternals' Leads Offshore Hollywood Weekend – International Box Office». Deadline (em inglês). Consultado em 22 de novembro de 2021 
  133. Tartaglione, Nancy; Tartaglione, Nancy (29 de novembro de 2021). «'Encanto' Chimes In With $70M Global Bow; 'No Time To Die' Overtakes 'Spectre' In UK, Now Market's No. 3 Movie Ever – International Box Office». Deadline (em inglês). Consultado em 30 de novembro de 2021 
  134. Eternals (em inglês), consultado em 4 de novembro de 2021 
  135. Eternals, consultado em 4 de novembro de 2021 
  136. «'Eternals' Seeing Possible $70M+ Opening Weekend: Why This Is A Wake-Up Call For The MCU; 'Red Notice' Box Office Unreported». Deadline (em inglês). Consultado em 9 de novembro de 2021 
  137. O'Sullivan, Charlotte (26 de outubro de 2021). «Eternals film review: Lavish, ambitious, and right to take its time». www.standard.co.uk (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  138. «Eternals Film Review: Chloe Zhao's MCU Movie Is Colossal» (em inglês). 24 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  139. «'Eternals' Is a Refreshingly Romantic Reminder of the Power & Purpose of Event Films». Observer (em inglês). 24 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  140. Gleiberman, Owen; Gleiberman, Owen (24 de outubro de 2021). «'Eternals' Review: Chloé Zhao's Marvel Movie Is Finely Crafted but Needed More of Her Personality to Be Marvelous». Variety (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  141. «'Eternals' review: Chloé Zhao creates a different kind of superhero movie, and it lingers long after you leave the theater». The Seattle Times (em inglês). 27 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  142. «"Film review: Eternals"». www.thejc.com. 24 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  143. Barber, Nicholas. «Three stars for Chloé Zhao's 'disappointing' Eternals». www.bbc.com (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  144. «Chloé Zhao meets far too much CGI in Marvel's Eternals – review». The Independent (em inglês). 5 de novembro de 2021. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  145. Truitt, Brian. «Review: Marvel's overstuffed 'Eternals' is a star-studded exercise in superhero excess». USA TODAY (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  146. «Review: 'Eternals' has a lot of firsts but way too much else». AP NEWS (em inglês). 4 de novembro de 2021. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  147. Li, Shirley (24 de outubro de 2021). «The Most Poetic Marvel Film Yet». The Atlantic (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  148. Collin, Robbie (24 de outubro de 2021). «Eternals, review: Marvel attempts to push boundaries, but the result is insipid». The Telegraph (em inglês). ISSN 0307-1235. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  149. Maher, Kevin. «Eternals review — Navel-gazing superheroes in quest for a decent script» (em inglês). ISSN 0140-0460. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  150. «Eternals review – magic hour meets PowerPoint in Chloe Zhao's Marvel yarn». the Guardian (em inglês). 24 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  151. Collins, K. Austin; Collins, K. Austin (26 de outubro de 2021). «The Hot Gods of 'Eternals' Will Bore You to Death With Their Feelings». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 4 de novembro de 2021 
  152. «Review: In Marvel's epic 'Eternals,' a cosmic breath of fresh air ultimately turns stale». Los Angeles Times (em inglês). 24 de outubro de 2021. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  153. CNN, Review by Brian Lowry. «'Eternals' expands the Marvel universe with a messy, history-spanning origin saga». CNN. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  154. «Eternals Shows How to Go from Auteur to Hack in One Movie». National Review (em inglês). 31 de outubro de 2021. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  155. a b c Newby, Richard; Newby, Richard (6 de novembro de 2021). «Why 'Eternals' Is Dividing Audiences». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 8 de novembro de 2021 
  156. «DUNE, CODA, AND BELFAST LEAD THE 5TH ANNUAL HCA FILM AWARDS NOMINATIONS – Hollywood Critics Association» (em inglês). Consultado em 19 de dezembro de 2021 
  157. Couch, Aaron; Couch, Aaron (9 de novembro de 2021). «'Eternals' Writers Wish for a Disney+ Prequel». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 22 de novembro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]