Grupo DPSP

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grupo DPSP
Razão social Drogarias DPSP S.A.
Empresa de capital fechado
Indústria Varejo
Fundação 2011 (7 anos)
Sede São Paulo, SP
Rio de Janeiro, RJ
Área(s) servida(s) Todas as regiões do Brasil
Locais Alagoas, Bahia, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Goiás, Distrito Federal e Espírito Santo
Presidente Marcelo Doll Martineli
Empregados 25 mil[1]
Produtos drogarias, medicamentos, dermocosméticos, produtos de higiene pessoal, ortopedia e acessórios, produtos de beleza, nutrição e alimentos, testes e aparelhos
Subsidiárias Drogarias Pacheco
Drogaria São Paulo
Faturamento Aumento R$7 bilhões[2][3]

Grupo DPSP é a segunda maior rede varejista de farmácias do Brasil e 7ª maior rede de varejo do país.[4][5][6]

Fundado em 2011, o grupo é resultado da fusão entre a Drogarias Pacheco, líder de mercado no estado do Rio de Janeiro e eleita 6 vezes a Marca dos Cariocas em pesquisa realizada pelo jornal O Globo em parceria com o grupo Troiano, e a Drogaria São Paulo, 2 vezes eleita a Melhor de SP, em pesquisa realizada pela Datafolha.[6][7][8][9][10][11]

História[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2011, a Drogarias Pacheco e a Drogaria São Paulo realizaram um acordo de fusão de suas operações criando a maior rede varejista de produtos farmacêuticos do Brasil, o Grupo DPSP, formada por 691 drogarias e R$ 7 bilhões em faturamento.[6][3][2][12][13][14]

Com a fusão, as ações da rede se dividiram entre os antigos donos das duas drogarias, Samuel Barata, da Drogarias Pacheco, e Ronaldo Carvalho, da Drogaria São Paulo. Dois anos depois do acordo, em 2013, o crescimento da rede foi de 13%.[15]

Em 2014, a rede contava com mais de 850 filiais nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia, Espírito Santo, Paraná, Goiás, Pernambuco e no Distrito Federal.[4][5][6]

E em julho de 2015, o Grupo DPSP abriu sua loja de número mil com a inauguração de uma Drogaria São Paulo, em São Bernardo do Campo (SP), e uma da Drogarias Pacheco, no Rio de Janeiro, somando, em 2016, mais de 1080 filiais e atendendo à 15 milhões de consumidores por mês.[3][2][16]

Referências

  1. «"DPSP inaugura milésima loja"». Ascoferj. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  2. a b c «"Drogarias Pacheco inaugura sua 17a loja no Paraná"». Jornal Metrópole - página 6. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  3. a b c «"Grupo DPSP Mira Expansão na Região Nordeste"». Encontre sua Franquia. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  4. a b «"Drogaria São Paulo e Pacheco criam rede de farmácias de R$ 4,4 bilhões"». Exame. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  5. a b «"Redes de farmácias aceleram expansão"». Exame. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  6. a b c d «"Drogarias São Paulo e Pacheco anunciam fusão"». G1. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  7. «'O perfil do consumidor tem mudado', diz diretor da Drogaria São Paulo"». Folha. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  8. «"Drogaria São Paulo é apontada como a melhor farmácia, segundo Datafolha"». Folha. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  9. «"Drogaria São Paulo diversifica e é farmácia mais citada pelos paulistanos"». Folha. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  10. «"Marca dos Cariocas"». O Globo. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  11. «"Drogarias Pacheco expande em Minas Gerais"». Revista Fator Brasil. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  12. «"Fusão da Drogaria Pacheco e Drogaria São Paulo cria maior rede de farmácias"». Época Negócios. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  13. «"Droga São Paulo e Máquina de Vendas mostram que o varejo dá o troco mais rápido"». Exame. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  14. «"Uma fusão improvável no varejo"». Estadão. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  15. «"Drogarias Pacheco e São Paulo devem ser vendidas à CVS?"». Exame. Consultado em 28 de Julho de 2016. 
  16. «"DPSP INAUGURA LOJA DE Nº 1.000"». Portal Varejo. Consultado em 28 de Julho de 2016. 

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]