Pague Menos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pague Menos
Farmácia Pague Menos em Macapá
Razão social Empreendimentos Pague Menos S/A.
Empresa de capital aberto
Cotação B3PGMN3
Atividade Varejo
Fundação 19 de maio de 1981 (40 anos)
Fundador(es) Francisco Deusmar Queirós[1]
Sede Fortaleza, CE, Brasil
Área(s) servida(s) Todo o território nacional
Presidente Mário Queirós[1]
Empregados 20.000 (em 2015)
Produtos Farmácias
Produtos Farmacêuticos
Medicamento Manipulados
Cosméticos
Lojas de Conveniência
LAJIR Aumento R$ 259 milhões (2019)
Faturamento Aumento R$ 6,8 bilhões (2019)
Website oficial www.paguemenos.com.br

Farmácias Pague Menos ou Pague Menos é uma empresa brasileira de varejo de produtos farmacêuticos com sede em Fortaleza, Ceará. É considerada a segunda maior rede do setor no país.[2] Em 2020, seu faturamento foi de R$7,3 bilhões, com mais de 1.105 lojas em todos estados brasileiros.[3]

Segundo a Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (ABRAFARMA), é a segunda maior rede de farmácias do Brasil com aproximadamente 1,2 mil lojas físicas, 20 mil funcionários e presença em 327 Municipios.[4]

História[editar | editar código-fonte]

Em 1981, a instituição foi fundada no bairro fortalezense de Carlito Pamplona. Em 1985, adotou de forma pioneira no Brasil o conceito de drugstore, passando a comercializar, em adição aos medicamentos, produtos de higiene, beleza e conveniência em um modelo de auto serviço.

Em 1993, a rede abriu sua primeira loja fora do estado do Ceará, na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte. No mesmo ano, inaugurou seu braço de manipulação de medicamentos.

Em 1997, a Empresa criou o Encontro de Mulheres Pague Menos o maior evento feminino do Brasil, visando promover saude, e maior qualidade de vida para as mulheres. [5]

Em 2006, em parceria com o Governo Federal, contribuiu para a criação do programa Farmácia Popular.[6]

Em 2010, nasce o Circuito de Corridas Pague Menos uma iniciativa promovida anualmente em 10 cidades do territorio nacional que conta com a participaçao de, em media, 6.000 pessoas. Esse evento tem como objetivo promover a saude na populacao por meio do incentivo a pratica de esportes. [7]

Em 2011, a Pague Menos lançou a 1ª edição da Revista Viva Sempre Bem, que junto ao programa TV e Portal inovou a visão em beleza e saúde da mulher brasileira, configurando a Plataforma Sempre Bem.[8] No mesmo ano foi realizado também o registro de companhia aberta da empresa na CVM.[9]

Entre 2011 e 2012, ensaiou uma fusão com a Ultrafarma, que acabou não avançando.[10][11] Em dezembro de 2015, a companhia recebeu um aporte da gestora de investimentos General Atlantic, que se torna a partir de então de sócia estratégica da Pague Menos, com 17% de participação no negócio.[12]

Em 2018, a Pague Menos fez um marco com a inauguração da maior farmácia em toda a America Latina - a loja 1000. Localizada em Fortaleza/CE, a loja possui três andares e conta com variedades no setor de dermocosméticos, além de área de café. [13]Em 2019, a Pague Menos lançou também sua primeira loja conceito, na praia de Iracema de Fortaleza, criando experiências inovadoras para os consumidores. A arquitetura e design modernos abarcam espaços diferenciados para o consumo.[14]

Em 2020, a empresa abriu capital na Bolsa de Valores de São Paulo com suas ações cotadas a R$ 8,50 no IPO, bem abaixo do esperado, mesmo assim, conseguiu captar cerca de R$ 746,9 milhões de reais.[15]

Em maio de 2021, o Grupo Pague Menos comprou a empresa Extrafarma por R$ 700 milhões. A Extrafarma fazia parte das empresas do Grupo Ultra.[16]

Programa Sempre Bem[editar | editar código-fonte]

Em 2008, lançou o programa de TV próprio Sempre Bem, na Rede TV!, com a produção de conteúdo exclusivo de saúde, beleza e bem-estar e no ano seguinte, tornou-se a primeira rede de farmácias presente em todas as capitais estaduais do país. O programa já passou também por emissoras como a Bandeirantes e atualmente é parte da grade de programação do SBT, sendo exibido todos os domingos as 8h15 da manhã.[carece de fontes?]

Referências

  1. a b Redação (9 de janeiro de 2016). «Deusmar entrega presidência a filho Mário Queirós». Jornal O Povo OnLine. Consultado em 13 de novembro de 2016 
  2. Bruno Galvao, Bruno (17 de Setembro de 2021). «Pague Menos (PGMN3) busca posto de 2ª maior rede de farmácias com aquisição da Extrafarma». Suno. Suno. Consultado em 04 de Dezembro de 2021  |ultimo= e |autor= redundantes (ajuda); Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Central de Resultados». Pague Menos | RI. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  4. Levorato, Guilherme (2 de setembro de 2020). «Ação da Pague Menos dispara em estreia na Bolsa». Brasil 247. Consultado em 15 de setembro de 2020 
  5. Comunicação, Advance. «Quem Somos». institucional.paguemenos.com.br. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  6. «Linha do Tempo». Pague Menos | RI. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  7. «Circuito de Corridas Pague Menos movimentou Salvador neste domingo - Notícias - Galáticos Online». www.galaticosonline.com. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  8. Comunicação, Advance. «Quem Somos». institucional.paguemenos.com.br. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  9. «Linha do Tempo». Pague Menos | RI. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  10. «Divórcio ameaça fusão de farmácias - Economia». Estadão. Consultado em 15 de setembro de 2020 
  11. «Ultrafarma e Pague Menos em processo de fusão». Consultado em 15 de setembro de 2020 
  12. «Pague Menos Pharmacies Announces Strategic Growth Investment from General Atlantic[:pt]FARMÁCIAS PAGUE MENOS ANUNCIAM INVESTIMENTO ESTRATÉGICO PELA GENERAL ATLANTIC». General Atlantic (em inglês). Consultado em 15 de setembro de 2020 
  13. «Pague Menos inaugura a maior farmácia das Américas». Guia da Farmácia. 12 de março de 2019. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  14. Comunicação, Advance. «PAGUE MENOS INAUGURA LOJA COM ARQUITETURA FOCADA NO CONCEITO VIVA PLENAMENTE». institucional.paguemenos.com.br. Consultado em 4 de dezembro de 2021 
  15. Redação (31 de agosto de 2020). «Pague Menos precifica IPO a R$ 8,50 por ação, bem abaixo de faixa indicativa». Forbes Brasil. Consultado em 15 de setembro de 2020 
  16. Ultrapar confirma a venda da Extrafarma para a Pague Menos; entenda o que muda para as companhias Seu Dinheiro

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.