Lista de empresas envolvidas na Operação Lava Jato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção é sobre um evento atual. A informação apresentada pode mudar rapidamente.
Editado pela última vez em 21 de agosto de 2017.

Estas são as principais empresas envolvidas na Operação Lava Jato.

Estatais[editar | editar código-fonte]

Refinarias[editar | editar código-fonte]

Construtoras[editar | editar código-fonte]

Empresas de fachada[editar | editar código-fonte]

Empresas de comunicação[editar | editar código-fonte]

Outras empresas[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. A joalheira H.Stern foi investigada a partir de um desdobramento da Operação Lava Jato, do esquema comandado pelo ex-governador Sérgio Cabral.

Referências

  1. http://www1.folha.uol.com.br/especial/2014/petrolao/
  2. «BR Distribuidora é novo alvo da Operação Lava-Jato». O Globo. Globo.com. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  3. «PF pede todos os contratos da Tecnologia da Informação da BR Distribuidora». Estadão. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  4. «Transpetro registra perda de R$ 256 mi com desvios da Lava Jato». Estadão. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  5. Raphael Martins. «Como a Eletrobras virou alvo da investigação da Lava Jato». Abril. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  6. a b c d Vinicius Konchinski (1 de maio de 2016). «Obras citadas na Lava Jato ficam R$ 162 bilhões mais caras e acumulam atrasos». Uol. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  7. «Operação Lava Jato investiga corrupção em compra de Pasadena». iG. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  8. a b c d e f g «7 das 10 maiores empreiteiras tiveram executivos investigados na Lava Jato». G1. Globo.com. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  9. a b c «Operação Lava Jato: veja lista de empreiteiras envolvidas». Terra. 14 de novembro de 2014. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  10. a b c d e f g h i j k «Além da Mendes Júnior, 29 empreiteiras são investigadas na CGU e no Cade; veja». Jovem Pan. Uol. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  11. Fausto Macedo e Ricardo Brandt. «Toyo Setal rompe cartel da Petrobrás e decide cooperar». Estadão. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  12. a b Onofre, Renato (1 de julho de 2016). «Lava-Jato: PF indicia dono da GDK e mais três». O Globo. oglobo.com. Consultado em 4 de março de 2017 
  13. «Lava Jato investiga propina de R$40 mi em contratos de fornecedoras de tubos da Petrobras». UOL Notícias. 24 de maio de 2016. Consultado em 5 de março de 2017 
  14. a b «Itália investiga Techint por suspeita de envolvimento na Lava-Jato». Valor Econômico. 8 de setembro de 2015. Consultado em 5 de março de 2017 
  15. «Cade investiga cartel em licitações de edificações especiais da Petrobras no âmbito da Operação Lava Jato». CADE. 2 de dezembro de 2016. Consultado em 5 de março de 2017 
  16. «Janot oferece 3ª denúncia contra Cunha na Lava-Jato». Correio Braziliense. 10 de junho de 2016. Consultado em 5 de março de 2017 
  17. Adriana Justi, Bibiana Dionísio e Fernando Castro (15 de agosto de 2016). «Ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira e mais 13 viram réus na Lava Jato». RPC Paraná. g1.com.br. Consultado em 5 de março de 2017 
  18. «Lava-Jato: empreiteira pede recuperação judicial». O Globo. 20 de janeiro de 2016. Consultado em 5 de março de 2017 
  19. «Lava Jato: empresa fraudou documentos para evitar penhora». Terra Política. Notícias Terra. 25 de janeiro de 2015. Consultado em 5 de março de 2017 
  20. «PF indicia executivos do Grupo Tomé por propina de R$ 2,25 milhões». G1. Globo. 19 de julho de 2016. Consultado em 5 de março de 2017 
  21. Aline Pavaneli e Thais Kaniak. «Sérgio Moro explica propina de R$ 18 milhões para a WTorre em licitação». G1. Globo.com. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  22. Fausto Macedo, Mateus Coutinho e Ricardo Brandt (19 de setembro de 2014). «Contadora revela como operava fábrica de contratos fictícios de doleiro». Estadão. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  23. Julia Affonso, Ricardo Brandt e Fausto Macedo. «Empreiteira pagou R$ 80 milhões à consultoria de lobista». Estadão. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  24. a b MARIANA SANCHES E GERMANO OLIVEIRA. «Laboratório sob suspeita pagou R$ 7,8 milhões por consultoria do ex-ministro José Dirceu». O Globo. Globo.com. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  25. Ricardo Gozzi. «Dono do Diário do Grande ABC recebeu R$ 6 milhões do Schahin, diz PF». Valor Econômico. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  26. «27ª fase da Lava Jato investiga jornal Diário do Grande ABC». Uol. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  27. Mateus Coutinho e Ricardo Brandt (9 de novembro de 2015). «Diretor de TV de Alagoas repassou R$ 1 mi de 'empréstimo' para Collor, diz ex-ministro». Estadão. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  28. «Alstom vai pagar R$ 60 milhões para se livrar de processo». O Globo. Globo.com. 22 de dezembro de 2015. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  29. «Presidente da Eletronuclear recebeu R$ 4,5 milhões em propina, diz MPF». G1. Globo.com. 28 de julho de 2015. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  30. «Quem é o bilionário André Esteves, preso na Operação Lava-Jato». Zero Hora. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  31. Gisele Mendes. «Eldorado Brasil é investigada em nova fase da Operação Lava Jato». Hoje em dia. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  32. «Joalheria H.Stern fecha acordo de delação premiada no caso Cabral». Uol. Consultado em 6 de abril de 2017 
  33. «Executivos da H.Stern fecham acordo de delação em processo de Cabral». Folha de S.Paulo. Uol. Consultado em 6 de abril de 2017 
  34. Fernando Castro (14 de fevereiro de 2016). «Empresa investigada na Lava Jato tinha 'estoque de offshores'». G1. Globo.com. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  35. Erick Gimenes, José Vianna e Alana Fonseca. «Polícia Federal indicia cinco pessoas ligadas à empresa Mossack Fonseca». G1. Globo.com. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  36. Julia Affonso, Ricardo Brandt e Fausto Macedo (18 de julho de 2016). «PF indicia dono da Jaraguá por propina de R$ 1,9 mi via Youssef». Estadão. Consultado em 29 de dezembro de 2016 
  37. «Lava Jato: Rolls-Royce firma acordo com MPF e pagará R$ 81,1 milhões à Petrobras». iG. 17 de janeiro de 2017. Consultado em 18 de janeiro de 2017 
  38. Thiago Resende (27 de novembro de 2014). «CPI: Sócio da Sanko-Sider admite que pagou R$ 33 mi a Youssef». Valor Econômico. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  39. Eduardo Bresciani (27 de novembro de 2014). «Petrobras recebeu acusação contra empresa investigada na Lava-Jato em 2005». O Globo. Globo.com. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  40. Alana Rizo. «Lava Jato descobre que a estatal Sete Brasil foi criada para ajudar na corrupção». Época. Globo.com. Consultado em 14 de janeiro de 2017