Circe (DC Comics)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde julho de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Circe
Placeholder male superhero c.png

Dados da publicação
Publicado por DC Comics
Primeira aparição Histórico: "Mulher Maravilha Vol. 1 #37 (Set/Out 1949)

#8 (Dez. de 1941)

Características do personagem
Alter ego Circe
Espécie Feiticeira-Deusa
Terra natal Eana (Litoral da Itália)
Afiliações Gangue da Injustiça
Ocupação Atormentar a Vida dos outros
Inimigos Os Principais:
Habilidades Poderes Divinos
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Circe é uma Feiticeira-Deusa do Universo DC, ela é a maior inimiga da Mulher Maravilha e também de todas as Amazonas, Circe é responsável pelas sagas, A Guerra dos Deuses e o Ataque das Amazonas.

História[editar | editar código-fonte]

Filha do deus Hiperião com a oceânide Perseia, ela era a famosa feiticeira que transformava homens em animais na ilha de Aeaea. Com Odisseu teve 3 filhos: Ágrio, Latino, e Telêgono. Sempre uma fiel devota da deusa Hécate, Circe ganhou os poderes dela após a deusa ter desistido do Olimpo, dadas suas humilhações perante seu ex-marido Hades, que havia tomado Perséfone. Circe ficou com o poder de Hécate e sua imortalidade, e a deusa desapareceu.

Mulher-Maravilha[editar | editar código-fonte]

O surgimento da Princesa das Amazonas abalou Circe, que temia uma profecia lançada por Hécate: "Sob a morte da bruxa e o nascimento da bruxa, Hécate, por nome e escolha, irá repossuir sua alma". Acontece que Hécate fazia parte do trio de deusas lunares juntamente com a deusa Diana (Ártemis) e a titânide Selene; Circe achou que a Mulher-Maravilha, por ter o nome de Diana, poderia tomar-lhe o poder. Desde então decidiu perseguir a heroína, atrapalhando e atormentando a vida dela.

Guerra dos Deuses[editar | editar código-fonte]

Circe é responsável pela saga a Guerra dos Deuses. É neste cenário que Circe, maior inimiga da Princesa Diana, concebe um plano engenhoso: jogar, uns contra os outros, deuses gregos e romanos, de modo a destruir o Olimpo, o que a possibilitaria libertar sua mentora Hécate e destruir a Terra.

Liga da Justiça - Sem Limites[editar | editar código-fonte]

Seguindo as pistas informadas pelo Caçador de Marte, a fim de derrotar a Inter Gangue, eles se deparam com uma ladra comum, mas a ladra não é o que eles pensam. Ela se é na verdade Circe. Mulher Maravilha e Batman tentam detê-la mas Circe, com seus poderes superiores logo os derrotam, transformando então a Mulher Maravilha em porca. Enquanto Mulher Maravilha vive essa terrível maldição, Batman vai atrás de Zatanna para então tentar reverter o feitiço, porém Zatanna explica que seus poderes são inúteis contra a Deusa da Magia.Batman então decide procurar Medusa, a amiga de Circe.

Poderes[editar | editar código-fonte]

Circe é uma Feiticeira-Deusa da Magia, e como tal, é imortal.Ela é capaz de transformar a realidade e de matéria através de feitiços. Entre outras coisas, ela pode alterar as mentes, o fogo destrutivo, explosões de energia mágica, criar ilusões, ressuscitar os mortos (como ela fez com a Medusa & Hipólita), teletransporte, e transformar objetos em seres. Seu movimento "assinatura" está em transformar os homens em vários animais.

Circe também possui um espelho mágico, muitas vezes referido como o espelho da Circe, que permite que qualquer pessoa segurando-o para alterar as suas características para a de outro. É considerado um objeto proibido pelos deuses do Olimpo.

Ícone de esboço Este artigo sobre Banda desenhada da DC Comics é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.