Guardiões do Universo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Guardiões do Universo
Comic image missing-pt.png
Publicado por DC Comics
Primeira Aparição Green Lantern vol. 2 #1 (Julio de 1960)
Criados por John Broome (roteirista)
Gil Kane (desenhista)
Localização Oa
Principais Representantes Ganthet, Lianna, Sayd, Scar
Habilidades inteligência sobre-humana, manipiulação de energia, immortalidade, telepatia, Telecinésia


Os Guardiões do Universo são uma raça ficcional extraterrestre no Universo da DC Comics . A sua primeira aparição foi em Lanterna Verde Vol. 2 #1 , eles foram criados por John Broome e Gil Kane.

Dentro das histórias Lanterna Verde, os Guardiões do Universo são os imortais fundadores e líderes da Tropa dos Lanternas Verdes, que administram da sua terra natal Oa no centro do universo.[1] , eles têm uma aparência de idosos, pequenos e de pele azul com cabeças grandes e cabelos brancos.

Origem[editar | editar código-fonte]

Desde os primórdios dos tempos, uma raça vivia calmamente em Maltus. Os Maltusianos eram um povo altamente avançado em tecnologia, medicina, filosofia, e poderes mentais. Entretanto, um desses habitantes, Krona, queria descobrir os segredos da própria criação do Universo. Construindo uma máquina capaz do feito, ele observou a criação. Ele observou por seu portal uma palma gigantesca com um caldo de estrelas na mão, quando a máquina explodiu. Esta tolice custou caro a toda a existência. Devido a esse ato, fora criado o Universo de Antimatéria. A mera existência disso liberou uma onda de mal que corrompeu milhares de mundos. Sentindo-se culpados pela catástrofe, os Maltusianos procuraram meios de acabar com este mal. Uma parte dos Maltusianos afirmava que o mal devia ser destruído, e se retiraram para outra dimensão, e tornaram-se os Controladores. A parte restante dos Maltusianos foram os Guardiões do Universo, que migraram então para o planeta Oa. A princípio, para ajudar a proteger o universo, eles engendraram uma raça chamada Psíons. Estes se rebelaram. A seguir, os Guardiões criaram os andróides Caçadores Cósmicos, que tiveram um destino parecido. Para impedir que a ordem se perdesse e que o universo entrasse em puro caos, os Guardiões do Universo dividiram todo o universo em 3600 setores, e para cada um deles, foi criado um anel que permitia fazer praticamente qualquer coisa que o usuário desejasse. Cada anel seria entregue aos seres mais honestos, mais destemidos e de maior força de vontade (a qual ativava os poderes do anel). Esses seres passaram a ser conhecidos como Lanternas Verdes. Séculos e séculos se passaram, mas a Tropa dos Lanternas Verdes sempre serviu aos seus mestres e cumpriu seu objetivo, proteger todas as galáxias.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Finkelshteyn, Leah (Junho/Julho 2003), Thwak! To Our Enemies, 84 (10 ed.), Hadassah magazine, http://www.hadassah.org/news/content/per_hadassah/archive/2003/03_JUN/art.htm 
Ícone de esboço Este artigo sobre Banda desenhada da DC Comics é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.