Nuclear (DC Comics)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuclear
Placeholder male superhero c.png

Dados da publicação
Publicado por DC Comics
Primeira aparição Raymond/Stein:
Firestorm (vol. 1) #1 (1978)
Stein como Nuclear:

Firestorm (vol. 2) #100 (1990)
Criado por Gerry Conway (escritor)
Allen Milgrom (artista)
Características do personagem
Alter ego Ronald "Ronnie" Raymond
Professor Martin Stein
Afiliações Liga da Justiça
Tropa dos Lanternas Negros
Habilidades Raymond:
  • Capacidade para reorganizar a estrutura atômica e molecular da matéria;
  • Pode alterar a densidade de objetos, incluindo o seu próprio corpo, e torná-los intangíveis;
  • Pode projetar rajadas de energia nuclear;
  • Voo;
  • Pode absorver força explosiva e radiação para dentro do corpo.

Stein:

  • Elemento fogo;
  • Vôo;
  • Projeção de energia.
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Nuclear (Firestorm no original, e conhecido como Tempestade na tradução brasileira da série animada Superamigos) é um personagem de quadrinhos da DC Comics. Criado por Gerry Conway e Allen Milgrom, ele estreou em Firestorm #1 (Maio 1978). O Nuclear original era distinto pela dupla identidade integrada. O estudante de escola secundária Ronald Raymond e o Premio Nobel de física Martin Stein foram pegos em um acidente nuclear que lhes permitiu fundir no "homem nuclear" Firestorm. Devido a Martin Stein estar inconsciente durante o acidente, Raymond era proeminente sobre a forma de Firestorm com Martin Stein como uma voz de razão dentro da mente dele. Brincadeira entre os dois era um carimbo oficial das aventuras. Firestorm possui grandes poderes, inclusive voo, força sobre-humana e controle sobre a matéria (ou seja, ele podia transformar um tipo de substância, composto ou elemento em outro tipo de substância, composto ou elemento).

Elemental do fogo[editar | editar código-fonte]

Em 1986, Conway abruptamente deixou a série, e John Ostrander (com artista Joe Brozowski) assumiu as rédeas. Ostrander, um escritor mais conscientizado politicamente, buscou fazer Firestorm mais pertinente para o mundo. O primeiro arco de história principal dele jogou Firestorm contra o mundo, como o herói (agindo em uma sugestão de um terminalmente doente Prof. Martin Stein) exigiu que os EUA e a União Soviética destruíssem todas as armas nucleares. Depois de lutas com a Liga da Justiça e a maioria dos inimigos dele, Firestorm enfrentou um homem nuclear russo (Pozhar) no deserto de Nevada onde ambos tiveram uma bomba atômica atirada neles.

Quando a fumaça clareou, um Firestorm novo foi criado, composto de Raymond e o russo, Mikhail Denisovitch Arkadin (o superheroi russo Pozhar), mas controlado pela mente amnésica e desincorporada de Prof. Martin Stein. As histórias que caracterizam esta versão do herói eram altamente políticas, com bastante ação acontecendo na Moscou de Mikhail Gorbachev.

O Firestorm Raymond/Arkadin provou ser uma fase transitória, como em 1989, o escritor John Ostrander mudou fundamentalmente o caráter de Firestorm revelando que aquele Firestorm era um "Elemental do Fogo." Levando a sugestão do Monstro do Pântano de Alan Moore (um elemental planta), Firestorm tornou-se agora um cruzado ambiental, formado de Raymond, Arkadin, e um clone soviético do Firestorm prévio, mas com uma mente nova. O Prof. Martin Stein, já não fazendo parte da combinação, continuou fazendo um papel, mas o foco nisto tinha um caráter radicalmente diferente. O novo artista Tom Mandrake criaria um novo visual para emparelhar. Era durante esta fase que Firestorm se encontrou e ajudou Shango (Xangô) e os Orixás, os deuses elementares de África. Ele também conheceu a deidade principal deles e o irmão mais velho de Shango, Obatala deus do Pano Branco. Esta também era a situação na qual a entidade de Shadowstorm apareceu primeiro.

Depois disso[editar | editar código-fonte]

Porém, faltou vapor às séries onde Martin Stein se tornou o verdadeiro fogo elementar. Raymond e Arkadin foram devolvidos às suas velhas vidas, e Martin Stein, agora Nuclear, foi exilado acidentalmente no espaço no processo de salvar a Terra, onde passou muitos anos viajando como um errante. Após isso, voltou à Terra em duas ocasiões: o evento crossover Guerra dos Deuses, e em Extreme Justice #5, onde curou Raymond de sua leucemia e o permitiu reter a personalidade do Nuclear original.

Todos os personagens principais das séries desapareceram dos quadrinhos durante algum tempo depois do cancelamento do Nuclear após a transição para o Firestorm elementar, em 1990. Raymond eventualmente voltou nas páginas da subsidiária da Liga da Justiça, Justiça Extrema. Raymond, que na ocasião estava sofrendo tratamento para leucemia, recuperou seus poderes originais após uma sessão de quimioterapia. Foi preciso os poderes combinados do Capitão Átomo e do Nuclear elementar para restabelecer a saúde de Ronald. Nuclear começou a aparecer regularmente em vários títulos de DC, demonstrando, nesta época, falta do conhecimento necessário para usar suas habilidades. Participou de vários crossovers e, em 2002, voltou a ativa com a Liga de Justiça. Apareceu brevemente também no grupo de heróis-de-aluguel de Kurt Busiek, "The Power Company".

O novo Nuclear[editar | editar código-fonte]

Recentemente, durante os eventos de Crise de Identidade Raymond foi atravessado por uma espada mágica e explodiu. A "energia" resultante se fundiu a um jovem chamado Jason Rusch, que se tornava o novo Nuclear ao se fundir com qualquer pessoa. Ronnie Raymond (embora somente como um "espírito" dentro do Nuclear), Mikhail Arkadin, Martin Stein (que mais tarde se tornou novamente parte permanente do Nuclear) e muitos outros coadjuvantes reapareceram.

Poderes[editar | editar código-fonte]

Nuclear possui grandes poderes, inclusive voo, força sobre-humana e controle sobre a matéria (capacidade de transmutar substâncias, compostos ou elementos em outros). Pode alterar a densidade de objetos, incluindo seu próprio corpo, e os fazer intangíveis; pode projetar rajadas de energia, e pode absorver força explosiva e radiação. Como elemental do fogo, estes poderes eram até maiores, além de outros poderes baseado em fogo.

O novo Nuclear tem os mesmos poderes do original, com o diferencial de poder afetar matéria orgânica e seres vivos.

Outras mídias[editar | editar código-fonte]

  • É conhecido como Tempestade na tradução brasileira da série animada Superamigos.[1] Nesta época, foi um dos últimos personagens a ser apresentado, seguido por Ciborgue.
  • Aparece também na série animada Batman: Os Bravos e Destemidos e, na dublagem brasileira, é chamado de Tempestade de Fogo.
  • Aparecerá em The Flash como Nuclear.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Banda desenhada da DC Comics é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.