Pedro da Esperança

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pedro da Esperança
Informação geral
Nascimento 1598
País borde Reino de Portugal (atual  Portugal)
Data de morte 1660
Ocupação(ões) Compositor, organista e professor.

D. Pedro da Esperança (c. 1598Coimbra, 24 de junho de 1660) foi um compositor e organista português do Barroco.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Mosteiro de Santa Cruz

Pedro da Esperança nasceu por volta de 1598. Foi religioso da Ordem dos Cónegos Regrantes de Santo Agostinho no Mosteiro de São Vicente de Fora em Lisboa. Foi, contudo, um monge indisciplinado registando-se várias tentativas de fuga do mosteiro, a primeira com cerca de dezanove anos que fez com que fosse castigado por cinco anos. Em 1627 foi transferido para o Mosteiro de Santa Cruz em Coimbra, pertencente à mesma ordem, tornando-se um elemento indispensável para a atividade musical da comunidade como compositor e organista. Morreu a 24 de junho de 1660 em Coimbra.[1]

Obra[editar | editar código-fonte]

A obra que dele subsiste é preservada atualmente na Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra. Embora tenha composto também uma missa para a Quaresma, este compositor crúzio é conhecido sobretudo pelos seus quatro responsórios para as matinas do Natal para vozes e instrumentos.[1][2]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Fernandes, Cristina (2013). «Il Seicento em Santa Cruz (Programa)» (pdf) 
  2. Coro da Universidade de Lisboa. «Esperança, D. Pedro da (1598-1660)». Para Saber Mais - Biografias. Consultado em 16 de janeiro de 2015