Apometria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A apometria (apo- do gr. "além de" e -metron "medida") é um conjunto de práticas com objetivo de cura. Também chamada pelos seus praticantes de prática terapêutica alternativa, de natureza espiritualista e, segundo eles consiste na projeção da consciência e faz ser possível o transporte de uma parte do corpo do paciente para um mundo astral, onde médicos desencarnados realizam o tratamento. Tal prática não foi comprovada pelo método científico, consistindo em uma pseudociência.[1][2]

Essa prática assistencial foi introduzida no Brasil pelo farmacêutico porto-riquenho, Luiz Rodrigues, que a chamava de Hipnometria, e utilizava técnicas próprias para obter o suposto desdobramento anímico controlado. Na década de 1960, foi sistematizada pelo médico-cirurgião geral e ginecologista José Lacerda de Azevedo (1919-1997), no Hospital Espírita de Porto Alegre, que lhe trocou o nome para apometria.[3]

Referências

  1. Reis, Widson. «A Pseudociência nas Universidades Brasileiras». Livre Pensamento. Consultado em 21 de junho de 2018 
  2. Greenfield, SM. (março de 1992). «Spirits and spiritist therapy in southern Brazil: a case study of an innovative, syncretic healing group.». Culture, Medicine and Psychiatry (em inglês). PMID 1311228. doi:10.1007/BF00054438. Consultado em 20 de dezembro de 2018 
  3. «Apometria é a medicina da alma». SEGS. 25 de maio de 2016. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.