Copas estaduais de futebol do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

As copas estaduais de futebol do Brasil são torneios realizados em algumas unidades federativas do Brasil com o intuito de definir os representantes de cada estado para a Copa do Brasil e/ou Campeonato Brasileiro - Série D do ano seguinte (geralmente o regulamento indica que o campeão tem prioridade de escolha). Outro viés da disputa é que possilita deixar as equipes do interior em atividades enquanto os grandes estão em disputa em determinadas competições nacionais. Parte do calendário oficial de temporada das federações, as copas estaduais geralmente são jogadas no segundo semestre, após e isoladamente em relação ao campeonato estadual, possibilitando o duelo entre clubes de diferentes divisões.

Em disputa[editar | editar código-fonte]

Disputada atualmente como turno[editar | editar código-fonte]

  • Rio Grande do Norte Copa RN (segundo turno do campeonato estadual)

Extintas ou sem disputa[editar | editar código-fonte]

Recopas[editar | editar código-fonte]

Tira-teima no ano seguinte entre os campeões do Estadual e da Copa.


Regionais[editar | editar código-fonte]

Em alguns momentos a competição era dividida em torneios que habilitavam a participação na fase final com duelos regionais dentro do estado.


  • (2) Os 3 campeões das regiões do RS se juntavam com o vencedor da Copa FGF. A Supercopa, como as disputas regionais, estão fora de disputa.
  • (3) A separação regional deixou de ser usada.

Observações[editar | editar código-fonte]

  • Alagoas: de 2005 até 2007 foi disputada como 2º turno do Campeonato Alagoano e a partir de 2008 foi abandonada. Já entre os anos de 2014 e 2015, a competição foi retomada, mas dessa vez foi disputada como 1º turno do Campeonato Alagoano; para a temporada de 2016 foi novamente abandonada. A partir de 2020, tornou-se pela primeira vez um torneio separado do Campeonato Alagoano.
  • Bahia: a princípio, era disputada a Taça Estado da Bahia, em seguida denominada Copa Governador do Estado.
  • Maranhão: o nome já mudou algumas vezes: Taça Cidade de São Luís, Copa União, Copa São Luís e atualmente Copa FMF.
  • Copa Paraíba: a primeira edição foi disputada em 1973, tendo o torneio retornado apenas em 2006.
  • Rio Grande do Sul: a Copa Governador do Estado foi precursora. A partir de 2017, contando com fase de grupos.
  • Rio Grande do Norte: de 2004 até 2007 disputou-se a Copa RN, que depois foi incorporada ao Campeonato Potiguar

Maiores campeões[editar | editar código-fonte]

Atualizado em maio de 2021

Campeonato Primeira
Disputa
Última
Disputa
Time Títulos
Alagoas Copa Alagoas 2005 2021 ASA 3
Amazonas Copa Amazonas 2015 2015 Fast Clube 1
Bahia Copa Governador do Estado da Bahia 1998 2016 Vitória da Conquista 5
Ceará Copa Fares Lopes 2010 2020 Ferroviário
Guarani de Juazeiro
Horizonte
2
Espírito Santo (estado) Copa Espírito Santo 2003 2019 Real Noroeste 4
Maranhão Copa FMF 1967 2019 Maranhão 12
Mato Grosso Copa FMF 2004 2019 Luverdense 4
Mato Grosso do Sul Copa MS 2010 2010 CENE 1
Minas Gerais Taça Minas Gerais 1973 2012 Atlético
Cruzeiro
5
Paraíba Copa Paraíba 1973 2012 Campinense 2
Paraná Taça FPF 1998 2019 Athletico
Maringá
2
Pernambuco Copa Pernambuco 1994 2019 Santa Cruz 5
Piauí Copa Piauí 2006 2017 Flamengo 4
Rio de Janeiro Copa Rio 1991 2019 Volta Redonda 4
Rio Grande do Norte Copa RN 2004 2021 ABC 9
Rio Grande do Sul Copa FGF 1970 2020 Internacional 5
Santa Catarina Copa Santa Catarina 1990 2020 Brusque
Joinville
5
São Paulo Copa Paulista 1987 2020 Paulista 3
Sergipe Copa Governo do Estado de Sergipe 2003 2014 Confiança 4
Tocantins Copa Tocantins 1993 1998 Kaburé 3

Atuais campeões[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]