Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings
Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis (PRT/BRA)
Pôster oficial.
 Estados Unidos
2021 •  cor •  
Direção Destin Daniel Cretton
Produção Kevin Feige
Jonathan Schwartz
Roteiro David Callaham
Destin Daniel Cretton
Andrew Lanham
Baseado em Shang-Chi
de Steven Englehart
Jim Starlin
Elenco Simu Liu
Awkwafina
Tony Leung
Michelle Yeoh
Fala Chen
Meng'er Zhang
Florian Munteanu
Ronny Chieng
Cinematografia Bill Pope
Edição Nat Sanders
Elísabet Ronaldsdóttir
Harry Yoon
Companhia(s) produtora(s) Marvel Studios
Distribuição Walt Disney Studios Motion Pictures
Lançamento Brasil 02 de setembro de 2021
Estados Unidos 03 de setembro de 2021
Idioma inglês
Site oficial

Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings (bra/prt: Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis)[1][2] é um futuro filme estadunidense de super-herói baseado no personagem Shang-Chi da Marvel Comics.[3] Produzido pelo Marvel Studios e distribuído pela Walt Disney Studios Motion Pictures, será o vigésimo quinto filme do Universo Cinematográfico Marvel.[4][5][6] O filme foi escrito e dirigido por Destin Daniel Cretton, com David Callaham e Andrew Lanham também contribuindo para o roteiro, e estrelado por Simu Liu como Shang-Chi, ao lado de Awkwafina, Tony Leung, Michelle Yeoh, Fala Chen, Meng'er Zhang, Florian Munteanu e Ronny Chieng. No filme, Shang-Chi é forçado a confrontar seu passado após ser atraído para a organização Dez Anéis.

Um filme baseado em Shang-Chi está em desenvolvimento desde 2001, mas o projeto não iria avançar até 2018 com a contratação do roteirista David Callaham. O diretor Destin Daniel Cretton se juntou a produção em março de 2019, com o projeto acelerado para ser o primeiro filme da Marvel com um protagonista asiático. O título do filme e o elenco principal foram anunciados em julho, revelando a conexão do filme com o Mandarim (Leung) e sua organização Dez Anéis, que aparecem em todo o Universo Cinematográfico Marvel. As filmagens começaram em fevereiro de 2020, mas foram suspensas em março devido à pandemia COVID-19. A produção foi retomada em agosto antes de terminar em outubro. As filmagens ocorreram em Sydney e em São Francisco.

Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings está programado para ser lançado nos Estados Unidos em 03 de setembro de 2021, como parte da Fase Quatro do UCM.[7]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Quando Shang-Chi é atraído para a organização clandestina Dez Anéis, ele é forçado a confrontar o passado que pensava ter deixado para trás.[8]

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Simu Liu como Shang-Chi:
    Um habilidoso artista marcial que foi treinado pela organização Dez Anéiss para ser um assassino desde a infância e que tentou criar uma vida normal em San Francisco.[9][10][11] O diretor Destin Daniel Cretton descreveu Shang-Chi como "uma criança fora de seu elemento e um peixe fora d'água aqui nos EUA, e ele está encobrindo isso com esse carisma que considero muito identificável". Como Shang-Chi não usa máscara, Liu aprendeu e realizou muitas de suas cenas sem dublês.[11] Liu acreditava que as lutas de Shang-Chi com a identidade eram o "núcleo" do personagem, oposto às suas habilidades nas artes marciais. Para o papel, Liu adicionou 10 libras (4,5 kg) de músculo e passou um tempo trabalhando em sua flexibilidade para realizar as várias acrobacias das artes marciais.[12]
  • Awkwafina como Katy:
    Uma manobrista de hotel e amiga íntima de Shang-Chi que não conhece seu passado.[11][13] Awkwafina descreveu sua personagem como identificável[14] e com "um verdadeiro coração" e dedicação a Shang-Chi,[11] dizendo "ela é lançada em um mundo onde ela realmente não sabe o que fazer. Ao mesmo tempo, ela está descobrindo coisas sobre si mesma".[15]
  • Tony Leung como Wenwu / Mandarim:
    Pai de Shang-Chi e líder da organização terrorista Dez Anéis,[10] que é uma figura poderosa e antiga.[11] Wenwu é um personagem original do Universo Cinematográfico Marvel, que assumiu muitos nomes diferentes, incluindo o Mandarim. O produtor Jonathan Schwartz disse que "o Mandarim" vem com expectativas, "muito específicas" do público, e sentiu que ter Wenwu como o Mandarim combinaria com isso e criaria "uma visão mais complexa e em camadas do personagem".[11] O Mandarim substitui o pai de Shang-Chi nos quadrinhos, Fu Manchu, um "personagem problemático" associado a estereótipos racistas aos quais a Marvel Studios não detém os direitos cinematográficos. O diretor Destin Daniel Cretton disse que também havia aspectos problemáticos no retrato dos quadrinhos do Mandarim que ele queria mudar, dizendo que Leung trouxe "uma humanidade" necessária ao personagem que não se encaixaria nos estereótipos asiáticos[16] e evitou fazer de Wenwu "um vilão unidimensional sem coração" por permitir que o personagem tenha "uma profunda capacidade de amar".[11]
  • Michelle Yeoh como Jiang Nan.[17] Yeoh anteriormente interpretou Aleta Ogord no filme Guardians of the Galaxy Vol. 2 (2017).[18]
  • Fala Chen como Jiang Li.[17]
  • Meng'er Zhang como Xialing: Irmã afastada de Shang-Chi e filha de Wenwu.[17][10][19]
  • Florian Munteanu como William Young / Razor Fist: Um habilidoso artista marcial e mercenário contratado para assassinar Shang-Chi.[17][19]
  • Ronny Chieng como Jon Jon: Um amigo de Shang-Chi.[17][20][21]

Também aparecem no filme, Dallas Liu, em um papel não revelado,[22] Zach Cherry, depois de aparecer como um vendedor ambulante em Homem-Aranha: De Volta ao Lar (2017)[23] e o personagem Death Dealer.[24]

Produção[editar | editar código-fonte]

O ator Simu Liu falando sobre o filme na San Diego Comic-Con International 2019.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

De acordo com Margaret Loesch, ex-presidente e CEO da Marvel Productions, Stan Lee discutiu um potencial filme de Shang-Chi ou uma série de televisão com o ator Brandon Lee e sua mãe, Linda Lee, nos anos 80, com a intenção de ter Brandon como personagem-título.[25] O pai de Brandon, a lenda das artes marciais, Bruce Lee, foi a inspiração visual do artista, Paul Gulacy, ao desenhar Shang-Chi em seus anos de posse na série de quadrinhos Master of Kung Fu, na década de 1970.[26] Em 2001, Stephen Norrington, anunciou que tinha intenção de dirigir um filme do personagem, intitulado The Hands of Shang-Chi.[27] Em 2003, o filme estava em desenvolvimento pela DreamWorks Pictures, com Yuen Woo-Ping substituindo Norrington como diretor e Bruce C. McKenna contratado para escrever o roteiro.[28] Ang Lee ingressou no projeto como produtor em 2004, mas o projeto acabou não indo para frente e, após isso, os direitos do personagem voltaram para a Marvel.[29] Em setembro de 2005, o presidente e CEO da Marvel, Avi Arad, anunciou Shang-Chi como uma das dez propriedades que estavam sendo desenvolvidas como filme pelo recém-formado estúdio, Marvel Studios,[30] depois que a recém-adquirida empresa recebeu financiamento para produzir a lista de dez filmes que seriam lançados e distribuídos pela Paramount Pictures.[31]

De acordo com Chris Fenton, ex-presidente da produtora de filmes chinesa DMG Entertainment, que estava em negociações com a Marvel Studios para co-produzir seus filmes, a Marvel se ofereceu para criar um teaser com Shang-Chi ou Mandarin para o mercado chinês que seria apresentado no final de The Avengers (2012). A DMG recusou a oferta, uma vez que o retrato estereotipado negativo do Mandarim nos quadrinhos poderia potencialmente impedir o lançamento do filme na China e o risco de fechar a DMG como empresa. O mandarim acabaria aparecendo no filme, co-produzido pela DMG, Homem de Ferro 3 (2013) retratado por Ben Kingsley, mas ele se revelou como o impostor Trevor Slattery posando como o Mandarim.[32]

Em dezembro de 2018, a Marvel acelerou o desenvolvimento de um filme de Shang-Chi com a intenção de torná-lo seu primeiro filme com liderança asiática. A Marvel contratou o escritor chinês-americano, David Callaham, para escrever o roteiro e começou a ficar de olho em cineastas asiáticos e asiático-americanos para potencialmente dirigir o filme. O objetivo do estúdio era explorar "temas asiáticos e asiático-americanos, criados por cineastas asiáticos e asiático-americanos", igual haviam feito com a cultura africana e afro-americana com Pantera Negra no início de 2018.[33] O desenvolvimento do filme também veio após o sucesso do filme Podres de Ricos, também lançado no início de 2018, o que levou a várias outras propriedades asiáticas a serem desenvolvidas pelos estúdios de Hollywood.[34] O roteiro de Callaham deveria modernizar elementos da história em quadrinhos do personagem, que foi escrita pela primeira vez na década de 1970, para evitar o que o público moderno considerasse como estereótipos negativos.[33] Richard Newby, do The Hollywood Reporter, disse que o filme poderia "estourar de maneira semelhante à Pantera Negra", trazendo uma nova perspectiva ao personagem. Newby achava que Shang-Chi poderia ter funcionado bem como uma série de televisão da Marvel, e disse que isso "fala muito" sobre os planos da Marvel de fazer um longa-metragem sobre o personagem. Newby concluiu que o filme é uma oportunidade para evitar estereótipos sobre artistas marciais asiáticos e ser "mais que um Bruce Lee da Marvel".[35] O personagem sempre fez parte da lista dos estúdios de personagens que poderiam fazer "grandes filmes", já que a história de Shang-Chi nos quadrinhos era "uma história bem Disney", e desconhecida para a maioria do público que permitiu ser reinventada a fim de evitar os estereótipos que faziam parte dela.[12]

A Marvel contratou o cineasta nipo-americano Destin Daniel Cretton para dirigir o filme em março de 2019. Deborah Chow—que dirigiu episódios das séries Punho de Ferro e Jessica Jones—Justin Tipping, e Alan Yang também foram considerados.[36] Cretton admitiu que antes não estava interessado em dirigir um filme de super-heróis, mas foi atraído pelo projeto para ajudar a criar um mundo e um personagem que as crianças asiáticas pudessem admirar e ver a si mesmas.[11] Em abril, a Marvel Studios e o ministro das Artes da Austrália, Mitch Fifield, anunciaram que um próximo filme da Marvel, que se acredita ser Shang-Chi, seria filmado no Fox Studios Australia em Sydney e em todo o estado de Nova Gales do Sul. A produção recebeu US $ 24 milhões (US $ 18 milhões) em financiamento único do governo australiano, bem como apoio do fundo estadual de US $ 10 milhões (US $ 8 milhões) "Made in NSW". Esperava-se que a produção gerasse AU $ 150 milhões (US $ 115 milhões) para a economia australiana, além de 4700 novos empregos, além de aproveitar cerca de 1200 empresas locais.[37] Don Harwin, Ministro das Artes de Nova Gales do Sul, confirmou em julho que o filme seria Shang-Chi e revelou que seria produzido consecutivamente com Thor: Amor e Trovão (2022); a produção de Shang-Chi estava programada para ser concluída antes do início do trabalho de Amor e Trovão no final de 2020.[38]

Pré-produção[editar | editar código-fonte]

Em meados de julho de 2019, a Marvel começou a testar atores na casa dos 20 anos para o papel de Shang-Chi,[39] incluindo Lewis Tan e Simu Liu;[9][40] Tan já havia interpretado Zhou Cheng em Iron Fist.[40] O estúdio foi inflexível para que os atores fossem de ascendência chinesa para fazer o teste para o personagem.[39] Liu fez o teste para o papel no dia 14 de julho e foi oficialmente escalado no dia 16 de julho. Foi anunciado pelo diretor Cretton e pelo produtor Kevin Feige no painel da Marvel Studios na San Diego Comic-Con International 2019, em 20 de julho, onde o título completo do filme foi anunciado como Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings. Feige relembrou que a organização dos Dez Anéis apareceu em todo o UCM desde a sua introdução no primeiro filme da franquia, Homem de Ferro (2008), e disse que seu líder, o Mandarim, seria apresentado neste filme com Tony Leung no papel. Feige também anunciou que Awkwafina apareceria no filme.[41] As filmagens deveriam começar em novembro de 2019,[42] mas Cretton disse em outubro que a produção começaria no início de 2020.[43] Em dezembro, Feige disse que o filme contaria com um elenco predominantemente asiático.[44] Um mês depois, Michelle Yeoh iniciou negociações para um papel no filme. Dessa vez foi para uma personagem diferente de Aleta Ogord que Yeoh retratou em Guardiões da Galáxia Vol. 2 (2017).[45]

Além de Callaham, Cretton e Andrew Lanham também contribuíram para o roteiro de Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings,[46] que foi descrito como "um épico arrebatador de super-heróis", com "drama familiar emocional" e "artes marciais que desafiam a gravidade". O produtor Jonathan Schwartz apontou que muito do arco de Shang-Chi dentro da Marvel Comics é um "drama familiar", que Cretton focalizou no filme para mostrar o que um "passado ... escuro e até abusivo da família" causa para uma criança. Sobre a história de fundo do personagem, Liu disse que, uma vez que a história de Shang-Chi não é universalmente conhecida como a do Batman ou a do Homem-Aranha, ela permitiu aos escritores "muita liberdade e liberdade criativa" ao criá-la. Cretton e Callaham estavam cientes de alguns dos estereótipos raciais que cercam o personagem nos quadrinhos, com Liu dizendo que todos os envolvidos eram "muito sensíveis para não permitir que ele caísse em um território estereotipado" com os personagens. Cretton acreditava que o roteiro resultante era uma "atualização realmente linda" do que começou nos quadrinhos e uma história autêntica sobre a identidade asiática. Para a ação do filme, Cretton se inspirou nos mais diversos estilos de luta devido ao personagem ser treinado em diferentes tipos de artes marciais. Isso inclui o "estilo wushu elegante, quase etéreo" de O Tigre e o Dragão (2000) e as lutas "cinéticas" dos filmes de Jackie Chan, com o coordenador supervisor de dublês, Brad Allan, encarregado de fazer os diferentes estilos parecerem consistentes. Schwartz disse que há um significado para cada estilo de luta no filme e eles ajudaram a contar a história visualmente.[11]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

A fotografia principal começou em fevereiro de 2020,[47][48] filmando no Fox Studios Australia em Sydney e em todo o estado de Nova Gales do Sul,[37] sob o título provisório de "Steamboat".[49] Bill Pope serve como diretor de fotografia do filme. Cretton escolheu Pope, porque achava que seu estilo poderia ser tanto naturalista quanto elevado, e por causa do trabalho de Pope em Matrix (1999), que Cretton acreditava ter o tom certo para um filme do UCM focado em personagens asiáticos e asiático-americanos.[43]

Em 12 de março, depois que os estúdios começaram a interromper a produção de filmes devido à pandemia de coronavírus de 2019-2020, Cretton decidiu fazer o teste de coronavírus depois de trabalhar junto de pessoas que foram potencialmente expostas ao vírus.[48][50] Essa foi uma precaução devido ao fato de Cretton ter um bebê recém-nascido, e ele se auto-isolou enquanto esperava esses resultados;[50] o teste depois deu negativo.[48] Com o auto-isolamento de Cretton, a Marvel suspendeu temporariamente a produção da primeira unidade do filme, mas pretendia que a segunda unidade e outros aspectos da produção continuassem normalmente.[50] Em 13 de março, o restante da produção do filme foi parada quando a Disney interrompeu as filmagens da maioria de seus projetos.[51] Antes da parada, Ronny Chieng se juntou ao elenco em um papel não revelado.[52] No início de abril, a Disney transferiu grande parte de sua lista de filmes da Fase Quatro, devido à pandemia de coronavírus, movendo a data de lançamento de Shang-Chi para 7 de maio de 2021.[53]

As obras de montagem dos sets do filme foram retomadas no final de julho de 2020 e, em 2 de agosto, todo o elenco e equipe de filmagem chegou para começar a filmar "nos próximos dias".[54] Todos os membros do elenco e da equipe que retornaram ao país para retomar as filmagens ficaram em quarentena por duas semanas após a chegada, de acordo com as diretrizes da Austrália.[55] Mais tarde, em agosto, Michelle Yeoh foi confirmada para aparecer no filme.[56] No mês seguinte, a data de lançamento do filme foi adiada para 09 de julho de 2021, depois que Viúva Negra foi alterado para maio de 2021.[57] Em outubro, as filmagens foram transferidas para São Francisco, sob o título provisório de "Steamboat".[58] Os locais de filmagem incluíram os bairros Russian Hill, Noe Valley e Nob Hill, bem como Fisherman's Wharf.[59] As filmagens terminaram em 24 de outubro de 2020.[60] As filmagens também ocorreram em Los Angeles.[42]

Pós-produção[editar | editar código-fonte]

A edição do filme ficará por conta de Nat Sanders e Elísabet Ronaldsdóttir,[61] ao lado de Harry Yoon.[62] Em dezembro de 2020, a Marvel revelou que Awkwafina interpreta Katy, amiga de Shang-Chi, e que Yeoh foi escalada como Jian Nan e Chieng como Jon Jon. Além disso, eles anunciaram Fala Chen como Jiang Li, Meng’er Zhang como Xialing e Florian Munteanu como Punho de Navalha;[63] Munteanu foi escalado depois que a Marvel Studios ficou impressionada com seu papel em Creed II (2018).[64] Em março de 2021, a data de lançamento do filme foi adiada mais uma vez para 3 de setembro de 2021, quando Viúva Negra foi alterada para a data de julho de 2021,[65] e Dallas Liu foi revelado para aparecer.[22]

Marketing[editar | editar código-fonte]

Em 19 de abril de 2021, aniversário de Simu Liu, ele compartilhou o primeiro teaser pôster do filme, enquanto a Marvel lançou o primeiro teaser trailer.[46] Adam B. Vary, da Variety, chamou de "gratificante finalmente ver Liu em ação como Shang-Chi" e observou como o teaser forneceu mais insights e novas informações para o filme, como uma atualização dos anéis usados ​​pelo mandarim nos quadrinhos.[13] Cole Delbyck, do HuffPost, disse que a ação "de arregalar os olhos" foi diferente de tudo visto em filmes anteriores do UCM.[66] Escrevendo para o io9, Rob Bricken sentiu que o teaser não decepcionou com sua ação, mas o drama familiar foi o que fez o filme "parecer tão atraente".[67] Adam Chitwood, do Collider, chamou o teaser de "muito fantástico", comparando sua história e tom com Pantera Negra, e dizendo que Shang-Chi parecia ser "uma experiência emocionante, fresca e nova do Universo Cinematográfico Marvel" com base no teaser.[46] As reações ao pôster e ao trailer nas regiões de língua chinesa da Ásia foram mais críticas, com os comentaristas acreditando que ambos apresentavam uma visão "um tanto estereotipada" do povo e da cultura chineses.[68]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings está programado para ser lançado em 3 de setembro de 2021. Terá um lançamento exclusivo nos cinemas por 45 dias, ao invés de ser lançado simultaneamente nos cinemas e no Disney + com Premier Access como Black Widow.[69][65] Originalmente foi programado para ser lançado em 12 de fevereiro de 2021,[41] o primeiro dia do ano-novo chinês,[70] mas foi transferido para 09 de julho de 2021 por causa da pandemia de COVID-19.[57] Em março de 2021, Viúva Negra foi transferido para a data de lançamento de 9 de julho e Shang-Chi foi transferido para setembro.[65] Fará parte da Fase Quatro do UCM.[71] Em maio de 2021, um relatório da mídia estatal chinesa excluiu Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings, bem como Eternals, de sua lista de filmes MCU que seriam lançados, que a Variety observou "acrescentou aos rumores" de que os filmes não seriam lançados na China.[68]

Referências

  1. AdoroCinema, Shang-Chi e a Lenda dos Dez Aneis, consultado em 25 de janeiro de 2021 
  2. Gonçalves, Aníbal (19 de abril de 2021). «Marvel Studios revelam teaser trailer de Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis». Consultado em 19 de abril de 2021 
  3. Sorrentino, Mike (20 de julho de 2019). «Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings confirmed at Comic-Con for Marvel's Phase 4». CNET. Consultado em 24 de julho de 2019 
  4. Bruno Yonezawa (20 de julho de 2019). «Marvel: Filme de Shang-Chi Chega em Fevereiro de 2021». IGN. Consultado em 24 de julho de 2019 
  5. Julia Sabbaga (21 de julho de 2019). «Shang-Chi | Conheça o ator Simu Liu, o novo herói do MCU». Omelete. Consultado em 24 de julho de 2019 
  6. https://observatoriodocinema.bol.uol.com.br/filmes/2019/07/climao-astro-de-shang-chi-criticou-marvel-em-2014-por-falta-de-diversidade
  7. Thompson, David. «Black Widow & Shang-Chi Delayed, Scarlett Johansson Film To Release on Disney+ Premiere Access». thedirect.com (em inglês). Consultado em 23 de março de 2021 
  8. «'Shang-Chi and The Legend of The Ten Rings' Reveals Additional Cast». Marvel Entertainment (em inglês). Consultado em 12 de dezembro de 2020 
  9. a b «Marvel Finds Its Shang-Chi in Chinese-Canadian Actor Simu Liu». The Hollywood Reporter (em inglês). 20 de julho de 2019. Consultado em 19 de abril de 2021 
  10. a b c «Shang-Chi Toys Reveal Plot Details & Family Ties». ScreenRant (em inglês). 10 de abril de 2021. Consultado em 11 de abril de 2021 
  11. a b c d e f g h i «Exclusive: Simu Liu suits up in first look at 'Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings'». EW.com (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2021 
  12. a b Samuel, Ebenezer (19 de maio de 2021). «Simu Liu Understands the Power of Seeing Yourself as a Superhero». Men's Health (em inglês). Consultado em 20 de maio de 2021 
  13. a b Vary, Adam B.; Vary, Adam B. (19 de abril de 2021). «What the 'Shang-Chi' Teaser Reveals About Marvel Studios' Groundbreaking Movie». Variety (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2021 
  14. Pham, Jason (7 de dezembro de 2020). «Awkwafina in Her Mystery Character in 'Shang-Chi' & the Marvel Character She Wants to Meet IRL». StyleCaster (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2021 
  15. Pham, Jason (7 de dezembro de 2020). «Awkwafina in Her Mystery Character in 'Shang-Chi' & the Marvel Character She Wants to Meet IRL». StyleCaster (em inglês). Consultado em 12 de dezembro de 2020 
  16. «Exclusive: Destin Daniel Cretton on Breaking Stereotypes in Marvel's 'Shang-Chi'». Observer (em inglês). 10 de setembro de 2019. Consultado em 6 de janeiro de 2020 
  17. a b c d e «Marvel Debuts New Disney+ Trailers, Announces 'Fantastic Four' Movie». Entertainment Tonight (em inglês). Consultado em 12 de dezembro de 2020 
  18. «Michelle Yeoh In Talks For Marvel's Shang-Chi». Marvel (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2021 
  19. a b «Who's Who in Marvel's Shang-Chi Teaser Trailer». CBR (em inglês). 19 de abril de 2021. Consultado em 19 de abril de 2021 
  20. «Marvel Debuts New Disney+ Trailers, Announces 'Fantastic Four' Movie». Entertainment Tonight (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2021 
  21. «Watch Simu Liu as Shang-Chi in the movie's teaser trailer». Film (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2021 
  22. a b Ramos, Dino-Ray; Ramos, Dino-Ray (31 de março de 2021). «'Pen15's Dallas Liu To Appear In Marvel's 'Shang-Chi And The Legend of the Ten Rings'». Deadline (em inglês). Consultado em 1 de abril de 2021 
  23. «A Spider-Man: Homecoming Character Cameos in Marvel's Shang-Chi Trailer». Movies (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2021 
  24. Vary, Adam B.; Vary, Adam B. (19 de abril de 2021). «What the 'Shang-Chi' Teaser Reveals About Marvel Studios' Groundbreaking Movie». Variety (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2021 
  25. «Stan Lee Tried to Make a Shang-Chi Movie Starring Bruce Lee's Son» (em inglês) 
  26. «Paul Gulacy Interview - Comic Book Artist #7 - TwoMorrows Publishing» 
  27. Brehmer, Nat (16 de janeiro de 2020). «Breaking Down the Deleted 'Blade' Ending Featuring Morbius and Why We Never Got That Sequel» (em inglês) 
  28. «Marvel Puts Shang Chi In DreamWorks' Hands» (em inglês) 
  29. «15 Abandoned Marvel Movie/TV Projects That We Never Got To See» (em inglês). 30 de março de 2018 
  30. Marvel Making Movies - IGN (em inglês), consultado em 7 de abril de 2020 
  31. «Marvel to Make Movies Based on Comic Books» (em inglês). 6 de setembro de 2005 
  32. «Marvel Studios Offered Shang-Chi Or Mandarin For First Avengers Movie». bleedingcool.com. Consultado em 13 de agosto de 2020 
  33. a b Jr, Mike Fleming; Jr, Mike Fleming (3 de dezembro de 2018). «'Shang-Chi' Marvel's First Asian Film Superhero Franchise; Dave Callaham Scripting, Search On For Director Of Asian Descent» (em inglês) 
  34. «Marvel Developing Shang-Chi Movie with 'Wonder Woman 1984' Writer» (em inglês) 
  35. «How 'Shang-Chi' Could Be Marvel's Next 'Black Panther'» (em inglês) 
  36. «Marvel's 'Shang-Chi' Sets Director Destin Daniel Cretton» (em inglês) 
  37. a b Maddox, Garry (4 de abril de 2019). «Marvel's first Asian superhero movie tipped to shoot in Sydney» (em inglês) 
  38. Frater, Patrick; Frater, Patrick (26 de julho de 2019). «Marvel's 'Thor: Love and Thunder' and 'Shang-Chi' to Shoot in Sydney, Australia» (em inglês) 
  39. a b Kroll, Justin (13 de julho de 2019). «With comic-con closing in, hearing Marvel is putting out test offers for a group of men in their 20s for its SHANG-CHI movie. Marvel have also been adamant to reps offering up their clients for the role that they have to be of Chinese ancestry no other Asian ancestry excepted.» (em inglês) 
  40. a b «Lewis Tan on Losing 'Shang-Chi' & Booking 'Mortal Kombat' (Exclusive)». Entertainment Tonight (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2021 
  41. a b «Marvel Finds Its Shang-Chi in Chinese-Canadian Actor Simu Liu» (em inglês) 
  42. a b «Marvel's Shang-Chi Production Start Date and Project Synopsis Revealed». Marvel (em inglês). Consultado em 25 de outubro de 2020 
  43. a b Goldberg, Matt (14 de outubro de 2019). «'Shang-Chi' Director Destin Daniel Cretton on His Vision for the New Marvel Film» (em inglês) 
  44. «Marvel's Shang-Chi Film's Cast Is Nearly Completely Asian». CBR (em inglês). 30 de dezembro de 2019. Consultado em 28 de abril de 2021 
  45. «Michelle Yeoh In Talks For Marvel's Shang-Chi» (em inglês) 
  46. a b c «Marvel's First 'Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings' Trailer Reveals a New Hero and a Familiar Villain». Collider (em inglês). 19 de abril de 2021. Consultado em 20 de abril de 2021 
  47. «The Walt Disney Archives are shaping the culture of tomorrow. Ask Marvel's Kevin Feige» (em inglês). 7 de março de 2020 
  48. a b c D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (17 de março de 2020). «'Shang-Chi' Director Destin Daniel Cretton Tests Negative For Coronavirus, Says "Social Distancing Is An Act Of Love…For Every Person"» (em inglês) 
  49. prodweek (15 de abril de 2020). «Production Weekly – Issue 1190 – Thursday, April 16, 2020 / 164 Listings - 36 Pages». Production Weekly (em inglês). Consultado em 31 de março de 2021 
  50. a b c «Marvel's 'Shang-Chi' Temporarily Suspends Production as Director Self-Isolates (Exclusive)» (em inglês) 
  51. Kroll, Justin; Kroll, Justin (13 de março de 2020). «Disney Halts Production on Most Live-Action Films Including 'The Last Duel'» (em inglês) 
  52. McDonough, Liam. «Shang-Chi And The Legend Of The Ten Rings Cast Adds Comedian Ronny Chieng» (em inglês) 
  53. «'Black Widow' Moves to November as Other MCU Films Shift Back to 2021, 2022» (em inglês). 3 de abril de 2020 
  54. «Shang-Chi: News Chopper Captures Clear Look of MCU Film's Asian Set». CBR (em inglês). 2 de agosto de 2020. Consultado em 4 de agosto de 2020 
  55. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (1 de julho de 2020). «'Shang-Chi And The Legend Of The Ten Rings' Prepping To Restart Production In Australia By End Of July». Deadline (em inglês). Consultado em 11 de julho de 2020 
  56. Frater, Patrick; Frater, Patrick (19 de agosto de 2020). «Australia Launches Insurance-Replacement Fund to Restart Film, TV Production». Variety (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2020 
  57. a b «Disney Pushes 'Black Widow' Back to 2021». TheWrap (em inglês). 23 de setembro de 2020. Consultado em 25 de outubro de 2020 
  58. «Video: Marvel Kung Fu Flick 'Shang-Chi' (Starring Awkwafina!) Now Shooting in SF». SFist - San Francisco News, Restaurants, Events, & Sports (em inglês). 19 de outubro de 2020. Consultado em 25 de outubro de 2020 
  59. «Marvel Superhero film now shooting in San Francisco». The San Francisco Examiner (em inglês). 21 de outubro de 2020. Consultado em 25 de outubro de 2020 
  60. «Marvel's Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings Wraps Filming». ScreenRant (em inglês). 24 de outubro de 2020. Consultado em 25 de outubro de 2020 
  61. «Exclusive: Nat Sanders & Elísabet Ronaldsdóttir Named Co-Editors On Marvel's Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings». blackfilm.com - Black Movies, Television, and Theatre News (em inglês). 28 de outubro de 2019. Consultado em 8 de fevereiro de 2021 
  62. «The Film Editor of Minari Tells Us How He Found His Purpose And What Sets Apart a Great Editor». Behind the Resumes (em inglês). Consultado em 28 de fevereiro de 2021 
  63. «'Shang-Chi and The Legend of The Ten Rings' Reveals Additional Cast». Marvel Entertainment (em inglês). Consultado em 11 de dezembro de 2020 
  64. «'Creed II' Actor Florian Munteanu Joining Cate Blanchett, Kevin Hart in 'Borderlands' Movie (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). 9 de março de 2021. Consultado em 9 de abril de 2021 
  65. a b c D'Alessandro, Anthony (23 de março de 2021). «Disney Shifts 'Black Widow' & 'Cruella' To Day & Date Release In Theaters And Disney+, Jarring Summer Box Office». Deadline (em inglês). Consultado em 23 de março de 2021 
  66. Delbyck, Cole (19 de abril de 2021). «'Shang-Chi' Trailer Introduces Marvel's First Asian Superhero Movie». HuffPost (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2021 
  67. «Shang-Chi's First Trailer Promises Martial Arts Galore». io9 (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2021 
  68. a b Davis, Rebecca (12 de maio de 2021). «Marvel's 'Shang-Chi,' 'Eternals' May Face Uphill Battle to Enter China». Variety (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2021 
  69. McClintock, Pamela; Couch, Aaron; McClintock, Pamela (13 de maio de 2021). «'Free Guy' and 'Shang-Chi' to Get Exclusive Theatrical Releases». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 13 de maio de 2021 
  70. «Why Tony Leung's casting in Marvel's Shang-Chi is a huge deal» (em inglês). 22 de julho de 2019 
  71. «Marvel Unveils Post-'Endgame' Slate with 'Eternals', 'Shang-Chi' and Multiple Sequels». The Hollywood Reporter (em inglês). 20 de julho de 2019. Consultado em 23 de março de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]