Soyuz 14

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Soyuz 14
Sinal de chamada Беркут (Águia Dourada)
Estatísticas da missão
Número de tripulantes 2
Lançamento 3 de Julho de 1974
18:51:08 UTC
Baikonur LC1
Aterrissagem 19 de Julho de 1974
12:21:36 UTC
140km SE de Dzhezkazgan
Órbitas 255
Duração 15d 17h 30m 28s
Navegação
Último
Soyuz 13
Soyuz 15
Próximo

Soyuz 14 foi uma missão espacial soviética à estação orbital Salyut 3, realizada entre 3 e 19 de julho de 1974.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

Parâmetros da Missão[editar | editar código-fonte]

Pontos altos da missão[editar | editar código-fonte]

A missão era parte do programa Almaz para avaliar as aplicações militares de vôos espaciais tripulados. Atualmente, entretanto, a natureza militar desta missão especificamente não foi reconhecida pelas autoridades soviéticas.

O grupo testou a conveniência de utilizar a Salyut 3 como um satélite de reconhecimento militar. O grupo também testou os sistemas da estação Almaz, tais como os painéis solares. Os cosmonautas realizaram exercícios físicos por 2 horas cada dia para compensar os efeitos da falta de peso. Devido a isto, eles foram capazes de sairem do módulo de descida da Soyuz sem assistência no fim do vôo.

Durante a sua estada de dois dias na estação, o grupo realizou trabalhos de reconhecimento e uma série de experimentos biomédicos. Todos os objetivos da missão foram atingidos.

Nessa missão, pela primeira vez, radioamadores na Terra poderiam conversar com os cosmonautas. Como a NASA já havia adotado nas missões Skylab, equipamentos de radioamadores, a Roskosmos queria fazer o mesmo com sua estação espacial. Foram instaladas duas antenas de transmissão, através de caminhadas espaciais realizadas por Pavel Popovich. Mais, as antenas só funcionavam quando a estação espacial sobrevoava algum local com presenças fortes de vários de sinais amadores, por isso, os cosmonautas tinha apenas 50 segundos para conversar com os "terráqueos". Como havia pouco computadores, os radioamadores naquela época ficavam sabendo da posição da Salyut através de sinais de satélites que refletiam nas antenas da estação, o que dava as coordenadas. A partir dessa missão, os cosmonautas começaram a colocar sistemas para conseguir falar por mais tempo com os civis, a chamada "era dos radioamadores espaciais".

Veja também[editar | editar código-fonte]