Soyuz TMA-12M

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Soyuz TMA-12M
Insígnia da missão
Informações da missão
Sinal de chamada Cliff
Número de tripulantes 3
Lançamento 25 de março de 2014
22:17 UTC
Cosmódromo de Baikonur
Aterrissagem 11 de setembro de 2014
02:23 UTC
estepes do Cazaquistão
Imagem da tripulação
Swanson, Skvortsov e Artemyev
Swanson, Skvortsov e Artemyev
Navegação
Soyuz TMA-11M Soyuz-TMA-11M-Mission-Patch.png
Soyuz TMA-13M Soyuz-TMA-13M-Mission-Patch.png

Soyuz TMA-12M foi uma missão espacial humana de um nave Soyuz, lançada em 25 de março de 2014 para a Estação Espacial Internacional.[1] Transportou três membros da Expedição 39 para a estação e foi o 121.º voo de uma nave espacial Soyuz, desde o primeiro lançamento em 1967. A nave permaneceu acoplada à estação também durante a Expedição 40, como um incremento de segurança para servir como veículo de fuga em caso de emergência.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

[2]

Parâmetros da Missão[editar | editar código-fonte]

[2]

Lançamento e acoplagem[editar | editar código-fonte]

Em 13 de março, a ISS aumentou em 2 km a altitude de órbita, graças aos propulsores da nave cargueira Progress M-21M acoplada a ela, para otimizar as condições balísticas de acoplamento da TMA-12M.[3]

O lançamento foi feito às 22:17 UTC de 25 de março (04:17 hora local de 26 de março)[4] da plataforma de lançamento PU-5 do Complexo de Lançamento LC1 "Gagarinskiy Start" (17P32-5) do Cosmódromo de Baikonur, no topo de um foguete Soyuz-FG.[5] A nave deveria acoplar seis horas depois no módulo russo Poisk da estação após realizar quatro órbitas terrestres; entretanto, o terceiro propulsor da Soyuz não entrou em ignição no momento planejado, impedindo a nave de conseguir o empuxo necessário para realizar a viagem num número menor de órbitas e de tempo até a estação – o chamado "voo expresso", feito pela primeira vez pela Soyuz TMA-08M em março de 2013 [6]– com a acoplagem sendo adiada por dois dias pelo controle de voo em terra. A TMA-12M precisou realizar as mesmas 34 órbitas necessárias pelos modelos mais antigos para chegar até a ISS.[7]

A acoplagem acabou ocorrendo manualmente às 23:53 UTC de 27 de março, a cerca de 400 km de altitude sobre o sudoeste do Brasil, cinco minutos antes do horário previsto, com as escotilhas entre as duas naves se abrindo às 02:35 UTC de 28 de março. Após a chegada, Swanson, Skvortsov e Artemyev juntaram-se aos demais três astronautas ocupantes da estação, para completar o número total de integrantes da Expedição 39.[8]

Retorno[editar | editar código-fonte]

Depois de permanecer 166 dias acoplada à ISS, a TMA-12M desacoplou-se às 23:01 UTC de 10 de dezembro iniciando seu retorno à Terra com os três astronautas. Pousou em segurança nas estepes do Cazaquistão às 02:23 UTC de 11 de setembro, sendo recolhida pela equipe de apoio em terra após 169 dias no espaço.[9]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Launch Schedule». NASA. Consultado em 16 de março de 2014 
  2. a b Mark Wade. «Soyuz TMA-12M». Encyclopedia Astronautica. Consultado em 24 de julho de 2019 
  3. «EEI eleva sua órbita». Rádio Voz da Rússia. Consultado em 24 de março de 2014 
  4. «Expedition39/40 Trio Launches to Complete Crew». NASA. Consultado em 25 de março de 2014 
  5. «Soyuz TMA-12M – Preparativos para o lançamento». Em Órbita. Consultado em 24 de março de 2014 
  6. «Astronauts Launch on First 'Express' Flight to Space Station». Space.com. Consultado em 30 de março de 2013 
  7. «Expedition 39/40 Trio's Arrival at Space Station Delayed». NASA. Consultado em 26 de março de 2014 
  8. «Mission Status Center». SpaceflightNow. Consultado em 28 de março de 2014 
  9. «Station Trio Lands Completing 169 Days in Space». NASA. Consultado em 14 de novembro de 2014