Soyuz 4

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Soyuz 4
Insígnia da missão
Informações da missão
Sinal de chamada Amur
Operadora Programa Espacial Soviético
Foguete Soyuz
Espaçonave Soyuz 7K-OK
Astronautas Vladimir Shatalov
Descendo:
Aleksei Yeliseyev
Yevgeny Khrunov
Base de lançamento Local 31/6, Cosmódromo
de Baikonur
Lançamento 14 de janeiro de 1969
7h30min00s UTC
Baikonur, Cazaquistão,
União Soviética
Aterrissagem 17 de janeiro de 1969
6h50min47s UTC
perto de Qarağandı,
Cazaquistão, União Soviética
Órbitas 48
Duração 2 dias, 23 horas,
20 minutos, 47 segundos
Altitude orbital 224 por 213 quilômetros
Inclinação orbital 51,7 graus
Navegação
Soyuz 3
Soyuz 5

Soyuz 4 (Союз 4) foi a terceira missão tripulada do programa Soyuz. Esta missão foi conjunta com a missão Soyuz 5. Nesta missão ocorreu o primeiro acoplamento do programa espacial soviético (entre as naves Soyuz 4 e Soyuz 5). As naves permaneceram durante 4 horas e 35 minutos acopladas.[1]

Tripulação[editar | editar código-fonte]

[1]

Posição Cosmonauta
Comandante União das Repúblicas Socialistas Soviéticas Vladimir Shatalov
Engenheiro de voo 1 União das Repúblicas Socialistas Soviéticas Yevgeny Khrunov
Engenheiro de voo 2 União das Repúblicas Socialistas Soviéticas Aleksei Yeliseyev

Missão[editar | editar código-fonte]

As atividades desta missão incluíram pesquisa científica, médica, testes dos sistemas da nave, rendez-vous, acoplamento, testes para construção de uma estação espacial e transferência de tripulação. A atividade extraveicular (EVA) desenvolvida na missão teve a duração de 1 hora. A missão pousou com os três cosmonautas a 100 km da cidade de Karaganda.[2]

Estava programada uma solenidade no Kremlin para felicitar os cosmonautas, mas a mesma foi cancelada devido a uma tentativa de assassinato do líder soviético Leonid Brezhnev. Os tiros atingiram o carro onde estavam os cosmonautas Georgi Beregovoi, Leonov, Andrian Nikolayev e Valentina Tereshkova, mas ninguém se feriu.[2]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Joachim Becker e Heinz Janssen (10 de julho de 2019). «Soyuz 4». SPACEFACTS. Consultado em 20 de julho de 2019 
  2. a b Mark Wade. «Soyuz 4». Encyclopedia Astronautica. Consultado em 20 de julho de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Apollo 8
Voos tripulados
Sucedido por
Soyuz 5