Renato Augusto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Renato Augusto
Renato Augusto
Informações pessoais
Nome completo Renato Soares de Oliveira Augusto
Data de nasc. 8 de fevereiro de 1988 (26 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ),  Brasil
Altura 1,86 m[1]
Destro
Apelido Frankenstein, Maestro, Robben Destro,
Zorro, Zorro Alvinegro, Magneto Augusto,

Batman da ZL, Deusnato Augusto

Informações profissionais
Clube atual Brasil Corinthians
Número 8
Posição Meia
Clubes de juventude
20012005 Brasil Flamengo
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
20052008
20082012
2013
Brasil Flamengo
Alemanha Bayer Leverkusen
Brasil Corinthians
0092 0000(9)
0126 000(12)
0047 0000(6)
Seleção nacional3
2005
2007
2011
Brasil Brasil Sub-17
Brasil Brasil Sub-20
Brasil Brasil
0004 0000(1)
0003 0000(0)
0003 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 27 de julho de 2014.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 22 de Junho de 2012.

Renato Soares de Oliveira Augusto (Rio de Janeiro, 8 de fevereiro de 1988) é um futebolista brasileiro que atua como meia. Atualmente, joga pelo Corinthians.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Flamengo[editar | editar código-fonte]

Renato Augusto estreou com a camisa do Flamengo em 2005, num jogo contra o Corinthians. Contudo, foi somente um ano mais tarde, durante as finais da Copa do Brasil de 2006, que seu nome passou a ser muito conhecido. Mas já havia sido notícia em fevereiro de 2004, apontado como aposta futura dos juvenis do rubro-negro pela Revista Placar. Na época, ainda era conhecido apenas como Renato.[2] Subiu aos profissionais já com o sobrenome adicionado por já haver no elenco outro Renato, ex-Guarani e Corinthians, por sinal um dos ídolos da torcida na época.[3]

Na ocasião, após vencer as duas partidas contra o rival Vasco, o Flamengo conquistava seu segundo título da Copa do Brasil e, por sua vez, Renato Augusto, com duas belas atuações, acabou sendo efetivado no time pelo técnico Ney Franco durante o restante da temporada.

Em 2007, mesmo após a chegada de vários reforços na Gávea, Renato Augusto manteve-se entre os titulares.

Durante o Campeonato Carioca de 2007, foi brilhante e decisivo para a conquista do título, tendo marcado gols importantes, tanto na final da Taça Guanabara, contra o Madureira, como na finalíssima, contra o Botafogo.

Todavia, depois do bom início de temporada, Renato teve uma queda de rendimento, durante o restante de 2007, quando também passou a conviver com contusões seguidas.

Em 2008, Renato Augusto voltou a ser a grande esperança do Flamengo, porém, logo em sua primeira partida, na estreia do Campeonato Carioca de 2008, sofreu uma grave lesão no rosto, após uma disputa de cabeça. Afastado do time, Renato somente voltou aos gramados, na reta final do Campeonato, quando sagrou-se bicampeão da competição, uma vez mais, em cima do Botafogo.[4]

Bayer Leverkusen[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2008, foi vendido ao Bayer Leverkusen, da Alemanha. O Bayer pagou um total de 10 milhões de euros (cerca de R$ 25 milhões). Como o Flamengo já havia negociado 40% do jogador anteriormente, recebeu desta vez 6 milhões de euros.[5] [6] Renato Augusto fez um impacto imediato, tornando-se um dos favoritos dos fãs rapidamente com sua rapidez, consciência, trabalho em equipe, e suas habilidades técnicas. Ele normalmente joga no lado direito, porém, como o Leverkusen é atormentado por lesões, muitas vezes, ele joga no centro do meio campo, atrás apenas do atacante. Ele é o jogador que dita o ritmo, e um jogador realmente insubstituível para manter a bola em posse. No verão de 2010, foi relatado que o Manchester City era muito interessado no brasileiro talentoso, mas a taxa de R$ 14 milhões reportados era pequeno demais para os diretores do Leverkusen interesse em vender um de seus principais jogadores.[7] Embora a temporada de 2010-11 não foi livre de lesões, assim como os anteriores, na Alemanha, Renato Augusto manteve uma forma estelar, marcando três vezes para uma vitória vantagem de um gol, assédio defensores da oposição e fazendo assistências vitais. Um gol inesquecível foi marcado por Renato, em 13 de março, onde marcou um jogo-vencedor em 82 minutos contra o FSV Mainz. Após fraco desempenho de ambas as equipes, pontapé de canto de Renato Augusto foi muito acima da meta. No entanto, como Christian Wetklo estava se preparando para passar a bola para Bo Svensson, Renato ainda estava no canto, à espreita despercebido por qualquer um dos jogadores adversários. Quando Svensson recebeu a bola, já era tarde demais para uma reação boa como Renato invadiram para a bola e marcou um esforço bem atingido por 20 metros.[8] Isso deu Bayer Leverkusen uma vitória valiosa, colocando Bayer esquadrão 04 na corrida pelo título, mais uma vez, como líderes da liga Borussia Dortmund perdeu o jogo na noite anterior. Em 12 de dezembro de 2012, voltou para o Brasil mas não para o Flamengo que já havia feito uma proposta por ele. Em 14 de dezembro de 2012, foi confirmado que o jogador já acertou salário, tempo de contrato e luvas com a diretoria do Corinthians, que também já tem um acordo com o Bayer Leverkusen, da Alemanha.[9] [10] [11] [12]

Corinthians[editar | editar código-fonte]

No dia 14 de dezembro de 2012, acertou sua ida para o Corinthians, que comprou 50% dos seus direitos econômicos junto ao Bayer Leverkusen, pela quantia de €4 milhões (R$9,5 Milhões).[13] [14] [15] [16] .No Dia 8 de Janeiro de 2012 Renato Augusto assina por 4 anos com o Corinthians.

Renato Augusto estreou pelo Corinthians no dia 27 de janeiro de 2013, contra o Mirassol onde o Corinthians venceu de 1 a 0, e Renato Augusto quem deu o cruzamento para o único gol da partida, finalizado pelo Romarinho, de cabeça.[17] Foi elogiado pelo técnico Tite do Corinthians após o clássico contra o Santos em 3 de março, em um empate de 0 a 0 no Morumbi.[18] Foi melhor em campo em partida valida pela Liberadores contra o Tijuana no dia 13 de março, sendo chamado de Maestro Corintiano, em uma vitoria de 3 a 0.[18] Fez seu primeiro gol pelo Corinthians em 16 de março, contra o União Barbarense.[19] [20] No dia 07 de Julho de 2013, em uma rodada do campeonato brasileiro contra o Esporte Clube Bahia, acabou sofrendo um choque no rosto em uma disputa de bola com o jogador Rodrigo de Souza Cardoso.

Jogos pelo Corinthians[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pelo Corinthians.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Renato Augusto já havia disputado partidas pela seleção Sub-17 e Sub-20, no mundial da categoria. Mas somente em 2011, para o amistoso contra a França, que foi convocado pela primeira vez para a seleção principal, comandada por Mano Menezes.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado até 27 de julho de 2014

Clubes[editar | editar código-fonte]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Golos Jogos Golos Jogos Golos Jogos Golos Jogos Golos
Brasil Flamengo 2005 2 0 2 1 4 1
2006 24 0 2 0 1 0 27 0
2007 23 2 8 1 13 3 44 6
2008 6 0 3 1 8 1 17 2
Total 55 2 2 0 11 2 24 5 92 9
Alemanha Bayer Leverkusen 2008-09 33 2 6 2 39 4
2009-10 17 0 1 0 18 0
2010-11 27 7 1 1 7 0 33 8
2011-12 18 0 1 0 4 0 23 8
2012-13 6 0 0 0 5 0 10 0
Total 101 9 9 3 16 0 126 12
Brasil Corinthians 2013 15 1 0 0 6 1 10 1 31 3
2014 7 0 2 1 0 0 7 2 16 3
Total 22 1 2 1 6 1 17 3 47 6
Total na carreira 178 12 13 4 33 3 41 8 265 27

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Ano
Jogos Gols
2011 3 0
Total 3 0

Títulos[editar | editar código-fonte]

Flamengo
Corinthians

Artilharias[editar | editar código-fonte]

Corinthians

Referências

  1. Perfil de Renato Soares de Oliveira Augusto, 10/12/2012, Ogol.com
  2. "Um forno chamado Flamengo", Patrick Moraes, Placar número 1267, fevereiro de 2004, Editora Abril, pág. 42
  3. Família e perfil torcedor 'blindam' revelação do Flamengo
  4. Fla não receberá todo dinheiro da negociação de Renato Augusto
  5. Venda de Renato Augusto renderá cerca de R$ 15 milhões aos cofres do Flao jogadores foi cogitado pelo Corinthians, mas não houve um acerto oficial, GloboEsporte.com, 09/07/2008
  6. Fla não receberá todo dinheiro da negociação de Renato Augusto, Lancenet.com.br, 09/07/2008
  7. Palermo confirmação Que Quer Renato Augusto, Globoesporte.com., 08/10/2011
  8. Zico torce para revelação decidir na final, UOL, 05/05/2007
  9. http://www.meutimao.com.br/noticia/97099/corinthians_contrata_renato_augusto_pra_2013_e_compra_50-por-cento_dos_direitos_do_jogador
  10. Renato Augusto volta para o Brasil, mas não para o Flamengo, Ogol.com., 12/12/2012
  11. Flamengo disfarça, mas só disfarça, Globoesporte.com., 13/12/2012
  12. Renato Augusto longe do Fla em 2013: 'Já está compromissado com outro clube brasileiro', diz Pelaipe, ESPN., 14/12/2012
  13. Central do Mercado: Renato Augusto é do Timão, e o São Paulo mira Lúcio, Globoesporte.com, 15/12/2012
  14. Rumo ao Corinthians, Renato Augusto chora no 'adeus' ao Leverkusen, Gazeta Esportiva.net, 17/12/2012
  15. De saída, Renato Augusto se vai às lágrimas após vitória do Leverkusen, Goal.com, 20/12/2012
  16. Renato Augusto chega, elogia o Timão e fala em dever cumprir na Alemanha, LANCENET, 30/12/2012
  17. Atuações Mirassol x Timão: Renato Augusto e Danilo têm maiores notas, GloboEsporte.com.br, 27/01/2013
  18. a b Renato Augusto conquista Tite no Timão: 'Não precisa botar fogo nele'. Página visitada em 4 de Março de 2013.
  19. Misto do Corinthians goleia a União Barbarense. Página visitada em 16 de Março de 2013.
  20. Renato Augusto explica opção pelo Corinthians e mira Seleção

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.