SteamOS

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

SteamOS é um sistema operacional baseado em Debian em desenvolvimento pela Valve Corporation e projetado para ser o principal sistema operacional do console Steam Machine. [1][2]Ele foi inicialmente lançado em 13 de dezembro de 2013, juntamente com o início da fase de testes beta para o usuário final de Steam Machines. [3][4]

Compatibilidade com jogos[editar | editar código-fonte]

Por ser baseado em Debian, o SteamOS traz compatibilidade com alguns jogos da plataforma Steam e com aplicações linux utilizando o instalador de pacotes APT. O usuário pode utilizar fontes de terceiros ao seu repositório para obter mais aplicações, pois atualmente o SteamOS oferece um conjunto limitado de ferramentas.[5] A plataforma conta com um catálogo de mais 300 títulos sendo que sua maioria é formada por Indie games.

Compatibilidade com Hardware[editar | editar código-fonte]

Todos os drivers pré-instalados são fornecidos pela Valve. Todo driver externo deverá ser instalado como em qualquer distribuição Debian.

Diferenciais[editar | editar código-fonte]

O SteamOS, por ser uma espécie de aprimoramento do modo Big Picture, desenvolvido pela própria Steam, foi projetado para ser melhor exibido em televisões, deste modo, o sistema operacional acaba aproximando a relação do usuário de computadores pessoais à forma mais intuitiva que consoles possuem de transmitir seus jogos.

Pré-definições[editar | editar código-fonte]

Já com duas contas pré configuradas, o sistema operacional divide o sistema entre o usuário "Steam" que não tem privilégios e apenas executa os jogos. A segunda conta é o usuário "desktop", onde são executadas as aplicações que não são da Steam.

Tendo em vista que as contas do SteamOS não estão associadas a um login. Mesmo que acesse a muitas contas da Steam, todas serão vinculadas ao mesmo desktop.

Relação com o modo Big Picture[editar | editar código-fonte]

O modo Big Picture foi projetado, pela própria Steam, para ser uma nova alternativa de um computador pessoal rodar jogos usando a televisão ou até mesmo o seu próprio monitor. O SteamOS funciona como uma versão mais avançada desse modo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Felipe Gugelmin (9 de janeiro de 2014). «Testamos o Steam OS, o novo sistema operacional da Valve [vídeo]». Tecmundo. Consultado em 19 de janeiro de 2014 
  2. Eddie Makuch (25 de setembro de 2013). «Valve reveals Steam Machines» (em inglês). GameSpot. Consultado em 19 de janeiro de 2014 
  3. Billy Steele (11 de dezembro de 2013). «Valve's SteamOS will be available for individuals and OEMs on December 13th» (em inglês). EnGadget. Consultado em 19 de janeiro de 2014 
  4. Sean Hollister (11 de dezembro de 2013). «SteamOS will be available to download on December 13th» (em inglês). The Verge. Consultado em 19 de janeiro de 2014 

[1]Steam Support

Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.