Partido Popular Monárquico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Partido Popular Monárquico
Presidente Gonçalo da Câmara Pereira
Fundação 23 de maio de 1974
Sede Travessa da Pimenteira, 2 - R/C Esq.
1300-460
Lisboa
 Portugal
Ideologia Agrarianismo
Conservadorismo
Liberalismo económico
Ecologismo
Monarquismo
Espectro político Direita
Ala jovem Juventude Popular Monárquica (JPM)
Assembleia Legislativa dos Açores
1 / 57
Assembleia Municipal de Lisboa
2 / 75
Cores Azul e Branco
Página oficial
www.ppm.pt

O Partido Popular Monárquico (PPM) é um partido político português inspirado pelo municipalismo e pelo ecologismo, que defende a restauração da monarquia em Portugal. Foi fundado em 23 de maio de 1974 por Gonçalo Ribeiro Telles.

História[editar | editar código-fonte]

Em 23 de maio de 1974, por iniciativa da Convergência Monárquica, foi fundado o PPM, no qual Francisco Rolão Preto assumiu a Presidência do Directório e do Congresso. Desde essa data que a liderança do partido foi entregue a Gonçalo Ribeiro Telles, que em 1993 o abandona para fundar outra organização: Movimento Partido da Terra (MPT).

Em 1979, o CDS propôs a criação de uma frente eleitoral ao Partido Social Democrata e ao Partido Popular Monárquico. Essa proposta deu origem à Aliança Democrática, conhecida por AD, que, liderada por Francisco Sá Carneiro (PSD), venceu as eleições legislativas de 1979 e de 1980. Nos governos da AD, o PPM foi representado por alguns ministros e secretários de estado, entre os quais o presidente do partido, Gonçalo Ribeiro Telles, que foi nomeado Ministro de Estado e da Qualidade de Vida no VII Governo Constitucional.

Em 2005, o PPM foi representado por dois deputados na Assembleia da República (Miguel Pignatelli Queiroz e Nuno da Câmara Pereira), que concorreram nas listas do PSD nas eleições legislativas de 2005, situação que não se verificava desde a dissolução da AD.

Actualidade[editar | editar código-fonte]

Nas eleições legislativas regionais dos Açores de 2008, o PPM conseguiu eleger um deputado, pela ilha do Corvo, Paulo Estevão, que foi reeleito pelo mesmo circulo eleitoral nas eleições legislativas regionais dos Açores de 2012 e eleições legislativas regionais dos Açores de 2016.

Para as eleições legislativas de 2015 o PPM concorreu em todos círculos eleitorais, sendo que no círculo eleitoral dos Açores concorreu juntamente com o CDS, numa coligação denominada "Aliança Açores". O cabeça de lista pela coligação CDS-PP/PPM foi o independente António Félix Rodrigues, professor da Universidade dos Açores.

Deputados eleitos em 1979 e 1980[editar | editar código-fonte]

Lista de Presidentes[editar | editar código-fonte]

Membros destacados[editar | editar código-fonte]

Resultados Eleitorais[editar | editar código-fonte]

Eleições legislativas[editar | editar código-fonte]

Data Líder Cl. Votos % +/- Deputados +/- Status Notas
1975 Gonçalo Ribeiro Telles 10.º 32 526
0,6 / 100,0
0 / 250
1976 Gonçalo Ribeiro Telles 10.º 28 320
0,5 / 100,0
Baixa0,1
0 / 263
Estável Extra-parlamentar
1979 Gonçalo Ribeiro Telles Aliança Democrática
5 / 250
Aumento5 Governo
1980 Gonçalo Ribeiro Telles
6 / 250
Aumento1 Governo
1983 Gonçalo Ribeiro Telles 6.º 27 635
0,5 / 100,0
0 / 250
Baixa6 Extra-parlamentar
1985 Não concorreu
1987 Augusto Ferreira do Amaral 10.º 23 218
0,4 / 100,0
0 / 250
Extra-parlamentar
1991 Nuno Cardoso da Silva 9.º 25 216
0,4 / 100,0
Estável
0 / 230
Estável Extra-parlamentar
1995 Fernando de Sá Monteiro Coligação Ecologia e Futuro
0 / 230
Estável Extra-parlamentar
1999 Miguel Pignatelli Queiroz 8.º 16 522
0,3 / 100,0
0 / 230
Extra-parlamentar
2002 Miguel Pignatelli Queiroz 8.º 12 398
0,2 / 100,0
Baixa0,1
0 / 230
Estável Extra-parlamentar
2005 Miguel Pignatelli Queiroz Nas listas do PSD
2 / 230
Aumento2 Oposição
2009 Nuno da Câmara Pereira 10.º 15 262
0,3 / 100,0
0 / 230
Baixa2 Extra-parlamentar
2011 Paulo Estêvão 12.º 14 687
0,3 / 100,0
Estável
0 / 230
Estável Extra-parlamentar
2015 Paulo Estêvão 13.º 14 897
0,3 / 100,0
Estável
0 / 230
Estável Extra-parlamentar

Eleições europeias[editar | editar código-fonte]

Data Cabeça de lista Cl. Votos % +/- Deputados +/-
1987 Miguel Esteves Cardoso 6.º 155 990
2,8 / 100,0
0 / 24
1989 5.º 84 272
2,0 / 100,0
Baixa0,8
0 / 24
Estável
1994 11.º 8 300
0,3 / 100,0
Baixa1,7
0 / 25
Estável
1999 7.º 16 182
0,5 / 100,0
Aumento0,2
0 / 25
Estável
2004 Gonçalo da Câmara Pereira 7.º 15 454
0,5 / 100,0
Estável
0 / 24
Estável
2009 Frederico Duarte Carvalho 11.º 14 414
0,4 / 100,0
Baixa0,1
0 / 22
Estável
2014 Nuno Correia da Silva 11.º 17 785
0,5 / 100,0
Aumento0,1
0 / 21
Estável

Eleições presidenciais[editar | editar código-fonte]

Data Candidato
apoiado
1ª Volta 2ª Volta
Cl. Votos % Cl. Votos %
1976 Nenhum candidato apoiado
1980 Soares Carneiro 2.º 2 325 481
40,2 / 100
1986 Nenhum candidato apoiado
1991
1996
2001
2006
2011
2016 Marcelo Rebelo de Sousa 1.º 2 410 286
52,0 / 100

Eleições autárquicas[editar | editar código-fonte]

(Resultado que excluem os resultados de coligações envolvendo o partido)

Data Cl. Votos % +/- Presidentes CM +/- Vereadores +/-
1976 8.º 7 507
0,2 / 100,0
1 / 304
3 / 1 908
1979 9.º 6 162
0,1 / 100,0
Baixa0,1
1 / 305
Estável
6 / 1 900
Aumento3
1982 10.º 11 293
0,2 / 100,0
Aumento0,1
1 / 305
Estável
5 / 1 913
Baixa1
1985 7.º 23 897
0,5 / 100,0
Aumento0,3
0 / 305
Baixa1
3 / 1 975
Baixa2
1989 15.º 2 765
0,1 / 100,0
Baixa0,4
0 / 305
Estável
1 / 1 997
Baixa2
1993 14.º 269
0,0 / 100,0
Baixa0,1
0 / 305
Estável
0 / 2 006
Baixa1
1997 11.º 7 129
0,1 / 100,0
Aumento0,1
1 / 305
Aumento1
5 / 2 021
Aumento5
2001 17.º 294
0,0 / 100,0
Baixa0,1
0 / 308
Baixa1
0 / 2 044
Baixa5
2005 12.º 1 730
0,0 / 100,0
Estável
0 / 308
Estável
0 / 2 046
Estável
2009 13.º 1 461
0,0 / 100,0
Estável
0 / 308
Estável
0 / 2 078
Estável
2013 18.º 455
0,0 / 100,0
Estável
0 / 308
Estável
0 / 2 086
Estável
2017 25.º 364
0,0 / 100,0
Estável
0 / 308
Estável
0 / 2 086
Estável

Eleições regionais[editar | editar código-fonte]

Região Autónoma dos Açores[editar | editar código-fonte]

Data Líder Cl. Votos % +/- Deputados +/- Status Notas
1984 8.º 41
0,0 / 100,0
0 / 44
1988 9.º 162
0,2 / 100,0
Aumento0,2
0 / 51
Estável Extra-parlamentar
1992 Aliança Democrática-Açores
0 / 51
Extra-parlamentar
1996 Não concorreu
2000 Convergência Democrática Açoriana
0 / 52
Extra-parlamentar
2004 6.º 293
0,3 / 100,0
0 / 52
Extra-parlamentar
2008 Paulo Estevão 8.º 423
0,5 / 100,0
Aumento0,2
1 / 57
Aumento1 Oposição
2012 Paulo Estevão Plataforma de Cidadania
1 / 57
Estável Oposição
2016 Paulo Estevão 7.º 866
0,9 / 100,0
1 / 57
Estável

Região Autónoma da Madeira[editar | editar código-fonte]

Data Líder Cl. Votos % +/- Deputados +/- Status Notas
2015 Miguel Fonseca Plataforma dos Cidadãos
0 / 47
Extra-parlamentar

(fonte: Comissão Nacional de Eleições)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]




Ícone de esboço Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.