Partido dos Trabalhadores da Coreia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Partido dos Trabalhadores da Coreia
조선로동당
朝鮮勞動黨
Chosŏn Rodongdang
Flag of the Workers' Party of Korea.svg
Líder Kim Jong-un
Fundação 1949
Sede Pyongyang,  Coreia do Norte
Ideologia Comunismo
Marxismo-Leninismo
Nacionalismo
Juche
Populismo
Militarismo
Anti-capitalismo
Stalinismo
Publicação Rodong Sinmun
Cores Vermelho
Emblem of North Korea.svg
Parte da série sobre
Política da
Coreia do Norte
Portal da Coreia do Norte

O Partido dos Trabalhadores da Coreia (PTC) (coreano: 朝鮮勞動黨; 조선 로동당; Chosŏn Rodongdang) é o partido que governa a República Popular Democrática da Coreia (Coreia do Norte), fundado em 30 de junho de 1949 com a fusão do Partido dos Trabalhadores da Coreia do Norte e do Partido dos Trabalhadores da Coreia do Sul.[1] Não é o único partido permitido no país, existem outros dois partidos que são insignificantes e completamente subservientes ao PTC, principalmente devido a Constituição norte-coreana afirmar que o país "deve conduzir todas as atividades sob a liderança do Partido dos Trabalhadores da Coreia".[2] Os outros partidos são o Partido Chondoísta e o Partido Social-Democrata. Os três fazem parte da Frente Democrática para a Reunificação da Pátria.

Segundo fontes norte-coreanas, o Partido dos Trabalhadores da Coreia teve suas origens na Down-With-Imperialism Union, que supostamente foi fundada em 17 de outubro de 1926 e liderada por Kim Il-sung, então com 14 anos de idade. Ela é descrita nessas fontes como "a primeira verdadeira organização revolucionária comunista na Coreia".[3] O Partido dos Trabalhadores da Coreia foi constituído em 29 de agosto de 1946 a partir da fusão entre o Partido Comunista da Coreia do Norte e do Novo Partido Democrático da Coreia.[4]

Kim Jong-Un, líder supremo da Coréia do Norte, também é o presidente do Partido desde 9 de maio de 2016.[5]

O PTC mantém uma imagem de ser ideologicamente alinhado com a esquerda[6] e normalmente manda uma delegação para a Reunião Internacional dos Partidos Comunistas e dos Trabalhadores, onde recebe algum apoio.[7] Contudo, outros[quem?] argumentam que a ideologia xenofóbica e nacionalista do partido o enquadra na extrema-direita no espectro político.[8][9][10]

Referências

  1. «WORKERS' PARTY OF KOREA». gutenberg.org. Consultado em 17 de abril de 2017 
  2. Jean-Pierre Maury (6 de julho de 2010). «République populaire démocratique de Corée - Constitution du 5 septembre 1998». République populaire démocratique de Corée (em francês). Université de Perpignan (França). Consultado em 2 de agosto 2013 
  3. Kim Il-sung. Works Vol. I. Pyongyang: Foreign Languages Publishing House. 1980. p. 467.
  4. Kim Il-sung. Works Vol. 2. Pyongyang: Foreign Languages Publishing House. 1980. p. 327.
  5. «Kim Jong-un é anunciado presidente do partido único da Coreia do Norte». Mundo. 9 de maio de 2016 
  6. Myers, Brian (2011). The Cleanest Race: How North Koreans See Themselves and Why it Matters. Melville House Publishing. ISBN 1933633913.
  7. «13 IMCWP Resolution, Let us jointly commemorate the Birth Centenary of the Great Leader comrade President Kim Il Sung as a Grand Political Festival of the World's Humankind». Solidnet.org. 23 de dezembro de 2011. Consultado em 28 de dezembro de 2016 
  8. Suh, Dae-sook (1988). Kim Il Sung: The North Korean Leader (1ª ed.). Columbia University Press. ISBN 0231065736.
  9. Becker, Jasper (2005). Rogue Regime : Kim Jong Il and the Looming Threat of North Korea. Oxford University Press. ISBN 0198038100.
  10. "The single most important fact for understanding North Korea". Página acessada em 28 de dezembro de 2016.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Partido dos Trabalhadores da Coreia