Pocah

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pocah
Nome completo Viviane de Queiroz Pereira
Conhecido(a) por Pocah
Nascimento 17 de outubro de 1994 (25 anos)
Queimados, RJ [1]
Residência Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileira
Etnia luso-brasileira
afro-brasileira
indígena
Estatura 1,70m
Cônjuge Matheus Vargas (c. 2013–17)
Ronan Souza (c. 2019)
Filho(s) Vitória de Queiroz Pereira Vargas
Ocupação cantora
compositora
Carreira musical
Período musical 2012-presente
Gênero(s)
Extensão vocal meio-soprano coloratura
Instrumento(s) vocal
Gravadora(s) Warner Music
Influências
Página oficial
pocah.com.br

Viviane de Queiroz Pereira, mais conhecida pelo seu nome artístico Pocah[2] (Queimados, 17 de outubro de 1994), é uma cantora e compositora brasileira. [3]

Iniciou sua carreira musical no ano de 2012 e ficou nacionalmente conhecida pelo hit "Mulher do Poder". Esse hit foi responsável por seu primeiro videoclipe, que obteve mais de 11 milhões de visualizações no Youtube. [4]

Em 2013 fez parte da produção do reality show “Nem Aí”, realizado para a TV fechada. Em 2015 lançou outro hit intitulado "Perdendo a linha" que obteve mais de 70 milhões de reproduções em serviços de Streaming.[5] Em 2017, Pocah ficou internacionalmente conhecida por seus hits, quando foi sampleada pelo rapper norte-americano Future, que usou sua voz na faixa "Fresh Air".[6] Em 2018, lançou hits como "Oh Quem Voltou"[7] e "Quer mais?".[8] Além disso, a cantora assinou contrato com a gravadora Warner Music.[9]

Biografia e Carreira[editar | editar código-fonte]

A artista é filha da ex-empregada doméstica Marinez de Queiroz, e do comerciante Leonardo Pereira. Ela nasceu em uma família humilde da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, no município de Queimados, tendo sido criada na cidade de Duque de Caxias. A cantora possui ascendência portuguesa, afro-brasileira e indígena, tendo seus traços físicos muito parecidos com os de uma índia, e por isso possui o apelido de Pocahontas. [10]

Em entrevistas revelou que antes de iniciar-se no funk e no pop, gostava de ouvir rock. Seu irmão possuía uma banda, e ela sempre o acompanhava nos shows, quando ele foi tocar em um evento que tinha funk, passou a interessar-se por esse ritmo, quando fez amizade com jovens do evento, e uma das moças namorava um DJ, que interessou-se profissionalmente por Pocahontas quando soube que ela tinha o desejo de ser cantora. Ele, então, a convidou para um teste em sua gravadora, e após ser aprovada, ele produziu sua primeira música, chamada "Seu Nome". Ela colocou o videoclipe no YouTube, chamando a atenção da indústria fonográfica brasileira. Assim, ela conheceu um produtor musical, o MC Roba Cena, que passou a empresariar sua carreira, e a tornou nacionalmente conhecida. Atualmente MC Roba Cena é seu ex-empresário e ex-marido. [11]

Em 2019, já internacionalmente famosa e tendo feito turnês pela Europa e América do Norte, Viviane assinou o seu primeiro contrato com uma grande gravadora, a Warner Music, trocando seu nome artístico para Pocah.[12]

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Em 2010 começou a namorar com o cantor Matheus de Souza Vargas Júnior, conhecido como MC Roba Cena. Em 2013 o casal foi morar juntos na capital fluminense. No dia 23 de fevereiro de 2016, deu à luz através de cesariana, no Rio de Janeiro, a sua filha, chamada Vitória de Queiroz Pereira Vargas. O casal separou-se em 2017, após quatro anos de união. Mesmo com a separação, por conta do contrato assinado, seu ex-marido continuou a empresariar sua carreira, até terminar o prazo estabelecido.

Após outros relacionamentos com homens anônimos e famosos, em 2018 começou a namorar o produtor de eventos Ronan Souza, e em 2019 vendeu seu apartamento no Recreio dos Bandeirantes, e foi morar junto com ele em uma mansão na Barra da Tijuca.[13]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Como artista principal[editar | editar código-fonte]

Lista de singles
Título Ano Certificações Vendas
Perdendo a Linha 2015
Meu Boy 2016
Oh Quem Voltou (com Dani Russo e Naiara Azevedo) 2018  Brasil (Pro-Música Brasil)[14]

2× Platina

160.000‡
Quer Mais? (com MC Mirella)  Brasil (Pro-Música Brasil)[14] Diamante 300.000‡
Não Sou Obrigada 2019  Brasil (Pro-Música Brasil)[14] Platina 80.000‡

Singles promocionais[editar | editar código-fonte]

Lista de singles
Título Ano
Mulher do Poder 2012
Arrasei 2013
Não Corre 2014
Espelho Meu
Pa & Browse 2016

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Nomeação Resultado
2019 MTV Millennial Awards Danceokê "Não Sou Obrigada" Indicado
Crush do Ano Pocah Venceu
2020 Prêmio Jovem Brasileiro Hit do Ano "Pegando fogo" Feat Lara Silva Pendente
MTV Millennial Awards Zika do Baile Pocah Pendente
Melhor clipe feito em casa "Depois da quarentena" Pendente

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências