Temporada do Goiás Esporte Clube em 2010

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Goiás Esporte Clube
Temporada 2010
Goias Esporte Clube logo.svg
Treinador Brasil Hélio dos Anjos
Brasil Jorginho
Brasil Émerson Leão
Brasil Jorginho
Brasil Arthur Neto
Posição final
Jogos 74 (24 vitórias, 18 empates, 32 derrotas)
Saldo de gols -15 (101 gols marcados e 116 gols sofridos)
Artilheiro Rafael Moura (23 gols)
◄◄ Temporada 2009 Futebol Temporada 2011 ►►
editar


Temporada do Goiás Esporte Clube em 2010, participou do Goianão — ficando em 4º lugar —, da Copa do Brasil — caiu nas oitavas de finais — do Campeonato Brasileiro — onde ficou na 19ª colocação — e da Copa Sul-Americana - onde foi vice campeão.Após uma campanha ruim no Campeonato Brasileiro, o time foi rebaixado, em 2010, à Série B com dois jogos de antecipação. No entanto, o time fez uma boa campanha na Copa Sul-Americana, chegando a sua primeira final de uma competição internacional em vitória sobre o Palmeiras, de virada, por 2 a 1, no Pacaembu.[1] O Goiás tinha perdido o primeiro jogo por 1 a 0, no Serra Dourada e venceu no critério do gol fora de casa. No dia 1 de dezembro de 2010, venceu o Independiente da Argentina pelo placar de 2 a 0 no primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana.[2] Porém na partida de volta, o time perdeu por 3 a 1 no tempo normal e foi derrotado nos pênaltis por 5 a 3, ficando assim, em segundo lugar.[3]




Elenco profissional[editar | editar código-fonte]

Elenco de 2010

  • Atualizado em 28 de junho de 2015.[4]


Goleiros
Jogador
Brasil Harlei Capitão
Brasil Pedro Henrique
Brasil Rodrigo Calaça
Brasil Fábio
Defensores
Jogador Pos.
Brasil Matheus Menezes Z
Brasil Valmir Lucas Z
Brasil Alex Alves Z
Brasil Leyrielton Z
Brasil Clayton Sales Z
Brasil João Paulo Z
Brasil Júnior Z
Brasil Rafael Tolói Z
Brasil Régis Z
Brasil Marcão Z
Brasil Vítor Z
Brasil Wellington Saci Z
Brasil Ernando Z
Brasil Douglas Z
Brasil Wendel Z
Meio-campistas
Jogador Pos.
Brasil Marcelo Costa M
Brasil Túlio Guerreiro M
Brasil Jonílson M
Brasil Rithely M
Brasil Bernardo Vindo de Empréstimo M
Chile Ángel Rojas M
Brasil Carlos Alberto M
Brasil Romerito M
BrasilFelipe Amorim M
Brasil Amaral M
Brasil Fábio Bahia M
Atacantes
Jogador
Brasil Otacílio Neto
Brasil Rafael Moura
Brasil Felipe
Brasil Fernandão
BrasilDiogo Galvão
Brasil Johnathan Goiano
BrasilThiago Mendes
Brasil Assuério
BrasilEverton Santos
Legenda
  • Capitão: Capitão
  • Vindo de Empréstimo: Jogador emprestado ao Goiás

Goianão 2010[editar | editar código-fonte]

Equipe Município Em 2009 Estádio Melhores desempenhos
Goiás Goiânia Campeão Serrinha Campeão 22 vezes (última em 2009)

Classificação Final[editar | editar código-fonte]

Goianão 2010
Time PG J V E D GP GC SG
4 Goiás 28 18 8 4 6 31 25 6
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas; GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols
Classificado à Segunda-Fase (Semi-Final) do Goianão.

Tabela de Jogos[editar | editar código-fonte]

1ª Fase[editar | editar código-fonte]

Semifinal[editar | editar código-fonte]

Primeiro jogo[editar | editar código-fonte]

11 de abril de 2010 Goiás 0 - 0 Atlético Goianiense Estádio Serra Dourada, Goiânia
16:00
Público: 23.373 pagantes

Segundo jogo[editar | editar código-fonte]

18 de abril de 2010 Atlético Goianiense 4 - 2 Goiás Estádio Serra Dourada, Goiânia
16:00
Público: 13.566 pagantes

Artilharia[editar | editar código-fonte]

Média de Público[editar | editar código-fonte]

Time Jogos Público Total* Média de Público*
4 Goiás 10 58.733 5.874

*Considera-se apenas o público pagante.

Seleção do Campeonato[editar | editar código-fonte]

Festa de premiação aos Melhores do Goianão promovida pela Federação Goiana de Futebol

Fonte: Federação Goiana de Futebol

Copa do Brasil de Futebol de 2010[editar | editar código-fonte]

Estes são os resultados do Goiás nas partidas da Copa do Brasil de Futebol de 2010 que estão sendo realizadas em 2010 e organizados pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

UF Clube Forma de Classificação
Goiás. Goiás Goiás Campeão do Estadual 2009
  • A equipe do Goiás se classificou através da competiçõe estadual (veja acima).

Destaque[editar | editar código-fonte]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Chave 5[editar | editar código-fonte]

Primeiro jogo
24 de fevereiro Ituiutaba Minas Gerais 2 – 3 Goiás Goiás Estádio da Fazendinha, Ituiutaba
21:00
Kanu Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11'
William Saroa Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33'
Súmula
Borderô
Gol marcado aos 2 minutos de jogo 2' Felipe
Gol marcado aos 52 minutos de jogo 52' Rafael Moura
Gol marcado aos 56 minutos de jogo 56' Fernandão
Público: 806
Árbitro: São PauloSP Rodrigo Ferreira do Amaral

Segundo jogo
10 de março Goiás Goiás 0 – 0 Minas Gerais Ituiutaba Estádio da Serrinha, Goiânia
21:00
Súmula
Borderô
Público: 1.725
Árbitro: Mato GrossoMT Marcelo Alves dos Santos

Segunda fase[editar | editar código-fonte]

Chave 35[editar | editar código-fonte]

Primeiro jogo
17 de março São José-AP Amapá 0 – 1 Goiás Goiás Estádio Glicério Marques, Macapá
21:00
Gol marcado aos 75 minutos de jogo 75' Rafael Moura Público: 2.521
Árbitro: AmazonasAM Manuel Domingos Conceição Cruz

Segundo jogo
31 de março Goiás Goiás 7 – 0 Amapá São José-AP Estádio da Serrinha, Goiânia
21:00
Rafael Moura Gol marcado aos 12 minutos de jogo 12', Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15', Gol marcado aos 27 minutos de jogo 27', Gol marcado aos 41 minutos de jogo 41'
Romerito Gol marcado aos 50 minutos de jogo 50', Gol marcado aos 82 minutos de jogo 82'
Rithely Gol marcado aos 87 minutos de jogo 87'
Súmula Público: 1.009
Árbitro: Mato Grosso do SulMS Manoel Paixão dos Santos

Oitavas-de-final[editar | editar código-fonte]

A partir das oitavas-de-final, a ordem dos jogos será definida por sorteio e a partida de volta é obrigatória.

Chave 50[editar | editar código-fonte]

Primeiro jogo
15 de abril Vitória Bahia 4 – 0 Goiás Goiás Estádio Barradão, Salvador
21:00
Ramon Menezes Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68'
Júnior Gol marcado aos 74 minutos de jogo 74'
Bida Gol marcado aos 76 minutos de jogo 76'
Schwenck Gol marcado aos 90+1 minutos de jogo 90+1'
Público: 8.846
Árbitro: Santa CatarinaSC Célio Amorim

Segundo jogo
22 de abril Goiás Goiás 2 – 2 Bahia Vitória Estádio Serra Dourada, Goiânia
21:50
Felipe Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3' (pen)
Fernandão Gol marcado aos 32 minutos de jogo 32'
Gol marcado aos 16 minutos de jogo 16' Uelliton
Gol marcado aos 41 minutos de jogo 41' Júnior
Público: 2.107
Árbitro: Rio Grande do SulRS Leonardo Gaciba da Silva

Artilharia[editar | editar código-fonte]

6 gols (4)
2 gols (30)
1 gol (142)

Copa Sul-Americana de 2010[editar | editar código-fonte]

A Copa Sul-Americana de 2010 foi a nona edição do torneio de futebol realizado no segundo semestre de cada ano pela Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL). Equipes das dez associações sul-americanas participaram do torneio.A final foi disputada entre Independiente, da Argentina, e Goiás, do Brasil. Na primeira partida da decisão em Goiânia, vitória do Goiás por 2–0 e na volta, em Avellaneda, o Independiente foi o vencedor por 3–1. Como as equipes igularam no saldo de gols, foi preciso uma prorrogação e em seguida disputa por pênaltis para definir o título, vencido pelo Independiente por 5–3.[6]

País Equipe Classificação
 Brasil
(8 vagas)
Goiás 9ª colocação no Campeonato Brasileiro de 2009
Ano Final Semifinalistas
Campeão Placar Vice
2010
Detalhes
Argentina
Independiente
0 – 2
3 – 1
(5 – 3 pên.)
Brasil
Goiás
Equador
LDU Quito
Brasil
Palmeiras

Segunda fase[editar | editar código-fonte]

A segunda fase foi disputada pela equipes classificadas em primeiro lugar de cada país, além das equipes da Argentina e do Brasil e os oito que avançaram da primeira fase. São 16 chaves com partidas de ida e volta.

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
O14 Goiás Brasil 3–1 Brasil Grêmio 1–1 2–0

Chave O14[editar | editar código-fonte]

5 de agosto Goiás Brasil 1 – 1 Brasil Grêmio Estádio Serra Dourada, Goiânia
19:30 (UTC-3)
Rafael Moura Gol marcado aos 78 minutos de jogo 78' (pen) Relatório Hugo Gol marcado aos 36 minutos de jogo 36' Árbitro: BrasilBRA Marcelo Henrique

12 de agosto Grêmio Brasil 0 – 2 Brasil Goiás Estádio Olímpico, Porto Alegre
19:30 (UTC-3)
Relatório Amaral Gol marcado aos 9 minutos de jogo 9'
Éverton Santos Gol marcado aos 90 minutos de jogo 90'
Árbitro: BrasilBRA Paulo César Oliveira

A fase final da Copa Sul-Americana de 2010 foi disputada entre 28 de setembro e 8 de dezembro, compreendendo as disputadas de oitavas-de-final, quartas-de-final, semifinais e final.

As equipes se enfrentaram em jogos eliminatórios de ida e volta, classificando-se para a fase seguinte a que somasse o maior número de pontos. Em caso de igualdade em pontos, a regra do gol marcado como visitante entraria em consideração (exceto na final). Persistindo o empate, a vaga seria definida em disputa por pênaltis.[7]

Nas finais, caso ocorresse igualdade em pontos e no saldo de gols seria disputada uma prorrogação. Se ainda assim não houvesse definição, haveria disputa por pênaltis.[7]

Oitavas-de-final[editar | editar código-fonte]

Em 24 de setembro a CONMEBOL anunciou o programa para as oitavas-de-final.[8]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
C3 Peñarol Uruguai 3–3 (gf) Brasil Goiás 0–1 3–2

Chave C3[editar | editar código-fonte]

Todas as partidas estão no horário local.


13 de outubro Goiás Brasil 1 – 0 Uruguai Peñarol Estádio Serra Dourada, Goiânia
19:30 (UTC-3)
Rafael Moura Gol marcado aos 23 minutos de jogo 23' Relatório Árbitro: ArgentinaARG Diego Abal

20 de outubro Peñarol Uruguai 3 – 2 Brasil Goiás Estádio Centenário, Montevidéu
19:30 (UTC-2)
Corujo Gol marcado aos 38 minutos de jogo 38'
M. Sosa Gol marcado aos 43 minutos de jogo 43'
Martinuccio Gol marcado aos 84 minutos de jogo 84'
Relatório Rafael Moura Gol marcado aos 17 minutos de jogo 17'
Carlos Alberto Gol marcado aos 77 minutos de jogo 77'
Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Amarilla

Quartas-de-final[editar | editar código-fonte]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
S3 Avaí Brasil 2–3 Brasil Goiás 2–2 0–1

Chave S3[editar | editar código-fonte]

Todas as partidas estão no horário local.

27 de outubro Goiás Brasil 2 – 2 Brasil Avaí Estádio Serra Dourada, Goiânia
22:00 (UTC-2)
Rafael Moura Gol marcado aos 29 minutos de jogo 29', Gol marcado aos 90+4 minutos de jogo 90+4' Relatório Davi Gol marcado aos 52 minutos de jogo 52' (pen)
Marcelinho Gol marcado aos 71 minutos de jogo 71'
Público: 3.742
Árbitro: BrasilBRA Wilson Seneme

11 de novembro Avaí Brasil 0 – 1 Brasil Goiás Estádio da Ressacada, Florianópolis
20:00 (UTC-2)
Relatório Rafael Moura Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45' Público: 9.572 [9]
Árbitro: BrasilBRA Héber Lopes

Semifinais[editar | editar código-fonte]

Como duas equipes do Brasil alcançaram essa fase, os confrontos pré-determinados foram alterados para que essas equipes se enfrentassem nessa fase.[7]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
F2 Palmeiras Brasil 2–2 (gf) Brasil Goiás 1–0 1–2

Chave F2[editar | editar código-fonte]

Todas as partidas estão no horário local.

17 de novembro Goiás Brasil 0 – 1 Brasil Palmeiras Estádio Serra Dourada, Goiânia
21:50 (UTC-2)
Relatório Marcos Assunção Gol marcado aos 49 minutos de jogo 49' Público: 14.129
Árbitro: BrasilBRA Evandro Roman

24 de novembro Palmeiras Brasil 1 – 2 Brasil Goiás Estádio do Pacaembu, São Paulo
21:50 (UTC-2)
Luan Gol marcado aos 34 minutos de jogo 34' Relatório Carlos Alberto Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45'
Ernando Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
Árbitro: BrasilBRA Héber Lopes

Final[editar | editar código-fonte]

O campeão da Copa Sul-Americana de 2010 adquiriu o direito de participar da Copa Libertadores da América de 2011, além de disputar a Recopa Sul-Americana e a Copa Suruga Bank do ano seguinte.

Ano País Clube mandante Resultado Clube visitante País Estádio Local Notas
2010 Brasil Goiás 2–0 Independiente Argentina Serra Dourada Goiânia, Brasil [10]
Argentina Independiente 3–1 Goiás Brasil Libertadores de América Avellaneda, Argentina
Empate por 3–3 no placar agregado. Independiente venceu por 5–3 na disputa por pênaltis **
** Venceu a partida nos pênaltis após o tempo regular
Negrito Indica o vencedor da competição


1 de dezembro Goiás Brasil 2 – 0 Argentina Independiente Estádio Serra Dourada, Goiânia
22:00 (UTC-2)
Rafael Moura Gol marcado aos 14 minutos de jogo 14'
Otacílio Neto Gol marcado aos 22 minutos de jogo 22'
Relatório Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Torres

8 de dezembro Independiente Argentina 3 – 1 (pro) Brasil Goiás Estádio Libertadores de América, Avellaneda
21:00 (UTC-3)
J. Velázquez Gol marcado aos 19 minutos de jogo 19'
Parra Gol marcado aos 27 minutos de jogo 27', Gol marcado aos 34 minutos de jogo 34'
Relatório Rafael Moura Gol marcado aos 22 minutos de jogo 22' Árbitro: ColômbiaCOL Óscar Ruiz
    Penalidades  
M. Velázquez Convertido
Parra Convertido
Gracián Convertido
Matheu Convertido
Tuzzio Convertido
5 – 3 Convertido Rafael Tolói
Convertido Éverton Santos
Erro (chute na trave) Felipe
Convertido Rafael Moura
 
Clube Vencedor Vice-colocação Anos vencedor Anos vice-colocado
Brasil Goiás 0 1 2010

Artilheiros[editar | editar código-fonte]