Medicina natural

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A medicina natural (também chamada de naturopatia) é uma medicina alternativa complementar, que enfatiza a capacidade intrínseca do corpo para curar-se e manter-se. Naturopatas utilizam recursos naturais como ervas e alimentos ao invés de fármacos sintéticos e cirurgias. A naturopatia inclui muitas modalidades de tratamento, tendo uma abordagem holística da assistência ao paciente, que pode ser acompanhada juntamente com a medicina alopática. O termo naturopatia foi utilizado pela primeira vez pelo Dr. John Scheel, em 1885.[1] Em 1902 Benedict Lust também passou a utilizar.[2]

Este tipo de prática, aborda o paciente como se fosse único e os tratamentos são específicos para cada pessoa.[3]

Clínica naturopata[editar | editar código-fonte]

Os médicos naturopatas não se limitam a tratar apenas os sintomas de seus pacientes. Desenvolvem uma série de técnicas para encontrarem uma causa paralela à doença. No consultório, observam também a conduta emocional, o caráter e são utilizados diversos exames clínicos tais como: palpação, avaliação das unhas, pulso, observação da fala, língua, ouvidos, entre outros.[2]

Notas e referências

  1. Naturopatia (em Italiano). Página visitada em 22/01/2009.
  2. a b COUTINHO, Gilberto. Entenda a naturopatia. Página visitada em 22/01/2009.
  3. ABORDAGENS TERAPÊUTICAS. Página visitada em 22/01/2009.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.