Teléfassa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Na mitologia grega, Teléfassa (Grego Antigo: Τηλέφασσα) é a esposa de Agenor. Às vezes é chamada de Argiope, que de acordo com o seu nome significa "líder de homens" na Fenícia.[1] [2] Ela teve vários filhos, incluindo Europa, Cilix, Cadmo, Tasus,[3] e Fênix. Zeus viu Europa colhendo flores, transformou-a em um touro branco, e levou-a para a ilha de Creta. Ele então revelou sua verdadeira identidade e Europa se tornou a primeira rainha de Creta.

Teléfassa acompanhou seu filho Cadmo na busca para encontrar Europa. A mãe e o filho viajaram para as ilhas de Rodes e Santorini, antes de chegar à Trácia, onde Teléfassa adoeceu e morreu. "Em Samotrácia ... a mãe foi chamada Elektra ou Elektryone", observa Karl Kerényi.[4] Depois de enterrar sua mãe, Cadmo foi informado sobre o oráculo de Delfos pelos trácios. Ao consultar o oráculo, ele foi aconselhado a viajar até encontrar uma vaca. Então, seguiu essa vaca e fundou uma cidade onde a vaca deitou-se; esta cidade se tornou Tebas. Cilix, outro irmão de Europa, também procurou por ela e estabeleceu-se no sul da Ásia Menor. Mais tarde, a terra foi chamada de Cilícia por ele.

Referências

  1. Kerenyi, The Heroes of the Greeks 1959:27.
  2. "Ela possuia o nome lunar de Teléfassa ou Teléfae, 'ela que ilumina longe', ou Argiope 'ela de rosto branco'" escreve Károly Kerényi em The Heroes of the Greeks 1959:27.
  3. Kerenyi 1959:27f.
  4. Kerenyi 1959:27.
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Telephassa».
Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia grega é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.