Anos Dourados

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Anos dourados)
Ir para: navegação, pesquisa
Anos Dourados
Logotipo da minissérie
Informação geral
Formato Minissérie
Gênero
Duração 40 min. (aproximadamente)
Criador(es) Gilberto Braga
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Roberto Talma
Elenco Malu Mader
Felipe Camargo
Betty Faria
José de Abreu
Cláudio Corrêa e Castro
Nívea Maria
Yara Amaral
Isabela Garcia
Taumaturgo Ferreira
Tema de abertura "Instrumental"
Exibição
Emissora de
televisão original
Brasil Rede Globo
Formato de exibição 480i (SDTV)
Transmissão original 5 de maio de 1986 - 30 de maio de 1986
N.º de episódios 20

Anos Dourados é uma minissérie brasileira produzida pela Rede Globo e exibida de 5 a 30 de maio de 1986, em 20 capítulos. Foi escrita por Gilberto Braga e dirigida por Roberto Talma. [1] [2]

Foi reapresentada na íntegra, pela Rede Globo, entre 5 de outubro a 5 de novembro de 1988, e em uma versão compacta de 10 capítulos no Festival 25 anos, entre 06 á 17 de Agosto de 1990. Foi reapresentada no quadro 'Novelão', do programa Vídeo Show, entre 07 á 11 de Abril de 2014, em 10 capítulos. Foi reapresentada novamente, agora em formato de longa-metragem, finalizando o festival Luz, Câmera, 50 Anos.

Foi reexibida pelo Canal Viva de 29 de abril a 24 de maio de 2013.[3] [4] [5]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Lurdinha (Malu Mader) e Marcos (Felipe Camargo) se apaixonam à primeira vista. Ela estuda no Instituto de Educação; ele, no Colégio Militar – duas tradicionais instituições de ensino da Tijuca, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Mas os pais de Lurdinha – os conservadores dr. Carneiro (Cláudio Corrêa e Castro) e Celeste (Yara Amaral) – rejeitam o rapaz por ele ser filho de pais separados e tentam, de todas as maneiras, afastá-lo da jovem. Sem diálogo com a família, Lurdinha não consegue defender o amor que sente por Marcos, mas, mesmo assim, não deixa de encontrá-lo às escondidas.

Marcos, sem saber que a jovem omite dos pais o namoro, insiste em conhecê-los. Ela sempre inventa uma desculpa até que, um dia, Marcos aparece sem avisar na casa de Lurdinha e pergunta a Celeste e Carneiro se eles vêem com simpatia a relação dos dois. Desconcertados ao descobrirem a mentira da filha, eles inventam que Lurdinha está de castigo por conta de notas baixas e, por isso, não poderá vê-lo. Os pais de Lurdinha, influenciados por uma professora da jovem, decidem, então, aceitar o namoro dos dois. Acreditavam que, concedendo permissão para o romance, ela logo se desinteressaria dele, pois, o "fruto proibido" é que estava motivando a filha.

Com o tempo, Lurdinha e Marcos enfrentam outro tabu da época: a virgindade. A jovem chega a perguntar para a mãe se é normal sentir desejo pelo namorado, e Dona Celeste, sempre repressora, responde: “Sexo é pecado. A mulher só pratica o sexo depois de casada, para satisfazer o marido”.

As dúvidas de Lurdinha sobre o assunto levam Marcos a se envolver com Rosemary (Isabela Garcia). Ao contrário da doce e tímida normalista, Rosemary é ousada e tem ideias modernas, embora também seja virgem. Lurdinha flagra os dois aos beijos e, arrasada, rompe com Marcos.

Depois de muitos conflitos, Marcos e Lurdinha terminam juntos e felizes. Dr. Carneiro se suicida quando descobrem que ele tem uma amante, Vitória (Lúcia Alves). Já Celeste não consegue superar o golpe e entra em depressão

Elenco[6] [editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Capa: Felipe Camargo e Malu Mader

  1. When I Fall In Love (Nat King Cole)[7] [8]
  2. Franqueza (Maysa)
  3. Tu Me Acostumbraste (Roberto Yanes)
  4. Por Causa De Você (Dolores Duran)
  5. I Apologize (Billy Eckstine)
  6. Patrícia (Perez Prado)
  7. All Of You (Ella Fitzgerald)
  8. Alguém Como Tu (Dick Farney)
  9. What A Diference A Day Makes (Dinah Washington)
  10. Accarezzame (Teddy Renno)
  11. As Praias Desertas (1958)(Elizeth Cardoso)
  12. Smoke Gets In Your Eyes (The Platters)
  13. Mon Manegê A Moi (Tu Me Fais Tourner La Tête)(Edith Piaf)
  14. Anos Dourados (1986) - Instrumental (Tom Jobim)

Referências

  1. Nilson Xavier. Anos Dourados - Teledramaturgia Teledramaturgia. Visitado em 19 de junho de 2014.
  2. Anos Dourados - Ficha Técnica Memória Globo. Visitado em 19 de junho de 2014.
  3. Canal Viva (10 de abril de 2013). “Anos Rebeldes” e “Anos Dourados” voltam ao VIVA Mais da TV - Canal Viva. Visitado em 21 de junho de 2014.
  4. Canal Viva (24 de abril de 2013). Minissérie 'Anos Dourados' no VIVA Matérias - Anos Dourados - Canal Viva. Visitado em 21 de junho de 2014.
  5. Nilson Xavier. Anos Dourados (Bastidores) Teledramaturgia. Visitado em 21 de junho de 2014.
  6. Saiba tudo sobre a minissérie Anos Dourados Matérias - Vivapédia - Canal Viva (06 de maio de 2013). Visitado em 21 de junho de 2014.
  7. Nilson Xavier. Anos Dourados (Trilha Sonora) Teledramaturgia. Visitado em 19 de junho de 2014.
  8. Anos Dourados - Trilha Sonora Memória Globo. Visitado em 19 de junho de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]