Ministérios do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Coat of arms of Brazil.svg
Parte da série sobre
Política do Brasil
Portal Portal do Brasil

Os ministérios do Brasil são órgãos do poder executivo federal brasileiro. Desde janeiro de 2019, são 22 pastas ministeriais, sendo 16 ministérios, duas secretarias e quatro órgãos equivalentes a ministérios.[1] Cada ministério é responsável por uma área específica e é liderado por um ministro ou ministro-chefe. O titular da pasta é escolhido pelo Presidente da República.

Execução e diretrizes[editar | editar código-fonte]

Bandeira do Ministro de Estado da Defesa do Brasil.

Dentre os ministérios que compõem o Governo Federal, o mais antigo é o da Justiça, criado em 3 de julho de 1822, pelo Príncipe Regente D. Pedro, com nome de Secretaria de Estado de Negócios da Justiça.[2] Os ministros auxiliam o Presidente da República no exercício do Poder Executivo. O de Relações Exteriores, por exemplo, assessora na formulação e execução da política externa brasileira.[carece de fontes?]

Os Ministérios elaboram normas, acompanham e avaliam os programas federais, formulam e implementam as políticas para os setores que representam. São encarregados, ainda, de estabelecer estratégias, diretrizes e prioridades na aplicação dos recursos públicos.[carece de fontes?]

Atuais pastas[editar | editar código-fonte]

A tabela a seguir mostra a relação dos ministérios, seus titulares e respectivo partido político ao qual se afiliou. As pessoas listadas compõem o alto escalão da administração pública federal sob o governo de Jair Bolsonaro:[3][1][4][5]

# Ministério Sigla Foto Atual ministro(a) Partido
1 Agricultura, Pecuária e Abastecimento MAPA Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias (cropped).jpg Tereza Cristina DEM
2 Cidadania MC Osmar Terra em 12 de maio de 2016 (cropped).jpg Osmar Terra MDB
3 Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações MCTIC Ministro Marcos Pontes (cropped).jpg Marcos Pontes PSL
4 Defesa MD General fernando azevedo e silva autoridade olimpica (cropped).jpg Fernando Azevedo e Silva
5 Desenvolvimento Regional MDR Gustavo Canuto (cropped).jpg Gustavo Henrique Canuto
6 Economia ME Paulo Guedes no Reporter NBR (cropped).jpg Paulo Guedes
7 Educação MEC Abraham Weintraub
8 Infraestrutura MI CI - Comissão de Serviços de Infraestrutura (40381627071) (cropped).jpg Tarcísio Gomes de Freitas
9 Justiça e Segurança Pública MJSP Juiz-Sergio-Moro-comissão-combate-corrupção.jpg Sérgio Moro
10 Meio Ambiente MMA Ricardo-salles.jpg Ricardo Salles NOVO
11 Minas e Energia MME BentoCostaJr.jpg Bento Costa Lima Leite
12 Mulher, Família e Direitos Humanos MMFDH Damares Alves em fevereiro de 2019 (2).jpg Damares Alves
13 Relações Exteriores MRE Ernesto Araújo Senado.jpg Ernesto Araújo
14 Saúde MS Luiz Henrique Mandetta.jpg Luiz Henrique Mandetta DEM
15 Turismo MTur Deputado Federal Marcelo Álvaro Antônio - PR-MG (cropped).jpg Marcelo Álvaro Antônio PSL
16 Controladoria-Geral da União CGU Wagner Rosário ministro.jpg Wagner Rosário
Secretarias com status de ministério (ligadas à Presidência da República)
17 Secretaria de Governo SeGov Press conference with SRSG Roger Meece and Force Commander Alberto Dos Santos Cruz in Goma (9026655792) (cropped).jpg Carlos Alberto dos Santos Cruz
18 Secretaria-Geral SG Floriano Peixoto Vieira Neto.jpg Floriano Peixoto
Órgãos com status de ministério (ligados à Presidência da República)
19 Advocacia-Geral da União AGU André Luiz de Almeida Mendonça
20 Banco Central do Brasil BC Roberto Campos Neto (cropped).jpg Roberto Campos Neto
21 Casa Civil CC Onyx Lorenzoni.JPG Onyx Lorenzoni DEM
22 Gabinete de Segurança Institucional GSI Augusto Heleno (2007) (cropped).jpg Augusto Heleno

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Ministros». Site da Presidência da República. Consultado em 24 de maio de 2016 
  2. «Governo federal é formado por ministérios, secretarias e órgãos especiais». www.brasil.gov.br. 31 de outubro de 2009. Consultado em 15 de janeiro de 2019 
  3. «Planalto anuncia ida de Mercadante para Casa Civil e Chioro para a Saúde». G1. Consultado em 30 de janeiro de 2014 
  4. «Temer empossa novos ministros em cerimônia no Planalto». G1. 10 de abril de 2018. Consultado em 10 de abril de 2018 
  5. «Bolsonaro dá posse a ministros no Palácio do Planalto após receber faixa presidencial». G1. Consultado em 2 de janeiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]