Theodore von Kármán

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Theodore von Kármán
Física
Theodore von Kármán, 1950
Nacionalidade Hungria Húngaro, Estados Unidos estadunidense
Residência  Hungria,  Alemanha,  Estados Unidos
Nascimento 11 de Maio de 1881
Local Budapeste
Morte 6 de Maio de 1963 (81 anos)
Local Aachen
Atividade
Campo(s) Física
Instituições Universidade de Göttingen, Universidade Técnica de Aachen, Instituto de Tecnologia da Califórnia
Tese 1908: Untersuchungen über Knickfestigkeit
Orientador(es) Ludwig Prandtl
Orientado(s) Maurice Anthony Biot, Louis Dunn, Richard Gilman Folsom, Giuseppe Gabrielli, Wallace Hayes, Arthur Thomas Ippen, Chia-Chiao Lin, Frank Malina, Frank E. Marble, Hu Ning, William R. Sears, Ernest Edwin Sechler, Qian Xuesen, Guo Yonghuai
Prêmio(s) Gibbs Lecture (1939), Medalha ASME (1941), Medalha Presidencial por Mérito (1946), Medalha Franklin (1948), Medalha John Fritz (1948), Anel Ludwig Prandtl (1957), Medalha Timoshenko (1958), Medalha Nacional de Ciências (1962), National Inventors Hall of Fame

Theodore von Kármán (em húngaro: Kármán Tódor; Budapeste, 11 de Maio de 1881Aachen, 6 de Maio de 1963) foi um físico judeu-húngaro, muitas vezes cognominado como 'pai da era supersônica'.

Doutorado em mecânica pela Universidade de Göttingen em 1908, orientado por Ludwig Prandtl,1 em 1912 foi nomeado diretor do Instituto Aeronáutico da Universidade Técnica de Aachen. Em 1930, deixou a Alemanha para ir aos Estados Unidos, onde assumiu o cargo de diretor do Laboratório Aeronáutico Guddenhein, no Instituto de Tecnologia da Califórnia. Em 1936, acabou por adotar a cidadania norte-americana.

Durante seus quase vinte anos de trabalho para o instituto californiano, von Kármán abriu novas perspectivas para a pesquisa de foguetes. Foi um dos primeiros a construir helicópteros operáveis e formulou teorias e desenhos que tornaram possível o desenvolvimento do avião-foguete Bell X-1.

Theodore von Kármán em um selo dos Estados Unidos

Em 1942, o laboratório onde trabalhava passou a operar com pesquisas sobre jato-propulsão. Von Kármán fundou, então, o Aerojet Engineering Corporation, mais tarde chamado Aerojet, que se tornaria uma das mais importantes fábricas de foguetes do mundo.

Em 1951, criou o Conselho Consultivo de Pesquisa e Desenvolvimento da Aeronáutica (subordinado à OTAN), do qual foi presidente entre 1952 - 1963. Além disso, von Kármán também editou livros sobre aerodinâmica.

Theodore von Kármán afirmava que o que distingue um cientista de um engenheiro é que “o cientista descobre o que existe, enquanto que o engenheiro cria o que nunca existiu”.

Foi agraciado com a Medalha Timoshenko de 1958.

Obras selecionadas[editar | editar código-fonte]

  • Aerodynamics - Selected Topics in the Light of their Historical Development, Cornell University Press, Ithaca, 1954
  • Collected Works, (4 Volumes), Von Karman Institute, Rhode St. Genese, 1975 (limited edition book); also Butterworth Scientific Publ., London 1956. Many papers from volumes 1 and 2 are in German.
  • From Low Speed Aerodynamics to Astronautics, Pergamon Press, London, 1961
  • The Wind and Beyond - Theodore von Kármán Pioneer in Aviation and Pathfinder in Space, Little Brown, 1967 (com L. Edson)
  • Mathematical Methods in Engineering, McGraw Hill, 1940 (com Maurice Anthony Biot)

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Enrico Fermi e Robert Robinson
Medalha Franklin
1948
com Wendell Meredith Stanley
Sucedido por
Theodor Svedberg
Precedido por
Stephen Timoshenko
Medalha Timoshenko
1958
com Arpad Nadai e Geoffrey Ingram Taylor
Sucedido por
Richard V. Southwell
Precedido por
Medalha Nacional de Ciências - Engenharia
1962
Sucedido por
Vannevar Bush


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.